Aleluia!

Depois de um longo e tenebroso período de 52 dias sem vitórias pelo Brasileiro, o Vasco conquista três pontos e, mais importante, numa partida fora de casa (nosso único triunfo nos quatro que temos). Como sempre diz o falante goleiro Jordi, o 1 a 0 sobre a Ponte Preta é pra “glorificar ao Senhor”!

É óbvio que a torcida tem todo o direito de curtir um lampejo de felicidade depois de tanto tempo sem motivos para comemorar. Mas a vitória diante de um adversário em crise – não tão grave quanto a nossa, claro – não chega a ser motivo para acreditarmos que um milagre está começando a ser operado. E não falo isso por conta da nossa posição na tabela, mas sim porque, a bem da verdade, não apresentamos uma melhora que nos deixe seguros de que brigaremos até o fim para escapar do descenso. Vencemos ontem, como poderíamos ter vencido outros cinco ou seis jogos na competição: jogando mal. A diferença é que, dessa vez, acertamos o gol.

Pelo que vimos ontem, os mais esperançosos só podem se apegar a um natural acréscimo de motivação como arma para conseguir o dificílimo feito de ganhar outras 10 partidas daqui pra frente. Jorginho até tentou mudar um pouco a cara do time, dando chances a jogadores que estavam esquecidos (seja por contusão, como Diguinho, ou simplesmente ignorados como Bruno Gallo, Júlio César, Herrera e Rafael Vaz), mas nenhum deles chegou a acrescentar tanto assim. O time melhorou em alguns pontos, mas segue falhando em outros tantos.

A vitória não pode esconder o fato de que a partida foi muito ruim, de um modo geral. Erramos passes demais, a defesa deu umas vaciladas inaceitáveis, tivemos a mesma dificuldade para criar jogadas ofensivas (mesmo quando passamos a ter uma vantagem numérica), desperdiçamos quase todas as poucas chances de gol que tivemos. Contra a Ponte, um adversário muito menos competente depois da saída do Renato Cajá e, porque não dizer, da chegada do Doriva, conseguimos vencer. Mas e contra equipes mais fortes?

Nossa situação melhorou um bocadinho, mas a missão ainda é muito complicada. O Vasco precisa aproveitar a empolgação com a vitória de ontem e transformá-la numa arrancada. Mas para isso precisamos mostrar uma evolução maior daqui pra frente. As próximas duas rodadas são importantíssimas e, vale lembrar, muito mais difíceis que a de ontem (a saber, Atlético-PR em casa e Cruzeiro fora). Se nesses dois jogos conseguirmos resultados positivos, aí sim teremos motivos para acreditar no milagre.

As atuações…

Jordi – primeiramente, vamos glorificar ao senhor. “Segundamente” vale dizer que, apesar de ainda dar algumas vaciladas nas bolas alçadas à área, Jordi tem mostrado mais segurança no gol. Ontem fez pelo menos uma grande defesa.

Madson – como era de se esperar, não foi tão presente no apoio como estamos acostumados a ver. Defensivamente teve mais disposição que de costume, mas vacilou uma ou outra vez no combate.

Luan – não comprometeu, mas segue errando muitos passes quando inicia as jogadas na defesa.

Rodrigo ­­­– entre acertos e vacilos, foi bem. No segundo tempo, cortou uma bola que fatalmente terminaria em gol da Ponte. Mas é difícil não considerar seu ponto alto na noite a saída “quietinha” que fez.

Júlio César – não é o mais veloz dos laterais, não tem mais a força necessária pra ser 100% eficiente no combate, mas pelo menos faz algo parecido com o que podemos chamar de “cruzamento”. Já o outro…..

Diguinho – vinha bem, ainda mais se pensarmos que era o único volante realmente de combate no time. Se machucou no segundo tempo e foi substituído pelo desaparecido Rafael Vaz, que jogando fora de posição e depois de milênios sem atuar, foi surpreendentemente bem, mantendo o nível de pegada na marcação do titular e ainda arriscando algumas subidas. Perdeu um gol por azar no último lance do jogo, aparecendo de surpresa na área e carimbando a trave.

Bruno Gallo – meio afobado na marcação, tentou ajudar na armação das jogadas. Acertou algumas peripécias, mas deixou a impressão de que imagina jogar mais do que realmente pode.

