Palmas (apesar de tudo) merecidas

Diante das circunstâncias, os aplausos ao fim do jogo da pequena torcida que se dispôs a ver o empate entre Vasco e São Paulo ontem foram merecidos. Mesmo que a classificação para a semifinal na Copa do Brasil ou mesmo uma vitória simples não tenham vindo, é de se bater palmas pelo esforço de um time composto por reservas e até mesmo reservas de reservas.

E olha que até poderíamos ter vencido. Os tricoletes aparentemente vieram de São Paulo com uma má vontade tremenda, com um time misto, sem a menor pinta de que queriam estar ali na Arena. E a equipe B/C do Vasco aproveitou e, dentro das suas possibilidades, tomou a iniciativa, que estava ali, largada, sem ter com quem ficar. Era nítida uma falta de entrosamento, mas o esforço dos nossos valorosos suplentes também era visível. Faltou técnica, mas disposição, não. E, aos trancos e barrancos, criamos chances, marcamos um gol e poderíamos ter marcado outros, se o material humano fosse um pouco melhor.

Nisso, podemos responsabilizar o Jorginho. Se o objetivo era poupar os titulares para a partida contra o Avaí no próximo domingo, aqueles que não terão condições de jogo poderiam ter jogado. Rafael Silva, por exemplo, poderia ter começado a partida, já que está suspenso. Outras escolhas do treinador também poderiam ter sido evitadas, como a insistência com o Herrera ou colocar o irmão do primo do Messi como “cabeça pensante” do time. Terminamos o primeiro tempo com a vantagem, mas com um time um cadinho mais qualificado, poderíamos ter ido pro intervalo com um placar ainda melhor.

Mas no segundo tempo o São Paulo voltou com mais titulares e com uma outra postura. E a partir daí, a diferença técnica entre as duas equipes fez a diferença. Os cervídeos não precisaram de mais que 15 minutos para empatar a partida, em um contra-ataque fulminante que contou com falhas individuais do Vasco do começo ao fim da jogada.

Com o 1 a 1, a missão que era muito complicada ficou praticamente impossível. O São Paulo só precisou correr um pouco mais para deixar claro que não seria na noite de ontem que o Vasco faria um milagre. Mas é preciso lembrar que esse ano já vimos nosso time titular ter apresentações muito piores contra adversários bem mais fracos que o São Paulo. Só por isso, o comovente esforço de um time evidentemente cheio de limitações justifica as palmas da pequena torcida presente. A classificação não veio, mas pelo menos tivemos um fim digno nessa Copa do Brasil.

As atuações….

Jordi – pode parecer implicância, mas o cruzamento feito pelo Pato no lance do gol de empate não me pareceu ser uma bola impossível de ser interceptada pelo goleiro. Tirando isso, Jordi até foi bem, tendo feito pelo menos uma defesa difícil.

Jean Patrick – se essa era uma chance de mostrar que pode ser útil para a equipe, o rapaz pode se acostumar com o banco. Foi a timidez em pessoa no apoio quando o Vasco estava melhor e quando o São Paulo passou a pressionar, sua lateral era o melhor caminho.

Jomar – fez um bom primeiro tempo, e no lance do gol são-paulino se viu na podre (ainda assim foi muito facilmente driblado pelo Pato).

Anderson Salles – seria menos irritante se parasse de tentar fazer ligações diretas: ele batia na bola como se fosse um Gérson, mas errou todos os lançamentos que tentou.

Christiano – sinceramente não sei porque ainda dão chances para o rapaz, que até deve ser boa pessoa, mas definitivamente não tem como atuar em um clube de futebol profissional (e não digo o Vasco, mas qualquer um). E olha que ontem ele até acertou UMA jogada de linha de fundo, o que para ele é ter um desempenho infinitamente superior à sua média. No lance do gol de empate, tudo o que fez foi dar condições para Centurion marcar, já que se limitou a olhar o Pato cruzar e dar um passo de formiga para tentar cortar a bola.

Guiñazu – se limitou à marcação e, com a equipe que tivemos ontem, nem poderia ser dos piores.

Serginho – como único titular a começar a partida, chamou pra si a responsa e tentou ajudar o time a ir pro ataque. Em alguns momentos fez boas jogadas, em outros armou contragolpes perigosos para o adversário.

