Ainda vivos!

O jogo contra o Palmeiras poderia ser a pá de cal nas esperanças do Vasco em se manter na Série A. Fora de casa, contra uma equipe forte e com o Gigante passando por uma sequência de cinco partidas sem vencer, ou seja, tudo estava contra.

O que muitos esperavam não se concretizou. O verdão poderia enterrar de vez o Vasco, mas aconteceu o contrário: com personalidade e uma boa atuação, vencemos a partida por 2 a 0, calamos o Allianz Parque e o que poderia ser o derradeiro momento de fé vascaíno se tornou um motivo para que nossas esperanças se renovassem.

Não foi uma partida excelente – como nenhuma do Vasco nesse campeonato – mas foi da forma como falei ontem. A vitória era importante demais para que nos preocupássemos de que maneira ela ocorreria. Vencer era o principal, e se não temos como dar grandes demonstrações de qualidade, mostramos empenho e aplicação tática. E o principal: o resultado veio.

Podemos dizer que as alterações no time deram certo. Tanto que nos perguntamos porque não foram feitas antes. Não por Bruno Gallo, apesar da dupla Diguinho e Serginho ter feito uma partida segura, mas a saída do Rúlio dos Santos e as mexidas no ataque trouxeram uma maior proteção ao meio e maior mobilidade no ataque. Com a escalação de ontem, nem corremos muitos riscos e com atacantes que não se enterram no meio dos zagueiros, Nenê teve mais liberdade e conseguiu fazer uma das suas melhores atuações com a armadura cruzmaltina.

Rafael Silva, artilheiro do time no ano com o 10º gol marcado na partida de ontem, mostrou mais uma vez que, mesmo não sendo um primor de técnica, não pode ser reserva do Jorge Henrique. Além de abrir o placar, Rafael também teve participação decisiva no segundo gol, iniciando a jogada que culminou com o belo toque de Nenê tirando Fernando Prass.

Com os dois gols marcados ainda na primeira etapa, o Vasco passou os 45 minutos finais controlando a partida, mantendo a firmeza na marcação e cozinhando a partida quando possível. Talvez não tenha sido nossa melhor partida na competição, mas decididamente foi a que mostramos mais eficiência.

Depois de desperdiçar um monte de rodadas, finalmente conseguimos nos aproximar da 16ª colocação e podemos até sair do Z4 já na próxima partida. Não será nada fácil, já que teremos pela frente o virtual – mas ainda não – campeão Corinthians. Mas teremos uma boa dezena de dias para treinar e tentar mais uma vez calar todos os que dão o Vasco como um adversário que será facilmente batido, como muitos pensaram sobre o jogo de ontem.

Ainda temos uma missão muito difícil pela frente. Mas quem foi ao Allianz Parque ontem pode ver que o Vasco está muito vivo nessa luta.

As atuações….

Martín Silva – nos poucos momentos em que precisou fazer alguma coisa, mostrou segurança.

Madson – não muito distante do usual no apoio: algumas boas jogadas ofensivas (sem conseguir conclui-las a contento). Com dois volantes de maior pegada no time, teve menos problemas com a defesa.

Luan – muito bem nas antecipações e no combate direto, mas poderia se abster de tentar lançamentos. Não acertou nenhuma das bolas esticadas que fez.

Rodrigo – xerifou como sempre, liderando a defesa.

Julio Cesar – mais presente na defesa que no apoio, foi bem também.

Serginho – bem no combate, se atrapalhou nas subidas ao ataque. Ainda assim fez uma boa jogada no primeiro tempo, tirando dois marcadores e arriscando um chute (teria sido melhor o passe, mas aí seria esperar demais do cara).

Diguinho – era o dia do Diguinho jogar bem: junto com Serginho garantiu uma boa proteção à zaga, fez com eficiência a saída de bola a foi o maior ladrão da partida.

Andrezinho – um pouco mais recuado, fez bem a transição do meio para o ataque.

Nenê – dessa vez conseguiu comandar o time como deveria: mostrou habilidade, boa movimentação e oportunismo para marcar o segundo gol. Saiu no fim, com dores, para a entrada do Rafael Vaz, que entrou para garantir o resultado.

Riascos – ainda que mostre evidentes limitações intelectuais, não pode ser reserva do Leandrão. Com ele em campo, a zaga adversária tem um mínimo de trabalho para marcar nosso ataque, já que o colombiano corre como um maluco por todos os lados do campo. Tanto que foi o jogador que mais sofreu faltas na rodada. Saiu extenuado, com câimbras, para a entrada do Eder Luis no finzinho da partida.

Rafael Silva – mesmo que Jorge Henrique não estivesse com uma contusão que provavelmente o manterá fora dos campos pelo resto do campeonato, não faria o menor sentido manter o Rafael no banco. Além de poder cumprir a função tática de marcar o lateral adversário com mais vigor que o veterano “Jorgenrique”, Rafael tem sido muito mais decisivo, sempre levando perigo e volta e meia marcando seus golzinhos. Tanto que chegou à artilharia do time no ano com o gol de cabeça que marcou ontem. Também iniciou a jogada do segundo gol, passando aos trancos e barrancos por dois marcadores. Saiu para a entrada do Julio dos Santos, que entrou para reforçar a marcação pelo meio e não chegou a comprometer.

***

Lembrando a todos que o Blog da Fuzarca está participando do Top Blog 2015 e o voto de vocês é importante para que esse humilde espaço leve, mais uma vez, esse caneco. Cada leitor pode votar mais de uma vez, então não se acanhem em clicar aqui ou no banner na coluna à esquerda da página todos os dias (mais de uma vez, se for possível)….

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG. E os usuários do Gmail também podem incluir a página do blog no Google Plus.

Anúncios

78 Comentários

Arquivado em Atuações, Resenhas, Vídeos

78 Respostas para “Ainda vivos!

  1. Tenorio Silva

    Sinceramente, JC Barbosa, deve estar havendo um problema conceitual a respeito do que é um jogador valoroso ou não, do que é ser merecedor de um salário astronômico desses ou não. E nem irei falar da parte (i)moral que é ter um salário desses no Brasil.