Julio dos Santos – nada explica sua permanência entre os titulares. Cerca muito, marca pouco e erra muitos passes. Deu lugar ao Andrezinho, que se não chega a acrescentar muito no quesito velocidade, é mais efetivo na criação. Deu o passe – meio de canela – para Leandrão marcar o gol da vitória.

Nenê – errou tudo o que tentou e só não foi o pior do time porque a concorrência é muito grande. Cobrou uma falta com perigo no segundo tempo.

Herrera – terrível. Na única chance que teve, driblou o marcador dentro da área e preferiu forçar o contato e cair, o que poderia ter lhe rendido um segundo amarelo. O lance foi decisivo para que Jorginho o substituísse pelo Riascos, que ontem parecia ter algum tipo de deficiência motora ou mental, cometendo erros que causariam hilaridade, fosse ele do time adversário.

Leandrão – brigou com a defesa e com a bola o tempo todo, perdeu três chances claras, mas teve a luta recompensada ao marcar o gol da vitória. Em dois jogos já fez mais pelo Vasco no Brasileiro que o Gilberto, que deixou muitos órfãos na torcida.

***

Aproveitem a empolgação do momento e votem quantas vezes puderem  no Blog da Fuzarca, que está participando do Top Blog 2015!  Cada leitor pode votar mais de uma vez, então basta clicar aqui ou no banner na coluna à esquerda da página todos os dias….

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG. E os usuários do Gmail também podem incluir a página do blog no Google Plus.

Anúncios

58 Comentários

Arquivado em Atuações, Resenhas, Vídeos

58 Respostas para “Aleluia!

  1. ODILON C SILVA = RJ

    Tomara que consigamos pelo menos colocarmos 20 mil pessoas nesse domingo no maraca, vamos lá dá aquela força, precisamos melhorar nossa média de público.

    • Beto

      JC, depois que postei li que estão acontecendo padronizações de tamanhos de gramados, normas da CBF. Na notícia do link não é feita referência a obediência de uma norma e sim uma determinação do departamento de futebol (sem maiories explicações).
      Mas se foi definido um tamanho único não cabe minha crítica à diretoria, que, obrigatoriamente, teria que se adequar e não por mudança de entendimento (o que não deixa de ser um azar danado, até isso). Nesse caso, o erro é meu na crítica e não da diretoria.

  2. Juvenal

    Manter o tabu
    Essa é a ordem para domingo no Maraca.Tá na hora de voltar a vencer no “maior do mundo” e nada melhor contra um adversario onde o nosso retrospecto é excelente em casa.

  3. tulio

    Diguinho não !!! Vai entregar a rapadura logo logo.

  4. BJ

    Time pra domingo:
    Martin, Madson, Rodrigo, Luan, Julio Cesar, Diguinho, Rafael Vaz, Andrezinho, Nene, Jorge Henrique e Leandrão.

    Bora Vascão, mais duas vitórias seguidas pra gente acreditar no milagre.

  5. ODILON C SILVA = RJ

    Agora vem tortura desgraçada, agora vem a humilhação, agora vem tudo que essa linda torcida não merece, agora vem a tortura, temos que torcer sistematicamente para uma porrada de clubes não pontuar, torcer para uma porrada de clubes perderem varios jogos, sem falar que temos que vencer bem dizer todas, qui situação, qui merda, era tudo que não mereciamos.

    • JC Barbosa

      Cara…..ninguém está falando que é bom estarmos na situação que estamos. Mas se estivéssemos na briga pelo título teríamos também que torcer sistematicamente para vários clubes não pontuarem e para vencermos todas. Não é essa a função do torcedor?

  6. Luiz Afonso

    A definição da atuação do Riascos está sensacional !! O cara deve realmente ter sofrido um espasmo cerebral… E olha que eu sempre me animo quando ele entra, porque o sujeito além do vigor físico, sabe proteger e dominar a bola (coisa rara no nosso elenco)… Mas, meu Deus! Era uma jogada bisonha atrás da outra!

    Respeito, claro, mas discordo totalmente da análise sobre o Andrezinho. Ele não é só lento, ele também está nulo na criação. Deu o “passe” para o gol, sim, mas convenhamos que o gol foi 90% do Leandrão. O Andrezinho lembra o Ganso: só que consegue ser ainda mais lento e não ter nem 10% do talento!! No jogo de ontem eu fui ao desespero cada vez que o adversário vinha para cima e ele ficava apenas observando o decorrer da jogada, como um espectador privilegiado em campo!

