A inércia e a dinâmica

Newton watching apples fallNewton – o Isaac, não o volante que jogou na Colina – era um sujeito muito sagaz. Bastou ver uma maçã cair e pimba!, formulou as leis da física e revolucionou a ciência.

Mas o que pode nos interessar as leis da física justo no dia de um Vasco x Palmeiras tão importante? Tudo, se lembrarmos da sua primeira lei, também conhecida como o princípio da inércia:

Todo corpo persiste em seu estado de repouso, ou de movimento retilíneo uniforme, a menos que seja compelido a modificar esse estado pela ação de forças impressas sobre ele“.

Ou, em outras palavras, todos os corpos são “preguiçosos” e não desejam modificar seu estado de movimento. Se estão em movimento, querem continuar em movimento; se estão parados, não desejam mover-se.

Ficou fácil, né? O Vasco, que poderíamos muito bem chamar de um time com preguiça de vencer, demorou a ganhar, venceu duas e voltou para sua inércia. Agora que teve mais uma sequência de vitórias precisa seguir a primeira lei de Newton e, seguindo o embalo, vencer o Verdão e sair o mais rápido possível do Z4.

Claro que o Palmeiras é uma baita força contrária ao embalo vascaíno. Em plena arrancada, com um dos melhores treinadores do país e um bom elenco, bater nosso esverdeado adversário certamente será uma tarefa mais complicada que vencer os frequentadores da terceirona América-RN e Fluzim (que mesmo estando em boa colocação na tabela, tem um fraco irresistível em perder para nós). Complicada, sim, mas não impossível. A subida palmeirense na tabela teve a colaboração de uma boa série de jogos em casa e os resultados nos seus últimos três jogos fora, mesmo tendo sido contra adversários difíceis, foram bons, mas não mais que isso: derrota para o Grêmio, vitória contra a Ponte e empate contra o Sport.

Então confiar em um bom resultado hoje não é um absurdo. A possibilidade do Roth escalar o mesmo time que bateu os tricoletes e a tão aguardada volta de San Martín ao nosso gol também ajudam a termos mais fé em uma vitória que pode, finalmente, nos tirar da “zona“. E também teremos outra ajuda das leis da física, dessa vez da segunda lei de Newton:

“A mudança de movimento é proporcional à força motora imprimida, e é produzida na direção da linha reta na qual aquela força é imprimida”.

Traduzindo mais uma vez, para aumentarmos nossa velocidade, precisamos de um empurrãozinho (não é por acaso que essa lei é conhecida como o princípio da dinâmica). E a “força motora” extra que o Vasco terá hoje é o apoio da sua torcida, que saiu da sua própria inércia e esgotou os ingressos para o jogo. Com a massa vascaína nas arquibancadas apoiando o time, as chances de sairmos mais rapidamente do Z4 aumentam consideravelmente.

Com o elenco motivado, uma escalação cada vez mais próxima do ideal e a torcida fazendo sua parte, o Vasco terá mais forças para reagir no campeonato. É a hora da nossa casa fazer a diferença nesse Brasileirão. E nem precisamos falar do calor que nosso caldeirão pode gerar (até porque teríamos que sair da mecânica e ir pra termodinâmica, o que seria física demais para um post só).

Campeonato Brasileiro 2015

 Vasco x Palmeiras

Martín Silva, Madson, Rodrigo, Aislan e Julio César; Anderson Salles, Guiñazu, Jhon Cley e Andrezinho; Herrera (Serginho) e Dagoberto.

Fernando Prass; Lucas, Victor Ramos, Jackson e Egídio; Gabriel e Arouca; Dudu, Robinho e Rafael Marques; Leandro Pereira.

Técnico: Celso Roth.

Técnico:Marcelo Oliveira.

Estádio: São Januário. Data: 27/07/2015. Horário: 18h30. Arbitragem: Anderson Daronco (RS). Auxiliares: Fabio Pereira (TO) e Rafael da Silva Alves (RS).

O SporTV transmite a partida para seus assinantes em todo o Brasil (exceto RJ). O Canal Premiere transmite para seus assinantes em todo país e no sistema Pay-per-view.