Lucas – jogou mais avançado, apresentando um posicionamento interessante, ora caindo pela esquerda, ora aparecendo na frente da área para finalizar. Deu um belo passe para Riascos marcar o gol do Vasco, mas em compensação desperdiçou duas chances claras finalizando de forma bizarra.

Emanuel Biancucchi – muita gente sentia falta do irmão do primo do Messi no time, mas depois de ontem, deve voltar ao seu ostracismo habitual no elenco: escalado como único armador do time, tudo que fez foi dar passes para trás e para os lados. Pra piorar, foi o principal responsável pelo gol são-paulino, perdendo uma bola no meio de campo ao preferir o drible entre três marcadores a passar. Com esse lance, deve ter esgotado a paciência do Jorginho, que o substituiu em seguida pelo Romarinho, que tirando um chute de fora da área com relativo perigo, nada fez além de, mais uma vez, apenas melhorar a carga genética da equipe.

Herrera – outro que deve ser ótima pessoa, um cara que se esforça e tudo, mas que não tem mais condições de ser jogador profissional. Praticamente não apareceu e quando o fez, foi pra atrapalhar. Rafael Silva entrou em seu lugar e em poucos minutos provou que deveria ter começado a partida. Ajudou bastante na marcação e se tivesse entrado quando o São Paulo ainda estava em marcha lenta poderia ter feito a diferença.

Riascos – é um dos mais criticados do elenco, mas fez mais um golzinho. Seu maior problema é ter uma numeração na camisa maior que seu QI. Cansou e pediu para sair, sendo substituído por Renato Kayser, que no pouco tempo que teve em campo mostrou que também teria sido uma escolha melhor que o Herrera.

***

Lembrando a todos que o Blog da Fuzarca está participando do Top Blog 2015 e o voto de vocês é importante para que esse humilde espaço leve, mais uma vez, esse caneco. Cada leitor pode votar mais de uma vez, então não se acanhem em clicar aqui ou no banner na coluna à esquerda da página todos os dias (mais de uma vez, se for possível)….

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG. E os usuários do Gmail também podem incluir a página do blog no Google Plus.

Anúncios

20 Comentários

Arquivado em Atuações, Resenhas, Vídeos

20 Respostas para “Palmas (apesar de tudo) merecidas

  1. ZÉ VASCAINO = RJ

    Meu VASCO tá passando um péssimo momento, tá foda, muito sofrimento,muita judiaria o que andam fazendo com esse clube, vamos vê o que vai dá esse jogo de domingo, toda sorte para o VASCO.

  2. Elizeu Caxias (Ma)

    Emmanuel e Jean Patrick, meu Deus! tantos torcedores pedem esses caras “inclusive eu” e viram do que são capazes. Nulidade Total

    • David

      Exato! Também perguntava pelo Emmanuel Biancucchi, mas agora que o vi jogar, sei bem porque ele é reserva.

      • JC Barbosa

        Acho que não dá pra avaliar um jogador por uma partida. Assim como ele foi bem contra o Avaí no Brasileiro, foi mal contra o SP na Copa do Brasil. Acontece.

        Mas a verdade é que NADA, NUNCA nos permitiu esperar demais do Emmanuel. O cara era reserva do Bahia rebaixado do ano passado. Pq seria O CARA pra fazer alguma diferença no Vasco? Essa é a questão.

  3. ODILON C SILVA = RJ

    Em tempos limitados, em tempos de vacas magras, pelo menos não perdemos, sofremos goleada, ufa,ufa,ufa……………………..Ate porque, seria muita pretenção, querer ser campeão nacional, num momento que estamos lutando contra degola…………….A boa noticia foi seis mil bravos vascainos se fizeram presentes na última quarta feira na maraca, dessa forma o recorde negativo do novo maracana continhua com o flamerda, para o desgosto de alguns que pensavam que esse recorde passaria ser do VASCO, em decorrência da falta de motivação desse jogo contra o São Paulo……………………….Domingo as 11:00, tem mais luta, o sofrimento não tem data para acabar……………………..