    • JC Barbosa

      Veja, tudo o que eu disse sobre o Andrezinho foi que ele foi mais efetivo na criação que o Rúlio dos Santos, que não fez nada. E dei como exemplo o passe para o Leandrão (passe esse que nem acho que mereça 10% de crédito pelo gol). Nem cheguei a falar sobre o que ele fez ou deixou de fazer na marcação. Vc discorda TOTALMENTE do que falei?

  7. Antonio

    Julio Cesar, boa noite! Fico pensando no time que o Jorginho vai escalar no proximo jogo. Vai voltar com Guinazu, Serginho e Cristiano, sabendo que com eles o time só perdeu, ou vai manter o time do 2º tempo contra a ponte, um pouco mais jovem e mais rápido? Gostaria da sua opinião.

  8. Bom post , só de ter tirado o péssimo e pé frio do Cristano , agora é tirar J da Sántos , Herrera , Madsom porque o Bruno jogou bem contra o Galo , mas o time é muito fraco , e torcer pra ter uma sequência de vitórias. Saudações Vascaínas.

  9. Juvenal

    Boa noite JC
    Imagine que eu iria começar meu comentario com a mesma palavra que vc usou para o titulo. Foi transmimento de pensação. Desculpe a brincadeira.
    Nã vi o jogo porque não quero saber de PFC.
    Importante é que conquistamos – finalmente – tres pontos e a primeira vitima foi a Outra Faixa.
    Agora é só manter o tabu contra o Furacão no Maraca.

  10. Fernando

    Riascos tem uma qualidade excepcional. Se posiciona muito bem dentro de campo, está sempre aparecendo livre, em boa condição de fazer uma jogada mais perigosa. Mas esta qualidade faz exaltar os piores defeitos dele, que são todos os outros. Até quando dá passe certo, é meio de canela.
    Não faltou transpiração ontem. O problema é o talento. Mas, a confiança é fundamental na nossa vida. Foi assim que o Odvan chegou na seleção.

    Então, vamos indo, jogo a jogo.

    • felipe

      Exatamente o que eu acho…
      Chuta forte e ta sembre numa posição boa. Contra os mulambos ganhou todas as disputas do samir… eh persistente… mas da umas caneladas na bola e uns dribles desnecessarios em varios momentos. Mesmo assim, no geral eh o melhor atacante do vasco

      • JC Barbosa

        Até por ser o artilheiro do time na competição, é difícil não dizer que o Riascos é o melhor atacante que temos (é preciso dar mais tempo ao Leandrão). Mas isso não muda o fato de, muitas vezes, parecer que o cara tem alguma deficiência intelectual. Isso – e o fato de que um atacante de 32 anos que estava na série C ainda poder tomar seu lugar como melhor atacante do time – mostra o quanto nosso time é limitado.

    • Leon da Cruz

      Cara, embora seja complicado comparar jogadores em posições distintas, Odvan era infinitamente mais competente, como zagueiro, do que o Riascos, como atacante.

      A favor do Riascos, há o fato de o cara ter sido escalado (pelo Roth) sistematicamente fora de sua posição. Riascos é atacante de lado do campo, não centroavante. E, de fato, sua grande virtude é se posicionar bem. Mas, apesar disso, o cara é horroroso. O que não significa que não tenha uma vaga no time atual do Vasco…

    • Beto

      Respeito a opinião de todos, mas o Riascos é dos piores jogadores que já vi. Peladeiro de quinta categoria.

  11. Beto

    Valeu pelos 3 pontos, mas vi mais um jogo medonho do Vasco. Felizmente a Ponte conseguiu ser pior e a vitória do Vasco foi justa.
    A atuação do time não me deixa animado para esperar uma necessária e épica reação. Com aquele futebol de ontem essa reação não virá.

    • Beto

      “Pelo que vimos ontem, os mais esperançosos só podem se apegar a um natural acréscimo de motivação como arma para conseguir o dificílimo feito de ganhar outras 10 partidas daqui pra frente.”
      É isso, JC, perfeito, só isso aí, porque o futebol foi zero.
      Pra encerrar: esse Riascos consegue de destacar negativamente no meio de toda ruindade desse time. O Cruzeiro deve estar feliz demais com o Vasco, arrumaram um lugar pra esse bonde. Yago, na minha opinião, é menos fraco que ele.