    Sabemos também que a marca atrai valores maiores atrelados ao clube que possui o atleta. Sabemos que, por exemplo, dos anos 80 aos 90, jogar no Vasco era um peso maior do que na maioria dos clubes do Brasil. O jogador era mais valorizado. Hoje o Vasco estaria num segundo escalão, abaixo dos queridos da mídia paulista e carioca, além do São Paulo e Inter, pelas recentes conquistas internacionais. Não cito Galo e Raposa por serem sucessos efêmeros e pontuais. Poucos se recordam que em 2011, enquanto nós, vascaínos, estávamos brigando pela taça nacional contra o Corinthians, ambos estavam no limbo.

    Outro ponto de destaque é saber que a ganhar metade de um salário desses ‘top’ não necessariamente quer dizer que o atleta que o recebe joga apenas a “metade” do futebol do mais abastado. Porém tenho a certeza de que essas diferenças são mínimas dentro de campo e as faixas salarias atuais representam muito pouco nessa relação qualidade x salário.

    Dos atletas por vc citados (percebi que não mencionou ninguém do nosso co-irmão da Gávea), penso que um terço deles estaria num patamar mesmo acima, muito embora, alguns deles, devido ao desempenho apresentado ao longo da temporada. O melhor exemplo é o Jadson que não deve estar recebendo nada a mais do que ganhava no SPFC e está jogando bem melhor. Renato Augusto depois de muito tempo conseguiu uma regularidade nas atuações (e em sequência) que jamais havia obtido em sua carreira.

    Gil, Fagner, Leonardo Silva, Marcus Rocha, Thiago Ribeiro, Réver (?), Vitinho, Bressan (!?!?!?!), Douglas, Breno (?), Carlinhos, Manoel, Dedé, Osvaldo e até Ricardo Oliveira (que foi uma aposta bem sucedida aos 34 anos) são jogadores bons, mas não passam disso. Alguns são até titulares absolutos em seus clubes, mas não são merecedores de salário ‘top’. Isso eu aceitaria para dois ou três craques do time. E refiro-me aos “craques de hoje” no Brasil, ou seja, os sem-mercado na Europa.

    Um ótimo exemplo de como formar um time caro nem sempre representa qualidade, que jogador hoje do Palmeiras faz jus a ganhar um salário ‘top’?

    No SPFC, talvez um Pato… Michel Bastos… Ceni (pela antiguidade)… Luis Fabiano (mas se despedindo)… Kardec (será?)… Ganso (não está merecedor)…

    No Santos, Lucas Lima. Geovânio e Gabigol são garotos que ainda não devem estar nesse patamar, embora sejam excelentes.

    No Grêmio, Giuliano e mais ninguém.

    No Inter, Valdívia. D’Alessandro e Alex não valem o custo/benefício.

    No Cruzeiro, William. Mas Damião?… rs

    No Galo, Luan, Dátolo e Pratto.

    No Flu, Fred. Jean e Cícero quase isso.

    Agora eu começo a entender como os clubes são tão mal administrados…

    • JC Barbosa

      A questão foi: : “vc citou 5 grandes equipes que teriam 4 ou 5 atletas ganhando esse nosso topo de salário. Mas me diga o seguinte, quem seriam esses jogadores? Será que não são superestimados?”

      Citei mais de cinco grandes equipes que teriam mais de 4 ou 5 atletas ganhando R$ 300 mil/mês. Analisar o futebol deles, é outra questão, completamente subjetiva. Vc pode achar que nenhum deles vale isso tudo, mas não era esse o ponto. E, mesmo que vc não goste deles, qualquer um dos citados (excetuando talvez os goleiros) seriam titulares indiscutíveis no Vasco. Ou seja, justificariam o salário top no clube (independente do valor).

      E há outra questão aí: alguns dos citados ganham mais (as vezes até bem mais) que os tais R$ 300 mil.

  2. natan-Vasco

    Ainda estamos vivos, mas é certo de que na próxima rodada vem pilantragem por aí…

  3. Fabi

    Nessa partida contra o Palmeiras o nosso Xerife (Rodrigo) foi o máximo, o cara não deu moleza pra ninguém ganhou todas pelo alto e por baixo. Até o Luan foi bem.

  4. Isso sim é ser vascaíno, o resto é balela! http://www.netvasco.com.br/n/170674/juninho-pernambucano-diz-que-abre-mao-do-que-o-vasco-lhe-deve-para-a-construcao-de-um-ct-para-o-clube
    Aprende seu euvírus de merda e sua corja! Enquanto vcs se beneficiam do Vasco, outros querem o bem do clube!

    • Lucas

      Juninho demonstra verdadeiramente amor pela instituição. Diferentemente do tal “Animal” e também do “Baixinho”, que não passam de dois mercenários, mas são, não sei o porquê, endeusados pela torcida. .

      • Hugo ise

        Parou por aí… Cada um tem a sua história de glórias, não podem ser escrachados por cobrarem direitos trabalhistas, como qualquer outro cidadão o faria, inclusive você, ou será que você perdoaria a dívida do seu empregador só por ser um amigo?

      • Thiago Braga

        Boa tarde!!

        Diogo e Lucas lamento dizer a vocês, que isso não procede! Os soldados da net que militam em nome do Eurico, dizem que o Juninho é um palhaço e falou isso pra tumultuar o ambiente!!

        JUNINHO É O CARA! Erra e acerta igual qualquer um de nós! Mas é brincadeira o quanto é diferenciado!!! PRECISAMOS DE MAIS JUNINHOS URGENTE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

        VASCO EU TE AMO! Serie B é o caramba!

      • O que não procede?! Eu em nenhum momento critiquei a atitude do Juninho, muito pelo contrário, achei louvável!

  5. Diogo

    Isso sim é ser vascaíno, o resto é balela! http://www.netvasco.com.br/n/170674/juninho-pernambucano-diz-que-abre-mao-do-que-o-vasco-lhe-deve-para-a-construcao-de-um-ct-para-o-clube
    Aprende seu euvírus de merda e sua corja! Enquanto vcs se beneficiam do Vasco, outros querem o bem do clube!