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG. E os usuários do Gmail também podem incluir a página do blog no Google Plus.

Anúncios

17 Comentários

Arquivado em Adversários, Pré-jogo

17 Respostas para “A inércia e a dinâmica

  1. anibal mathias

    O culpado é sempre o tecnico. no futebol de hoje não há lugar para times mal preparados. e o nosso é mal treinado, sem esquema tatico, sem o planejamento de jogo que explore com mais qualidade o que cada jogador pode dar. isso é papel do tecnico, tirar o maximo de cada um. e o celso roth não tira. vejam que o 1o. gol do palmeiras começa no meio de campo com o andrezinho perdendo a posse de bola. nesse momento, começa o erro tatico. o guina sai pra marcar o cara que fica com a bola, o andrezinho deveria retornar corrando para fechar a posição do guina na cabeça da area. mas, não faz isso, fica parado olhando. no buraco que se abriu o jogador do palmeiras recebe, o guina voltando pra tentar fechar, escorrega, e deixa um rombo, um avenida mpro atacante adversario, que obriga os zagueiros a sairem pro combate. como são zagueiros mediocres tanto o aslan quanto o rodrigo, são facilmente driblados. e, ai0, GOL.
    então, porque tomamos o gol? porque não houve coordenação do time. as peças não tomaram posição de defesa. e, porque não tomaram? poprque não estão treinadas assim. e quem treina o time? o tecnico. então, de quem é a culpa? do tecnico

  2. Claudio

    Com a atuação do goleiro “Martin DIOGO Silva” falhando nos três gols do Palmeiras, nem JESUS salvava o Vasco no jogo de ontem.
    Foram falhas bizarras para um goleiro do nível do Martin Silva. Com certeza este tempo parado o fez perder o ritmo de jogo, ficou a falta de reflexos e tempo de bola do nosso goleiro.
    Mas se o Roth não o escala para esse jogo, a torcida ia cair de cacete nele.
    Com relação ao Herrera……PQP!!!
    Duvido que um jogador do Palmeiras perdesse aquele gol.

    JC, Tenho uma bom título para o seu post:

    A noite em que Martin Silva virou Diogo Silva.

  3. Claudinei

    Time PATÉTICO!

  4. ODILON C SILVA - RJ

    Tristeza total, nada declarar, jogo importante do Vasco com apenas 14 mil pessoas, o clube que atualmente coloca os menores públicos jogando no Rio de janeiro, vai fazer sete anos com Eurico Miranda de presidente, onde o Vasco jamais fez um clássico inter-estadual jogando no Rio de janeiro para 50 mil vascaínos, apequenando o clube………….Diretoria que só pensa em lucro total, jogou em São Januário para 14 mil pessoas, entrou 300 mil reais, estão satisfeitos, pensam pequeno, maracanã vazio, se jogasse no maraca daria 35 mil vascaínos………….Quanto a derrota para o Palmeiras, já era espetado, pelo futebol apresentado contra o fraco América RN,esse derrota era iminente, agora foi falha da defesa, sempre tem um problema, sintomas do B.B.B.

    ..

  5. Zilio, eterno vascaíno

    O que foi o jogo de hoje? Meu Deus!! O parmera não meteu mais gol porque não quis. Que Dagoberto, Aislan e Madson são sofriveis, todos sabemos, mas Martín? O cara tá votando de lesão e tal, mas ele parecia eu no gol, simplesmente a pior atuação de um arqueiro vascaino nos ultimos anos. Olha, algo tem que ser feito com esse elenco, pois não eh possível esse mesmo time ter jogado bem semana passada, e hoje se apresentar dessa forma. TEM ALGO MUITO ERRADO.

  6. Thiago Braga

    Boa noite a todos.

    Fala Sério, derrota ridícula. O Palmeiras fez 3×0 com seu ataque andando……ridículo, ridículo…. Somos um Botafogo, a verdade é essa!!

    Enquanto Eurico nao morrer estaremos perdidos….A possibilidade de dias melhores, só quando ele morrer……Time ridículo igual a todos montados pelo charuto, sem excessão!