  12. Carlos Couto

    Quantos jogos irão acontecer para que esse Nenê faça um mísero gol? (de pênalti não vale), como é lerdo esse sujeito, dá raiva.

  13. Germano

    Ufa ufa!! Faltam 10, pessoalmente não acredito que vamos conseguir, tomara que sim, mas de qualquer forma ontem foi uma noite mais alegre. Só discordo da maioria da torcida do Vasco por essa adoração ao NENE. O NENE que tenho visto, é o líder de passe errado, mesmo sem ser o que mais passa no time. É disparado o que mais cai, 1/2 do tempo está deitado, verdade que talvez seja o único que tente algo diferente, mas pela adoração e pelo que custou e custa, deveria acertar pelo menos 1/10 do que tenta, só erra. Bate falta e escanteio muito mal, e bate todos e todas, no gol contra a mulambada, novamente o fez mal, sorte que o desmiolado Rafael Silva contando com generosa liberdade, foi lá embaixo cabecear, Qdo se espera que o cruzamento venha por cima. Talvez esteja sozinho no time, fora de posição, não sei mesmo, mas até aqui em nada tem contribuído pro time, muito menos por ser o novo XODO da galera.
    O Julio dos Santos também concordo contigo, nada mais justifica sequer sua escalação, Qto mais titular!! Ontem novamente, bastaram 3 min sem ele em campo e fizemos 1 gol, pois passamos a ter de fato 1 a mais. Não é coincidência.
    E pra finalizar, respeito demais a vontade e empenho do Guinazu (devia ser o puxador da corrente pre jogo) mas o time sem ele, é muito melhor, ainda assim um time ruim e fraco, mas muito melhor do que com ele “prendendo” ainda mais aquele meio.
    Vasco sempre!!

  14. Carlos Queiroz

    Consegui não me mobilizar pra assistir o Jogo, consegui não ficar acompanhando pelo Twitter ou outro site em tempo real. Vi só no intervalo de Inter e Palmeiras o lance do Leandrão e a defesa do Jordi, depois qdo olhei novamente tava 1×0 e fiquei com medo de acompanhar kkk.
    Menos mal, uma vitória, já não era sem tempo.
    Vamos ver se com esse pessoal que andava encostado o Vasco arranca, me parece que jorginho entendeu que com o material que temos é primeiro não tomar gol, ou gols, e depois, com os jogadores ganhando confiança, tentar alguma coisa.
    Tem muito ainda pra tentar fazer, estamos jogando muito ruim, mas tem muita gente que vai cair de rendimento, a hora de engrenar é agora pra não parar mais.
    Sinto as Flores caindo pelas tabelas, já temos mais pontos que eles no returno.
    Vamos jogar um por vez, se conseguir ao menos ganhar 2 seguidas e empatar uma, vai deixar a lanterna. Só não pode se empolgar e tomar um sapeca em casa no domingo aí volta o anticlímax..
    Em tempo, Doriva é técnico de Estadual, não consegue fazer um trabalho convincente em Brasileiro, talvez tenha que pegar um time e disputar uma Série B ou C até o final.

  15. Claudinei

    Ao menos ganhamos uma. Falta bastante para sairmos desta situação. Isso em nada muda o que essa diretoria fez, ou melhor, não fez…

  16. Paulo Sergio de Araujo

    Lúcida e responsável, a análise do JC.
    Pelo que vi do time da Ponte Preta, é outro “forte concorrente” a uma “vaguinha” na série B, em 2016.
    Enfrentamos um time TAMBÉM muito LIMITADO e, mesmo assim, só nos impusemos na partida após a expulsão de um jogador adversário.
    Como o blogueiro, pelo que “produzimos” ontem, não vejo motivo para “grandes esperanças”. Será necessária uma grande melhoria de nosso time, para sonharmos com uma IMPROVÁVEL “escapada milagrosa”.
    Se é possível manter alguma esperança, isto se faz muito mais pelo fraco desempenho de concorrentes, do que por melhoria acentuada de nosso time.

  17. Gustavo P.

    A sorte só pode ter voltado pro nosso lado, porque jogar com Herrera, Riascos, Julio Robocop dos Santos, desencavar o Rafael Vaz e ainda ganharmos…..
    Herrera é péssimo, mas o Riascos é inacreditável, jogador de pelada de fim de semana no Aterro, e realmente deve ter alguma deficiência mental….