  6. Leon da Cruz

    Grande vitória. Surpreendente. É para comemorar muito e um imenso alento. Mas tem gente aí cantando vitória antes da hora. Faltam ainda jogos muito difíceis. E vale lembrar que esse time já nos decepcionou inúmeras vezes neste campeonato.

    Sobre o jogo, vou discordar um pouco da maioria. O Vasco jogou bem, é verdade. Uma das melhores partidas no campeonato (o que não é grande coisa, diga-se de passagem). Mas não vi essa consistência toda… E é também verdade que o Palmeiras jogou muito mal, com marcação frouxa, dando espaços, perdendo o meio campo.

    Nenê. Fez um partida melhor do que a sua média. Mas confesso que não vi esse craque todo, acabar com o jogo, etc., como muita gente vem falando. O que realmente Nenê fez de diferente ontem foi o gol (que, diga-se, quase perdeu por ter mais uma vez enfeitado; Prass quase tocou na bola). No resto, foi o mesmo Nenê de sempre, jogador de qualidade que faz algumas boas jogadas, mas quase sempre joga mais para si e para a galera do que para o time. Firulas, canetas, passes de calcanhar, tentativa de gol olímpico, etc., em profusão, mas na maior parte das vezes matando jogadas do time.

    Nenê é o símbolo da recuperação do time no campeonato. Mas isto, para um Vascaíno exigente como eu e acostumado com um passado glorioso, é muito pouco. O Vasco de Nenê (e do dotô sapo) conseguirá, no máximo, escapar do rebaixamento. Para se tornar ídolo, como muitos já vêm dizendo, tem que comer muito arroz com feijão ainda e, mais importante, ganhar títulos de expressão.

    • leonardo

      Rpz a declaração de que Nene so vai continuar no vasco se O time não cair, me soou muito mal. Pensamento de admitir a derrota! Tinha e q nessas horas levantar a moral e dizer Q ta com o vasco nessa luta e pronto!

  7. Fabio da Costa

    Vale a comemoração pela recuperação, pela luta e superação do time, pelo ótimo trabalho do Jorginho, que conseguiu mesmo com todas as limitações de elenco formar uma equipe mais organizada, aguerrida e competitiva e também para calar os comentaristas de araque.

    Mas fora isso, não se pode esquecer que essa situação só chegou a esse ponto por falta de planejamento e arrogância de achar que o time campeão estadual seria suficiente para um campeonato com um nível de exigência maior. O Vasco e sua torcida serviram de chacota o ano todo (salvo os momentos que batemos na mulambada) e ter como meta escapar de rebaixamento é muito pouco para um clube como o Vasco.

    Na boa, o Curintias já é campeão (não vai perder 4 jogos nem o CAM vencerá os 4), pode entrar mais relaxado sem obrigação de vencer em Januário e asim comemorar o título na próxima rodada em seus domínios junto de sua torcida. Que 2004 se repita, quando o Patético-PR achou que ia comemorar o título em nossa casa.

  8. Tenorio Silva

    JC Barbosa, fico entristecido que cheguemos em novembro continuando a ver nos comentários desse blog essa briga ridícula entre quem defende o Eurico e quem faz o oposto. Isso cega todas as análises possíveis e faz fumaça na possibilidade de tratarmos assuntos muito mais desafiadores.

    Certas abordagens chegam a ser ridículas e estapafúrdias. Comemorar a fuga de rebaixamento não é pro tamanho do Vasco. Ponto. Mas da forma como está sendo a campanha do time nessa reação, há que se elogiar. Seja Vasco ou seja Chapecoense. Ponto.

    O que me intriga nessa reação é o seguinte, JC: desde que o Vasco venceu a Ponte Preta e colocou ponto final numa das piores fases do clube no Brasileiro em todos os tempos, período em que sofremos duas derrotas nos acréscimos em casa, levamos nossa goleada por maior diferença desde 1959 e penamos em nove rodadas (com um empate apenas), nas últimas onze jornadas, estamos entre as oito melhores campanhas do Brasileirão. A pergunta que lhe faço é essa: caso consigamos sair da degola, o que só ocorrerá com a continuidade de um bom desempenho nos quatro jogos que faltam, o time precisa ser mudado radicalmente para 2016? Em que posições o Vasco necessita de contratação urgente? O que o mercado tem para nos oferecer? Quais seriam as suas indicações para contratações em três níveis: top (um atleta de ponta que valeria um salário de R$ 300 mil, por exemplo); medianos (times da primeira divisão); demais (apostas)?

    Isso é muito mais intrigante do que debater se um “euriquete” diz não ter comemorado Copa do Brasil (conheço vários que votaram no Mr. Charutão e vibraram muito com aquela conquista) ou se “amarelinhos” dizem que o Carioquinha não teve valor e que já sabiam que o time era fraco e que passaria por esse aperto no BR.

    • JC Barbosa

      A reação merece elogios? Óbvio, mas até certo ponto. E não é difícil ver a razão pela qual podemos relativizar a campanha após a vitória sobre a Macaca: diversas vezes o time mostrou não ter força. Mesmo contando com os pontos perdidos por erros de arbitragem, não podemos ignorar a quantidade de pontos que perdemos por nossas próprias limitações.

      E não proponho debates sobre euriquetes x amarelos. Só me é impossível ver alguém que se diz vascaíno soltar fogos porque o time está, há quatro rodadas para o fim do campeonato, na penúltima colocação. E dizer que uma eventual fuga de rebaixamento (o que ainda é extremamente complicado de acontecer, diga-se) é a coroação de qualquer coisa.

      Sobre os seus questionamentos, acho sim que o time precisa ser radicalmente mudado. Os destaques da equipe são todos acima de 30 anos, não temos laterais em nenhum dos lados, nossos atacantes são (sendo generoso) medianos pra baixo e simplesmente não temos opções no banco.

      Do time atual, Martin Silva, Rodrigo e Luan (com ressalvas), Gallo e, vá lá, o Nenê ficariam. E mesmo para esses, seria necessário buscar reservas à altura urgentemente. No resto, não acho que ninguém teria titularidade garantida em um time realmente competitivo.