  7. Carlos Queiroz

    Jc está difícil pra cacete escapar esse ano, o único alento é que alguns times começam a indicar que vão brigar muito embaixo, e o Vasco não engrena. Nosso retrospecto em SJ é pífio, tomamos sacode de Ponte, Cruzeiro e agora do palmeiras, detalhe sempre a mesma história, gol no começo da partida, desespero , perda da confiança, goleada. Dificil. A nossa vida, citamos dos melhores anfitriões desse campeonato.

  8. Beto

    Quando um dos poucos que você ainda espera alguma coisa (Martin) entrega o jogo não há mesmo o que fazer…. Que tristeza, acabaram com o Vasco, saco de pancadas da série A.

  9. Diogo

    E os comentários delirantes dos nossos jogadores pós-jogos continuam! http://www.netvasco.com.br/n/165860/rodrigo-ate-que-o-resultado-nao-foi-de-todo-ruim

  10. Diogo

    Mais uma goleada na conta do euvírus.. detalhe, já estava 2 a 0 e ele fugiu da raia.. estamos fudidos com um presidente desse!

  11. Felipedagama

    JC, com esse post você se superou, um dos melhores desde globo.com. Em São Januário temos que impôr o respeito ao qual sempre tivemos,fazer nossos adversários tremerem em nosso caldeirão e fazer nssa torcida bem mais feliz.Sou de Fortaleza, mas daqui vai minha torcida por mais uma vitória.

  12. Arakoiabense

    E que os deuses do futebol nos abençoe e nos ajude nessa vitória, amém!!!

  13. chico

    Belo post!

    Talvez um dos seus melhores até agora (no tempo que te acompanho)!

    Boas analogias com as leis de Newton e o estado do Vasco no campeonato.

    Gostei a escalação…. Mas, por mim.. Serginho não vestiria a armadura cruzmaltina tão cedo.

    Contínuo achando o John Cley pesado… Mas, tá com moral e isso é uma boa contribuição para o desempenho de qualquer atleta.

    Tenho gostado do A. Salles no meio…

    Espero que Herera e Andrezinho estejam com o físico em dia, pq hj vai ser pedreira!

    Mas, usaria o Riascos no primeiro tempo e dagol no segundo, isso se fosse necessário…

    Boa sorte ao Vascão!!! 1×0 é goleada!!!!!

    ABS e sv

  14. LUIS CLAUDIO

    Deixou de falar num reforço importante em nossa lateral esquerda.
    E afinal o Vasco trouxe mais um “reforço” o Galo se não me engano que também pode jogar na lateral esquerda, pois esse Julio Cesar não me agrada, quando vai estrear? Ou vai ser mais uma contratação “fantasma” que nossos dirigentes tanto gostam.
    Lembram do Mazinho? Que passou de volante médio para excelente lateral esquerdo?Quem sabe não é essa a solução?

  15. Sniper

    Belo post JC, rumo à vitória. Tá faltando vc no grupo do “zap zap”.
    Abcs!

  16. Leon da Cruz

    Cara, li também sobre uma outra escalação possível, com o Serginho no time titular e o Jhon Cley no banco. Se for esta escalação, dá para almejar um empate. Se entrarmos com um time mais ofensivo, dá para sonhar com uma vitória. Mas, de qualquer modo, será muito difícil. O time do Palmeiras não é lá essas coisas, mas está embalado e tem um dos melhores treinadores do país.

    Se eu fosse o Roth, botava os laterais para chuverar na área o tempo inteiro. Com Prass no gol adversário, haverá grandes chances de ele entregar a mariola em cruzamentos na área, como fez várias vezes no Vasco. Ou um chute de longa distância, para o bracinho de jacaré entrar em ação. Ou, ainda, cavar um pênalti… pois, neste caso, são favas contadas.

    Mas nada disso deve ser motivo de preocupação. O que importa mesmo é que Sabão tá chegando e vai resolver tudo.

  17. Guilherme

    JC,
    Não sei porquê tanta preocupação… Afinal vamos para uma grande arrancada no segundo turno, pois se não veio o R10 o Dotô trouxe o Sabão do Gonçalense para o nosso ataque! Agora vai! Rumo a Libertadores!

    Acho que a maça do Newton era uma jaca e caiu na cabeça do Eurico….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s