    Agora é manter o foco para o jogo contra o Patético Paranaense, que eu particularmente odeio.

    Os bambis do Morumbi tomaram 3 do Santos ontem, é crise na certa e podemos nos aproveitar pra passar por eles na Copa do Brasil. Tudo pode acontecer…..

    • JC Barbosa

      Cara, faltam 19 dias pro jogo contra os bambis. Até lá, eles nem lembrarão do jogo de ontem.

      • Gustavo P.

        Realmente, 19 dias é muito, viajei. Pra vc ver o nível de envolvimento que estou com o Vasco esse ano…. De qualquer forma acredito que passaremos pelos bambis.

  18. Até voltou a chover aqui em Brasília depois que o Vasco voltou a fazer gols…mas brincadeiras a parte, vamos alcançar o Joinville para depois voltar a acreditar, pq depois da vitória dei uma olhada na tabela e caiu a ficha dessa campanha pífia…Mas é pra agradecer a Deus mesmo, afinal dessa vez a bola entrou né…Espero que continue assim

  19. Lucas Silva

    Debochar da fé alheia não é das atitudes mais nobres para alguém que escreve num espaço aberto como esse. (A apologia ao cigarro também não foi das coisas mais inteligentes que li neste espaço).

    O Vasco, historicamente, se notabilizou pela tolerância e aceitação das diferenças (cultural, étnica, religiosa etc.). O senhor está andando na contramão.

    • JC Barbosa

      Só pra esclarecer….

      debochar
      de.bo.char
      (fr débaucher) vtd 1 Lançar no deboche, tornar devasso ou libertino: Debochou a simplória moça. vpr 2 Corromper-se, prostituir-se, tornar-se vicioso. vtd e vti 3 Escarnecer de, zombar de: O estudante debochava os colegas. O ímpio debochou das coisas mais sagradas.

      apologia
      a.po.lo.gi.a
      sf (gr apología) 1 Discurso ou escrito laudatório para justificar ou defender alguém ou alguma coisa. 2 Elogio, louvor, panegírico. Antôn (acepção 2): censura.

      Nem debochei da fé de ninguém – fiz um comentário sobre a forma de falar do nosso goleiro, sem fazer qualquer referência à fé que ele professa – e muito menos fiz apologia à qualquer coisa. Posso concordar com vc, desde que me mostre onde eu elogiei o ato de fumar ou incentivei a qualquer um a se tornar fumante.

      • Thiago Braga

        Ohhh Lucas Silva aaa……..Vira homem rapaz, tu nao tem mulher não?? Ta precisando eim parceiro!!

        VASCO SEMPRE!!!

      • Paulo Sergio de Araujo

        Pois é, JC…
        Como os casaquildos estão COMPLETAMENTE IMPOSSIBILITADOS de espalhar as sandices de sempre, tentando DEFENDER O INDEFENSÁVEL ( o “adorado” presidente FANFARRÃO E INCOMPETENTE deles, SÓ DELES!)), daqui a pouco vão reclamar que você “não ajudou alguma velhinha a atravessar uma rua”…

      • Lucas Silva

        Desculpe, JC. Acho que exagerei. Você está certo em seus argumentos.

        Ah, sou seu fã, desde o blog na Globo.com, apesar de ter deixado dúvida no ar, com meu comentário.

        E torço muito pro nosso Vasco escapar (embora a contrapartida da queda possa ser algo bastante positivo, que é o enfraquecimento do homem do charuto, que também vejo como um atraso para o clube).

        Abraços!

      • JC Barbosa

        Sem erro….tentar descontrair é necessário. Mas nunca brincaria com a fé alheia ou incentivaria qualquer vício.

      • Acho que o cara andou fumando uma…

  20. Não vi o jogo porque estava trabalhando mais pela sua analise dá pra ver que o Vasco continua a mesma merda, ou seja não ouve melhoras, o melhor dizendo vencemos por pura sorte, resumindo tudo pela sua analise não a chance alguma de nos fugirmos do rebaixamento.

  21. O desafio é ainda torcer para não cair e conseguir reunir a massa para botar o Eurico para fora. Duas missões difíceis. No que depende só de nós, acho muito improvável. Já quanto a queda, olhando a tabela, tendo o jogo de ontem como referência, podemos ter em mente que os adversários que lutam para não cair podem piorar e se o Vasco der uma boa arrancada sai do z4. Na torcida, sempre. Mas, jamais aceitar que aqueles que nos fizeram passar a nossa maior vergonha se perpetuem no poder, destruindo cada vez mais o Vasco.