      Exatamente por serem necessárias tantas contratações que acho complicado indicar contratações. Seriam muitas. E, veja como é triste: para o Vasco, uma contratação top seria um jogador que recebesse R$ 300 mil/mês. Gambás, Galo, São Paulo, Santos, Palmeiras e até mulambos e tricoletes têm em seus elencos quatro ou cinco atletas nesse nível salarial.

      • Thebar Augusto Guedes

        Além desses, Madson por mim fica mais um ano, mesmo que seja como reserva, se ele aprender a cruzar e a chutar, se tornará um dos maiores na posição, trabalho árduo para qualquer um, concordo, mas é uma pedra bruta. Quem no Brasil tem um lateral tão rápido quanto ele? Será que não vale o investimento de um trabalho paralelo??

        Rafael Silva merece ficar no elenco, não é um atacante de nível Vasco historicamente, mas tem personalidade, não se abateu com a chegada de outros, é jovem e tem estrela.

        Rafael Vaz, não consigo entender como uma cara com uma técnica peculiar que ele tem não consegue se firmar com técnico nenhum, só pode ser comportamento extra campo.Por mim fica, mais um ano pra ele.

        Diguinho, mais ano pra ele.

        Éder Luis, pelo menos até o fim do Carioca, pra ver como ele vai se comportar.

        O resto……………

        Talles, empresta esse merda pra fora do Rio, quem sabe ele não se ache?

      • Tenorio Silva

        Mas deixa eu entender seu raciocínio: em outra mensagem nossa, quando o Vasco estava afundado na tabela de pontuação, enviei-lhe o elenco que foi deixado à nova diretoria e vc disse que foi um erro do Zé do Táxi ter dispensado muitos jogadores que poderiam ter sido aproveitados no momento, que a mudança radical de atletas prejudicou o pouco que havia de entrosamento. Vc inclusive chegou a citar nomes como Diego Renan, Pedro Ken e Edmilson.

        JC Barbosa, vc acredita mesmo que o mercado está podendo ofertar atletas ‘muito’ melhores do que nossa dupla de zaga, Madson, JC, Diguinho, Bruno Gallo, Andrezinho e Riascos e Rafael Silva? E que não vale a pena, caso fiquemos na elite, pagar um pouco mais pelo Nenê, sempre levando em conta que serão jogadores que iniciarão a nova temporada e terão tempo de se preparar devidamente?

      • JC Barbosa

        Uma coisas não tem nada a ver com a outra. O fato do elenco de 2014 ter jogadores melhores que os de 2015 não torna esses primeiros jogadores indispensáveis. Ser melhor Christianno, Serginho, Gilberto, Lucas, irmão do primo do Messi, Aislan, Bolt e Marcinho não é vantagem nenhuma. Vc está citando o que eu disse sem contextualizar, né? Diego Renan, Pedro Ken e Edmilson, pra mim, seriam titulares absolutos quando vc me fez a pergunta. Aliás, é bem provável que os três fossem mesmo hoje.

        E sim, o mercado oferta atletas muito melhores que os jogadores que temos hoje (mesmo que vc tenha citado três jogadores que eu disse que poderiam ser mantidos). Se não temos grana ou não temos olheiros com competência para identificar o potencial de jogadores é outra história. Assim como é outra história montar um elenco horrível, calcado em jogadores ligados a dirigentes, e depois que o time faz uma campanha desastrosa a diretoria é obrigada a qualificar a equipe no desespero.

      • Tenorio Silva

        Outro fato muito estarrecedor: vc citou 5 grandes equipes que teriam 4 ou 5 atletas ganhando esse nosso topo de salário. Mas me diga o seguinte, quem seriam esses jogadores? Será que não são superestimados?

      • JC Barbosa

        Te respondo com outras perguntas: Cássio, Gil, Fagner, Elias, Renato Augusto e Jadson são superestimados?

        Victor, Leonardo Silva, Marcus Rocha, Dátolo, Thiago Ribeiro e Pratto são superestimados?

        Lucas Lima, Ricardo Oliveira, Geuvânio e Gabigol são superestimados?

        Muriel, Réver, D’Alessandro, Valdívia, Alex e Vitinho são superestimados?

        Grohe, Bressan, Giuliano, Douglas (pois é, até ele) são superestimados?

        Breno, Carlinhos, Michel Bastos, Ganso, Pato, Kardeck são superestimados?

        Fábio, Manoel, Dedé e William são superestimados?

        Cavalieri, Jean, Cícero, Osvaldo e Fred são superestimados?

        Todos esses devem ganhar mais de R$ 300 mil, alguns, muito mais. Quais desses não teriam vaga no elenco do Vasco?

  9. A partida mais tranquila que assisti do Vasco esse ano…e pra variar, depois de jogar a toalha 3 vezes ela serve pra trazer os torcedores de volta também, pra além de torcer começar a acreditar também. Luan e Serginho foram muito bem ontem, e o Nenê fez um gol que Herrera herraria(não pude perder a piada). Riascos é o cara de sempre: sem pontaria, mas dando trabalho pra defesa adversária(e melhor que o Leandrão, que gastou os gols naquele chutaço contra a Ponte).

    O time ainda cansa bastante no Segundo Tempo, e acho que esse é o aspecto mais preocupante para o jogo contra o Corinthians(e todos os outros), mas a boa entrada do Serginho e do Éder Luis podem ser boas opções, afinal Bruno Gallo, Rafael Silva, Riascos, Nenê e Andrezinho são uns que quase sempre ficam com a língua de fora depois de certo tempo de jogo (isso dá meio time, mas o técnico deve saber quem aguenta mais).

    Eu ía dar uma olhada na tabela dos adversários, mas acho que o Vasco deve pensar só em si nesse momento e ter paciência (acho que a próxima rodada ainda não seja a da saída, mas com duas vitórias já podemos sair da zona, depois de trocentas rodadas).

  10. Beto

    http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/sem-corinthians-decisoes-paralelas-derrubam-audiencia-do-brasileiro_29352.html

    Acompanhando as audiências, mais uma vez pequena diferença e momento do Vasco é muito pior, com 15 anos de apequenamento, desânimo total de uma parte da torcida.
    Audiência no Rio de Janeiro:
    Domingo passado Grêmio X Flamengo 23 pontos
    Ontem Palmeiras X Vasco 22 pontos

    • Beto

      Retificando, Grêmio X Flamengo ,domingo dia primeiro.