  4. Ramon Monteiro

    Bom querendo ou não me aimei no começo do jogo.
    mas tambem percebi que quem não queria nada era o time do Bicharlis.

    mas resumindo o Vasco tem que trocar o Julio dos Santos por Rafael Silva(se conseguirem o tal efeito suspensivo).
    Recua o Andresinho e coloca o Rafael silva na direita de Leandrão e Jorge Henrrique na esquerda, os dois dão muito apoio na marcação e tem velocidade para atacar e contra atacar.
    No mais a tecnica com o presepeiro do Nene e andresinho, daria um otimo mix de velocidade no ataque.

    E que tenhamos sorte na final de domingo.

  5. Beto

    Esse Emanuel Biancucchi é mais uma contratação ridícula desse diretoria.
    “Pra piorar, foi o principal responsável pelo gol são-paulino, perdendo uma bola no meio de campo ao preferir o drible entre três marcadores a passar.”
    Só apareceu no jogo fazendo m como nesse lance.

  6. Marcelo Silva

    Em relação ao Jordi, ele tem uma saída do gol melhor que o Martin, Óbvio que o Martin deve ser o titular absoluto porque tem mais qualidades nos outros fundamentos (ainda). O reflexo do gringo é muito acima da média, frieza, reflexo da experiência, mas é inseguro pra interceptar bolas alçadas. Mas é difícil ser perfeito né. Enfim, acho que o Jordi vai dar muitas alegrias pra gente. Ainda tem muito a aprender com o uruguaio primeiro, mas tem um grande potencial.

    SV.

  7. Individualmente você salvou apenas o Serginho, Lucas e Riascos, além do Rafael, que entrou depois. Pelo que eu entendi, talvez o Guiña e o Jordi.

    O planejamento deve começar agora. A diretoria tem que encher a barca de tripulantes. Vimos que apesar do esforço, grande parte dos jogadores que atuaram não merecem outra chance. Já tiveram muitas. Vamos ver se o “dotô” e sua corja aprendem com os erros desse ano. Apesar do “dotô” de se vangloriar que tem 50 anos de futebol e de Vasco, os tempos mudaram, como tudo muda na vida e sempre mudou, sendo que agora as mudanças têm uma velocidade muito maior, e a tendência é essa.

    Vamos com tudo agora, vitórias contra Avaí e Chape. Apesar de serem adversários diretos na luta contra o rebaixamento, acredito na vitória. E que o Nenê pare de “presepar” e seja mais objetivo e decisivo, que o Madson complete uma jogada ofensiva com um cruzamento certeiro e que o Leandrão comece a fazer gols, está perdendo muitos. Acho que com essas três mudanças citadas, nosso time não cai.

  8. Hugo Silva

    JC,

    Sei que vc chama ele assim por ironia, mas pq não chamar o Biancucchi simplesmente de “primo do Messi”? Se ele é irmão do primo, ele também é primo!

    Parabéns pelo blog!
    Abraços!

    • JC Barbosa

      É pq “o primo do Messi” é o Maxi.

      • David

        HUASHUASHUASHUASHUASHUASHUASHUAS “o primo do Messi” é o Maxi. Essa foi ótima!
        Isso só demonstra o valor técnico e tático do “jogador”! }

        Antes eu perguntava: por que o Biancucchi não entrava nos jogos?
        Agora eu já sei!

  9. Gustavo P.

    Pra ganhar desse time sem sangue do SP a fórmula é o combate e a correria. O Vasco conseguiu fazer isso por 30 minutos, fez o seu gol e ponto final. O time do SP anda em campo e mesmo assim, com uma técnica maior soube aproveitar a oportunidade para empatar a partida no segundo tempo. Herrera é um lixo, mas vou te falar que o Rafael Silva entrou e foi muito mal. Romarinho é uma piada de mal gosto, pelo visto teremos que aturá-lo enquanto o charuteiro estiver na presidência. Riascos realmente não tem cérebro, tem muita raça e disposição, mas fica por aí. Ontem já ia perdendo o gol, mas o RoVELHO Ceni deu rebote. Enfim, não fizemos feio e terminamos de maneira melhor a Copa do Brasil.