  22. RUICRUZ

    Herrera, Riascos, Júlio dos Santos ? Melhor ir de BOLÃO, RECO-RECO e AZEITONA.

  23. RUICRUZ

    Como disse um amigo meu: O VASCO venceu porque jogou contra um VASCO GENÉRICO.

  24. RUICRUZ

    É nós. Rumo à Tóquio.

  25. oliveira

    Engrac,ado, vc critica o Jordi mas comeca o texto com Aleluia…que ironia.

    Quanto ao time e o jogo. Primeiro, os loucutores reclamaram do campo, que o estado era deploravel. Como e’ q jogamos futebol nestas condicoes??? Valeu CBF.

    Segundo, precisamos de mais jogadores pra armacao do time. O Julio dos Santos pode pegar um banco ou nao jogar mais, ele e’ horrivel. O herrrera so serve no banco, mas nem isso ele merece. Entao eu botaria o Andrezinho e Jorge Henrique no lugar dessas duas perebas.

  26. Leon da Cruz

    Primeiramente, glorificar o senhor! Até achei que o time começou um pouco melhor do que de costume. Mas depois foi a mesma bagaça de sempre. A diferença foi que fizemos um gol e o outro time não teve competência para fazer outro (ou vários outros). Mas que sirva de motivação para o elenco e, quem sabe, em nome de Jesus, o milagre aconteça…

    Tenho a impressão de que Riascos não entrou puro ontem. Parecia, no mínimo, fumado. Já as longas entrevistas de Jordi mostram que, se a carreira de goleiro não der certo, tem futuro como comediante.

  27. Marco Aurélio

    JC e Nação Vascaína ontem foi uma boa vitoria com uma atuação terrível do time. O Jorginho esta tentando inventar a roda…o tal do bruno gallo e o julio dos santos canhoto, ou seja, não marca direito e também não cria. Julio dos Santos Alias que está precisando bancar urgente!!! O time do Vasco é muito lento e todas as opções que o jorginho tenta e pra deixar o time mais lento. Na hora que coloca um cara mais rápido o Riascos, ai ele como disse o narrador do Premiere ontem “parece que o cérebro dele da tilt em algumas jogadas”…essa hora confesso que rachei de rir. O time quase todo foi mal,exceções para Jordi, Rodrigo e Diguinho, e com pior atuação ate agora no nenê que errou tudo, tudo mesmo que tentou! Agora é esperar o próximo jogo para ver a proxima invenção do Jorginho e do zinho. Pra mim o Time “ideal” tem q ser o Martin, Bruno Ferreira, Luan e Rodrigo, Julio Cesar, Diguinho e Serginho, Andrezinho , Nenê, Jorge Henrique e Leandrão. O que vcs acham?

  28. cara pesei q só eu tinha percebido q Herrera, J dos Santos e o Madson tambem cara não dá já deu o
    Madson parece uma mulher com aquela cara de choro
    Herrera esse tá de sacanagem
    Julio Dos Santos (parece ate o Dimba )o cara e lento lerdo e ainda joga perto do chorãozinho(Madson)
    Riascos vc fez uma analise perfeita kkkkkkkkkkkkkkkk
    Gostei do Rafael Vaz pra mim grata surpresa como volante , poderia colocar ele com o Anderson Salles pra ver no q dá

  29. Nem lembrava mais do Rafael Vaz, que na partida de ontem me surpreendeu positivamente. Acho que o jogador tem bons passes, e se mostrar sempre no que jogou ontem, pode fazer dupla com Diguinho. Sei que não é das melhores do mundo, mas acredito que possa melhorar sensivelmente.

  30. Jalson Dutra

    Bom dia Vascaínos.

    No deserto de vitorias que caminhamos, até uma vitoria magrinha sobre a Ponte tem que ser comemorada sim!!

    Galera temos um grupo de whatsapp da galera que lê o Blog da Fuzarca,uns 70 membros, quem tiver afim de participar será muito bem vindo! Chamae que eu adiciono lá – Jalson 62-9118 9704.

    SDV.

  31. Jonatas Oliveira

    Herrera, Riascos, Júlio dos Santos… Com os 300 jogadores que tem nesse elenco, será que não existem opções menos irritantes?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s