    • Thiago Braga

      Boa noite a todos!
      Grande Beto, nosso Gigante precisa de um choque de ordem, já em 2016. Mas com a velha nova diretoria, duvido muito! Serão mais 2 anos de tristezas e vergonhas q teremos q passar, mas eu quero muito estar enganado!
      Voltando a ser campeao brasileiro, só brasileiro, essa audiência ia na lua!

      Ainda somos a terceira maior torcida do Brasil , e junto com o Urubu, o Clube mais Nacional desse País!! Sou de Manaus e aqui todo mundo sabe da força do Vasco. 2,1milhao de HAB. bote ai que 40% é torcedor do Gigante!

      • Beto

        Fala, Thiago! O Vasco, num bom momento, teria uma tendência de audiência maior, é verdade, concordo com você. Era um jogo decisivo, é verdade, mas numa luta contra um terceiro rebaixamento em 7 anos, muita gente nao vê por completo desânimo e não há mais nada de inédito nessa luta. O adversário, que receberá 70 milhões de reais a mais por ano, a partir de 2016, tinha um jogo que, se vencido, poderia fazê-lo voltar a sonhar com um G4, embora muito difícil. Se tivessem vencido, hoje estariam a 4 pontos do G4 (já que venceram o Goiás depois). O momento do clube adversário também é melhor nos últimos anos, a diretoria deles agrada a maioria da torcida, eles têm mais esperança num futuro do clube até no curto prazo e mais midia pré-jogo. Tendo em vista esses fatores, acho as audiências do Vasco muito boas.
        Saudações vascaínas!

  11. Claudinei

    Valeu Vascão! Tomara que ainda dê tempo. Acredito na vitória do Vasco sobre o Corinthians.
    Mesmo assim, que o charuteiro vá à Sibéria.

  12. celopereira

    JC,

    Quanto ao Rafael Silva não poder ser reserva do Jorge Henrique, acho que vc não precisa se preocupar pois o cara está no estaleiro e assim não deve voltar mais ao time este ano.

    Tenho que dizer também que o Rafael tem sido o nosso melor atacante. Tem gente que vive falando do Gilberto, mas o RS fez 10 gols com a bola rolando e não de pênalti como o Gilberto.

    Respondendo aos comentários de algumas Euriquetes, eu penso que de certa forma se o Vasco conseguir escapar da Segundona, este ano não terá sido ruim de todo pois pelo menos o Vasco ganhou o Carioca, que se não é grande coisa, é melhor do que nada.

    Agora se o Vasco cair, esse título estatual não terá servido de nada.

    Também me recuso a comemorar a permanência na Série A como se fosse um título. Isso não é para o Vasco. Temos sim que bater palmas para alguns jogadores que entraram no decorrer do campeonato e para a Comissão Técnica liderada pelo Jorginho.

    Com todos os roubos contra o Vasco, se o Dotô tivesse montado esse time antes e não tivesse colocado o BuRoth, o Vasco poderia estar tranquilamente nas posições de cima na tabela. Não daria para brigar pelas 3 primeiras colocações, mas até daria para sonhar com um 4º lugar com alguma sorte. Basta ver a Ponte Preta, os Mulambos e outros times meia-boca que andaram flertando com o G4.

    Estou contente mas sinceramente ainda falta muita coisa para o Vasco escapar. Ganhar dos Gambás não vai ser fácil e depois ainda tem o Santos. Isso sem falar nos nossos adversários diretos que sempre nos tiram pontos e ainda por cima jogamos fora.

    Pelo menos acho que o Jorginho finalmente percebeu que o Rúlio dos Santos não pode ser titular.

    Não sei se voltaria com o Bruno Gallo ou se manteria o Diguinho e o Serginho. Mas certamente esses 3 jogadores têm que jogar em todos os jogos daqui para a frente. 2 como titulares e o que sobrar tem que entrar no decorrer do segundo tempo para manter a pegada no meio de campo. Isso daria mais liberdade ao Andrezinho e ao Nenê que não podem voltar tanto para marcar. O Vasco precisa de gente com disposição para atacar pois o problema tem sido justamente marcar gols, e esses dois são os responsáveis por fazer a bola chegar aos nossos atacantes.

    Entre o Riascos e o Leandrão, penso que o Riascos seja mais efetivo pois corre muito e tem uma condição física invejável. Já o Leandrão embora segure bem a zaga adversária, não tem o vigor físico do Riascos.

    De resto é torcer para ninguém se machucar, caso contrário voltaremos a ver certas figuras que não nos deixam saudade.

    Ainda acho que só um milagre mantém o Vasco na Série A. Vou continuar torcerdo bastante.

  13. Gustavo P.

    O pulso ainda pulsa………….. Jogamos bem ontem, a rodada estava perfeita (tirando os homotricoletes que tinham avisado previamente que iriam entregar) e foi o Atlético lá fez um gol aos 45 do segundo tempo. Agora teremos um jogo de alto risco contra os gambás da Marginal. Tudo bem, já sabíamos que não ia ser fácil e que o milagre, se ocorrer, que seja grande mesmo.
    Estou pensando sobre a parada até o dia 19. Ela beneficia nós ou eles? Para nós é bom porque os “velhinhos” vão se recuperar para a reta final. Para eles porque talvez seja o tempo para retomarem a concentração do campeonato, tendo em vista que contra o Coritiba não entraram em campo sábado. Mas é parada duríssima pro Vasco. Não me lembro de ganharmos um jogo decisivo dos gambás nos últimos anos….
    Falando em ganhar jogos deles, ah se fosse o Nenê naquela Libertadores que o Diego Souza perdeu aquele gol….

  14. Caloteiro

    Feliz demais com a ótima partida que fizemos ontem no Alianz. Se o Vaco jogasse todos os jogos desse jeito estaríamos disputando o G4 com toda certeza.

  15. Drika

    Partidaça do Diguinho!