  10. Jc sobre o q vc escreveu concordo erando(herrera) nao pode ser nem banco… nas nossas limitaçoes ate jogamos o acima do q eu achei q ia rende se tem uma coisa q esse time mostro e que varios jogadores n podem ser nem banco mas seim grana e seim visao de futebol quero ver o que o doto inventa…
    Ai que queria sua opiniao se entrarmos igual entramos no 1 tempo contra os mulambos vamos perde pq temos um meio pra frente lento com nene,andrezinho,leandrao entao n podemos ir com uma proposta de contra ataque com um time lento do meio pra frente se contacemos com rafael ate vai la mas ainda assim era perigoso teriamos opçoes no banco horrivel q o vasco tem?
    Obs:Rafael tenque se titular nesse time Julio dos santos meu deus nao seim queim e pior ele o ou o errando

  11. oliveira

    So espero q o Jorginho enxergue q o Erreira tem q sumir de SJ, ele nao presta pra nada. Prefiro ver o Thales, Romarinho (e vou incluir-lo pra enfatizar o quanto o Erreira e’ ruim) ou Kayser jogarem. O Guina tmbm so serve pra compor elenco e reforcar a marcacao Ele nao pode comecar jogando com o SErginho, os dois sao muito parecidos e nao fazem a bola rodar ou fluir na meiuca.

  12. Claudinei

    JC, posso estar enganado e talvez não mudasse o resultado da classificação, mas aos 10 minutos de jogo, se o Jorginho colocasse o Cabelo de Fogo no lugar o Herrera pela direita, em cima do fraco lateral improvisado do SP, poderíamos ter feito mais gols. Vá lá que tenha escalado errado, mas estava tão clara essa troca que meu filho de 15 anos percebeu isso e fez essa observação. No segundo tempo, o Osório tirou o seu lateral direito e arrumou a casa, mas poderíamos já estar ganhando o jogo com certa vantagem. Claro está que depois do leite derramado é fácil falar que se deveria desligar o fogo, mas o cara ganha para isso. Fazer o quê? Bola pra frente.

  13. Marco Aurélio

    Bom dia galera!

    Eu e meu irmão somos vascaínos e ontem cheguei a uma conclusão e ele concordou…Herrera, Christiano e lucas (sim eu achei que ele foi muito mal apesar do passe pra gol…ele errou todo o resto) não merecem nem o banco do vasco, podem entrar naquela lista já extensa de jogadores que treinam a parte. o Primo do Messi foi razoável no primeiro tempo e no segundo tempo a impressão que tenho é que ajudou a descarregar um caminhão de tijolo no intervalo, por que aos 10 da segunda etapa já estava se arrastando em campo. O Jean patrick só foi digno de uma pergunta, cade o Bruno Ferreira? Guina guardou mais posição do que de costume o que ajudou mais o setor defensivo e fez uma boa parceria com o Serginho (o numero irritante de passes errados continua) que tentou ajudar o time na saídas de bola e contra-ataque. A zaga foi bem com o Jomar em maior destaque que o Anderson, mesmo que ele tenha sido muito facilmente batido pelo pato no lance do gol. A meninada que entrou deu uma animada no time no segundo tempo. Riascos foi o destaque, fez o gol, correu bastante tentando jogadas individuais, mesmo que em alguns momentos de maneira equivocada e dando suas “riascadas”. Apesar de tudo e das nossas evidente limitações técnicas, físicas e taticas fizemos um jogo digno e poderiamos ter vencido! Agora o Jorginho precisa esquecer algumas barangas do elenco e parar de tentar inventar a roda…fazendo o simples! Vamos vencer o AVAI e continuar a arrancada!

  14. Leon da Cruz

    Pô, JC, Jordi é um garoto ainda… Concordo com sua análise do lance. Mas o Jordi vem mostrando que tem potencial. Fez uma defesa muito difícil. Tem boa saída do gol… Mas até ganhar experiência, confiança, etc., irá dar vaciladas.

    De resto, concordo com tudo o que você disse. Apenas acrescentaria sobre o Lucas que, tirando o lance do passe para o gol, errou simplesmente TODO o resto que tentou.

    Sobre o Rafael Silva não ter entrado de início, a explicação não poderia ser a de que ainda haja esperança de a diretoria conseguir um efeito suspensivo e ele poder atuar no final de semana?

    • JC Barbosa

      Também acho que o Jordi ainda será um grande goleiro. Mas até lá, continuará dando umas vaciladas, é normal para alguém tão jovem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s