  16. Beto

    Perfeito comentário sobre o Rafael Silva, JC. E espero que ele não saia em 2016. O melhor ataque do Vasco em 2015 foi Rafael Silva e Gilberto.
    Espero que o time prove que eu estava errado, pois já não acreditava mais. São só dois pontos e já foram 13, os rivais no Z4 seguem perdendo.

  17. oliveira

    Estou muito feliz com essa vitoria, finalmente conseguimos ganhar e mostrar um bom futebol. Como vc disse, o Julio dos sonos e leandrao tem q comecar, no maximo, no banco de reservas.

    Vamos ganhar da mulambada paulista na nossa casa. Vamos la gente, temos que lotar Sao Januario e apoiar.

    VASCO!!!

  18. gláucio

    o grande problema é q os anti-eurico valorizam muito mais um turno de Brasileiro do q um título q não ganhávamos há 12 anos. os motivos, sabemos pq.

    • JC Barbosa

      Ninguém menosprezou nada aqui. O problema é que vc está tirando onda com uma fuga de rebaixamento. Só tinha visto tricoletes fazendo isso antes.

      E sobre menosprezar títulos, todas as euriquetes como vc menosprezam a Copa do Brasil, um título nacional inédito. E os motivos, sabemos porque.

    • Thebar Augusto Guedes

      Aí Glaucio, vai comemorar com rojão, festa, churrasco e muita bebedeira o êxito do Dotô. (caso se concretize).

  19. Eduardo Felix

    Achei legal a vitória do galo sobre o figueira. Acho que sou o único que fiquei feliz com o resultado. O Corinthians terão a obrigação de vencer porque a vitória poderá garantir o título e o Vasco é um time que vive situação oposta. Pelo que vi ultimamente, tenho a impressão que o Vasco joga melhor e/ou tem melhores resultados quando a obrigação de vencer está com o adversário (se eu estiver errado, favor corrigir). Não sei se o fato de jogar em São Januário lotado pesaria contra nós. Não estou com medo dos gambás. Nos últimos jogos, o maior adversário do Vasco foi ele mesmo.

    • JC Barbosa

      Eu também fiquei. É lógico que um adversário direto perder pontos é melhor.

    • Diogo

      Tem várias questões a se pensar sobre isso. Primeiro eu acho q não vamos lotar o são januário, ainda mais dps do absurdo horário de 22h q marcaram o jogo! Como o jogo mudou de data, talvez seria interessante jogar no Maraca, já q não vai ter show no dia, mas por outro lado, o fato do jogo ser lá pode atrair mais a torcida deles e isso seria um tiro no nosso pé.. a não ser q tivesse como limitar a carga de ingressos da torcida adversária.

      • Fernando

        O jogo é dia 19 ás 22 hrs mas no dia seguinte é feriado no RJ,acho que vai encher por isso,mas o horário é horrível realmente.

      • Diogo

        é tem o feriado já ia me esquecendo.. mas ainda estou receoso se vai encher ou não.. ainda mais dps dessa notícia falsa q saiu sobre o lance da torcida

  20. Amado Peixoto

    Nada como uma vitoria pros doidos de plantão aparecerem!
    Coroar o ano com a fuga do rebaixamento é o fim do mundo, meu deus! Achar que o primeiro turno foi atipico?
    Se tem uma coisa que vai me deixar triste no caso do Vasco escapar, é que vai ter torcedor de dirigente comemorando isso como se fosse uma grande vitória! So pro ano que vem a gente agente passar a aperto de novo e acharem que tá tudo bem!
    Sobre o jogo: o Vasco jogou bem e o palmeiras não jogou NADA! Tá fazendo muita falta os 3 pts contra o fluzim! Pegar o urubu de São Paulo precisando vencer pra ser campeão vai ser complicado, mas agora o Vasco não pode pensar em quem esta enfrentando e jogar pra vencer contra qualquer um!
    Dependendo da rodada, até um empate pode ser uma boa, mas não custa sonhar com a vitoria. Aliás, esse time tá me deixando bipolar. Um dia, me irrita e me faz não querer mais pensar em série A. No dia seguinte, me faz ter novamente esperanças.
    SV

  21. Juvenal

    Pressentimento
    ontem tive um pressentimento que o Vasco iria ganhar.. Porque? porque seria certamente a ultima oportunidade do clube subir na tabela. Alem disso essa esperança certa aumentou depois que o Coxa e o Avai perderam no sabado. E culiminou com a coincidencia de ver o presidente chegando na Arena Palmeiras.
    Finalmente acabamos ganhando a partida estamos vendo uma luz no fim do tunel. Para isso outros resultkados ainda nos ajudaram. Agora tem 6 candidatos para 4 vagas. Vamos encarar o campeão numa boa na próxima rodada e continuar na reação final.
    Força Vascão..

    • Fernando

      …”E culminou com a coincidência de ver o presidente chegando na arena Palmeiras”….
      Verdade verdadeira!!!!O Vasco ganhou ontem pq o querido presidente foi ver o jogo,isso ajudou demais!!!! kkkkkkk
      É melhor ler isso do que ser cego

      • Amado Peixoto

        Vai ver foi por isso que o Vasco ganhou de 4 do mesmo palmeiras no primeiro turno. Não, pera…

        O grau de idolatria de alguns beira a loucura, meu deus!!

  22. Paulo Oliveira

    Olá JC.

    Não concordo que o Luan deva se abster dos lançamentos, muito pelo contrário. Ontem, contrariando o que você disse, acertou de cara um belo lançamento pro indefectível Madson. Errou apenas um, dos poucos que tentou. Acho-o muito bom na ligação da defesa com meio/ataque.

    Saudações Cruzmaltinas.

  23. Paulo Sergio de Araujo

    Assistindo o jogo, ontem, surgiram 2 perguntas:
    (1) Como é possível este timeco do Palmeiras estar na final da Copa do Brasil e (ainda) brigando pelo G4…?
    (2) Como é possível uma diretoria de um clube como o Vasco, só tentar montar um time, pelo menos, RAZOÁVEL, já NO MEIO da competição mais complicada do planeta…?
    Se não fôssemos comandados por estes dirigentes DE VÁRZEA, reconduzidos ao poder por VOTOS COMPRADOS e por uma VELHARIA COMPROMETIDA COM SEUS MESQUINHOS INTERESSES PESSOAIS (e não com o clube), com o atual nível do futebol brasileiro, estaríamos numa situação muito diferente da MERDA em que nos encontramos.
    Quanto ao jogo de ontem, apesar da boa atuação, continuamos com dificuldades para fazer um gol “com bola rolando”. Só fizemos “um” ontem, por sorte. O Andrezinho ERROU o contra-ataque (deveria ter passado a bola, primeiro para o Riascos, e depois para o Nenê) e a bola acabou “espirrando” (na “briga” do Rafael Silva) para o Nenê, sozinho com o Prass.
    E o Jorginho tem que ENXERGAR que a lerdeza do Julio dos Santos e do Leandrão só nos prejudica, só “amarra” o time.
    Além disso, ontem era o tipo de jogo para colocar o Eder Luís mais cedo. Poderíamos ter vencido com ainda maior tranquilidade, com um jogador mais rápido, experiente e descansado, aproveitando o desespero e as EXPLÍCITAS limitações do adversário de ontem.
    Além do Nenê, foram muito bem, ontem, o Luan, o Serginho, o Diguinho e o Rafael Silva.

    • Beto

      O melhor desempenho no segundo turno, com os reforços (mesmo envelhecidos) e com o Jorginho no comando, após medonho primeiro turno, só mostra a incompetência da diretoria no início da competição. O Vasco não estaria nessa via crucis com um mínimo de competência e planejamento.

      • Luciano - DF

        Não desvalorize a vitória… o Palmeiras foi grande em boa parte da competição… A diferença de uma campanha mais regular é essa: mesmo enfrentando um mal momento o time se permitiu sonhar com o G-4… Como não fizemos o dever de casa é o oposto: mesmo em um bom momento pro time não conseguimos escapar do fantasma da série B

    • Beto

      Paulo, complementando, concordo com sua observação sobre o segundo gol do Vasco. O Andrezinho prende demais a bola que deveria ser passada para o Riascos que entrava pela esquerda em velocidade. Depois ainda o Nenê entrava pela meia direita e era a opção, mas já num passe mais difícil. Acabou que saiu o gol, ótimo….Time ainda precisa evoluir muito com a “bola rolando”, esses passes ,quando os atacantes ou meias se projetam, precisam acontecer.
      Destacar também a briga do Rafael Silva para passar para o Nenê nesse segundo gol, valeu muito a raça dele que é esforçado demais e espero que continue com essa determinação, já que não é nenhum craque.
      Ainda falando sobre o passe não acontecer na hora certa. No segundo tempo o Riascos recebeu duas bolas (acho que numa delas o Nenê se projetava pra receber na frente no contra ataque) em que poderia ter tentado o passe em profundidade que deixaria o companheiro na cara do gol e segurou a bola, tem jogador prendendo demais a bola em alguns lances. O Beletti, comentarista do PFC, falou sobre esses dois lances que os Riascos recebe e se toca de primeira deixaria jogadores do Vasco na cara do gol e não entendeu porque o passe não aconteceu.

  24. Silvano

    Nada como um dia após o outro, não é mesmo? Alguns pontos interessantes de se destacar após essa fantástica vitória sobre o Palmeiras…

    1º) As tão mal faladas contratações do Doutor Eurico jogaram uma bola redonda. Diguinho, Riascos, Serginho, Nenê, etc… A gente vinha avisando. Com o entrosamento e com o tempo, o time vai se acertar. O time é muito bom. Apenas 1 derrota (e de bobeira) nos últimos 10 jogos. Falar mais o quê?

    2º) Os últimos resultados só provam que o que aconteceu no primeiro turno foi algo atípico, que pode acontecer a qualquer grande clube. Hoje estamos vendo o verdadeiro Vasco. A saída do Z-4 (em que só estamos graças à arbitragem) é questão de tempo.

    3º) Foi só o Doutor Eurico viajar com o time que o resultado apareceu, e vencemos com sobras. Seria bom que o nosso presidente pé-quente fosse a todos os jogos do time nesse reta final. Toda boa superstição é bem-vinda nesse momento.

    4º) Vamos voltar no tempo. Se o time não passasse por aquele momento atípico no primeiro turno e se não fosse clamorosamente prejudicado pelas arbitragens, aquilo que a diretoria previu poderia muito bem se concretizar: Vasco brigando lá em cima. Tenho certeza de que em 2016 isso irá acontecer. O respeito voltou.

    5º) Sibéria? Que Sibéria? Ninguém sabe, ninguém viu… hehe. Saudações vascaínas!

    • JC Barbosa

      Perguntinha: vc é maluco?

      1) as mal faladas contratações do Dotô foram Roth e o bando que não conseguiu fazer nada além de uma campanha de lanterna. Só sendo muito imbecil para achar que tudo está certo e, pior ainda, dizer que o time é muito bom.

      2) O que aconteceu com o Vasco no primeiro turno pode acontecer com qualquer grande clube? Fala aê pra gente então que outro grande clube fez um primeiro turno como o nosso esse ano? Pode catar no Google.

      3) Essa idiotice nem merece um comentário.

      4) Outra imbecilidade.

      5) Tomara que o time não caia. Mas ficar feliz com “não cair” é o típico pensamento de torcedor de time pequeno. Ou das euriquetes.

      • paulo moço

        JC, o pior é este cara falar Com o entrosamento e com o tempo, o time vai se acertar, só que o campeonato esta acambando, logo, demoro demais.

      • Fernando

        kkkkkkkk,sério JC,esse ai é comediante,ñ é possível que ele ache isso.Como é bom rir desses bitolados.O vasco virou uma monarquia desde que esse eurico apareceu,o pior e ver que parte da torcida compra o barulho desse camarada.É só o vasco ganhar para os súditos do rei sapo aparecerem…súditos não,na verdade bobos da corte.Quem fala bem desse cidadão só pode levar algum,é inacreditável kkkkk

      • Gustavo P.

        “A gente vinha avisando….” Ainda tem dúvida que esse pessoal é um backoffice do charuteiro que defende o cara nas redes sociais e etc? Fala sério….

      • Luiz Afonso

        “Você é maluco?” hahahahahahahahaha… Não precisava dizer mais nada…rs

    • Outra besta quadrada q deturpa ou oculta a verdade para defecar pela boca falando asneiras!!!

  25. gláucio

    quem sempre confiou no time e no trabalho do jorginho e da diretoria, já sabia q reagiríamos cedo ou tarde. tenho plena convicção de q iremos coroar esse ano de 2015 com a permanência na elite. campeões estaduais e com uma campanha de reação extraordinária (estavamos 13 pontos atrás!), marcante e q prova de uma vez por todas q o vasco é o time da virada. tem q respeitar, amigo! o Dr. Eurico avisou que o respeito tinha voltado e nós vamos terminar 2015 comemorando, pois reação é a marca registrada do vasco. aos pessimistas, só lamento. eu escolhi acreditar. Sempre!

    • JC Barbosa

      Iremos coroar esse ano de 2015 com a permanência na elite“…

      Certas pessoas deveriam torcer pro Criciúma ou Chapecoense. Não para o Vasco….

      • Paulo Sergio de Araujo

        Casaquildo é assim mesmo, JC…!!!
        Eles estão “eufóricos”, porque ainda existe a possibilidade de “comprarem uma mesa nova”, para o MATUSALÉM INCOMPETENTE E FANFARRÃO “subir em cima”, comemorando MAIS UMA FUGA DE REBAIXAMENTO.
        Para casaquildo, FUGIR DE REBAIXAMENTO é “a glória”, é “conquista”. É exatamente por isso, que esta patota APEQUENOU TANTO um clube que era GIGANTE, com gestões HORROROSAS, DEPRIMENTES, PREDATÓRIAS, DESTRUTIVAS….!!!

      • Samuel

        JC,

        Quando disse “coroar”, acho que o gláucio se referia ao título estadual e à reação no Brasileiro.

      • JC Barbosa

        Ele poderia estar falando da conquista do campeonato intergalático de futebol. Escapar de um rebaixamento não coroa nada.

      • Não adianta! tinha um professor que chamava isso de resistência ao aprendizado. Os idiotas não querem ver,não conseguem ver,é como a crença de acreditar em algo sem provas,mas eles querem acreditar que quem não presta, PRESTA!

    • Patética e lamentável essa euriquete!

  26. RUICRUZ

    Todos em SÃO JANU. OBRIGAÇÃO de lotar e atormentar os Curintia.

  27. O problema agora é os pontos que nós deixamos escapar principalmente dentro de casa contra adversarios diretos na briga contra a degola .

    Mas não podemos olhar para isso se ainda nos restam esperanças e chances vamos acreditar !!!

    Avante vascaoo vamos calar a boca daqueles que acham que o vasco ja esta rebaixado ..

  28. Marcelo Silva

    A respeito do jogo tá tudo dito. Vitória maiúscula e, surpreendentemente, justa. A defesa esteve quase perfeita, à exceção de um vacilo em um escanteio, que o sujeito cabeceou sozinho no travessão. Voltando Bruno Gallo no lugar do Serginho (que por sinal fez bela partida tbm), o resto do time deve ser o mesmo contra os gambás. Aliás, jogo de altíssimo risco em São Januário. Nossa torcida deve ir com vontade e a torcida deles deve invadir o Rio pois podem ser campeões no nosso campo. E essa rivalidade é histórica, com capítulos trágicos e sangrentos. Portanto, alerta para as autoridades da segurança pública. Acho que devemos lotar nosso lado da arquibancada em São Januário porque senão eles vão se sentir em casa. Acho que o Corinthians é um time comum, mais organizado que os outros, mas, jogando com atenção e aplicação, dá pra ganhar.

    SV.

  29. Marcelo Silva

    A respeito do jogo tá tudo dito. Vitória maiúscula e, surpreendentemente, justa. A defesa esteve quase perfeita, à exceção de um vacilo em um escanteio, que o sujeito cabeceou sozinho no travessão. Voltando Bruno Gallo no lugar do Serginho (que por sinal fez bela partida tbm), o resto do time deve ser o mesmo contra os gambás. Aliás, jogo de altíssimo risco em São Januário. Nossa torcida deve ir com vontade e a torcida deles deve invadir o Rio pois podem ser campeões no nosso campo. E essa rivalidade é histórica, com capítulos trágicos e sangrentos. Portanto, alerta para as autoridades da segurança pública. Acho que devemos lotar nosso lado da arquibancada em São Januário porque senão eles vão se sentir em casa. Penso que o Corinthians é um time comum, mais organizado que os outros, mas, jogando com atenção e aplicação, dá pra ganhar.

    SV.

  30. Lucas

    JC, quando você se refere a limitações intelectuais do Riascos, significa que ele não consegue fazer a leitura de jogo?

  31. BJ

    Faltando cinco rodadas pro final o Jorginho encontrou o time ideal. Todos já vinham pedindo a saida de Leandrão e JdS e as entradas de Diguinho e de Rafael Silva. E ontem nosso time jogou com uma segurança que não víamos há muito tempo. Apesar de ainda ter limitações, o que me chamou atenção foi a consistência defensiva do time e o meio de campo.
    A imprensa está tentando justificar dizendo: “Pô manô o Palmeiras jogou mal” mas o Vasco jogou bem, basta ver quantas jogadas nossos volantes conseguiram desarticular. O famoso losango do Jorginho funcionou bem.

    Esperanças renovadas, vamos pra cima dos gambás!

    • JC Barbosa

      Não sei se é o ideal. Eu ainda manteria o Gallo e tiraria o Serginho, deixando o Diguinho como primeiro volante.

      • Pablo

        JC, mas como o Gallo estava suspenso, a tendência é que volte mesmo no lugar do Serginho, correto? Tomara que sim, pois ele junto com o Diguinho são os melhores volantes que temos no elenco!

      • Antonio Carlos Teles

        Acho q contra os gambás jogaria os 3, Diguinho, Serginho e Bruno Gallo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s