Sem desesperar

Não será dessa vez que o Vasco sairá do Z4: na gélida Arena Condá, a Chapecoense nos venceu por 1 a 0, fazendo com que Celso Roth tivesse sua primeira derrota no comando da equipe. Com o resultado, ao fim da rodada manteremos a 18ª colocação e nos resta torcer para que nossos adversários logo acima na tabela não ampliem a vantagem que têm sobre nós.

Apesar de tudo, discordo sinceramente de quem critica exageradamente o time e dos que ficaram desesperados pela atuação de ontem, por a terem considerado a pior em muito tempo. Discordo porque ela não foi a pior em muito tempo. A partida que fizemos ontem está dentro do padrão Celso Roth de atuação. E nem tão diferente das que tivemos nos dois últimos jogos.

Se analisarmos o contexto geral, fica mais fácil entender meu ponto de vista. Todos sabemos como é o Rothbol, o esporte parecido com o futebol que nosso atual técnico emprega em suas equipes: prioridade para o sistema defensivo, com muita marcação; não dar importância à posse de bola; esperar uma chance para marcar um golzinho e, conseguindo isso, se fechar completamente para assegurar essa vantagem. Os times do Roth mantém sempre essa postura, as vezes dá certo, outras dá errado. Ontem infelizmente foi o segundo caso, mas não somente pelos defeitos do Rothbol.

Aliás, até ia dando certo. Ninguém poderá dizer que nosso primeiro tempo foi tão pior que a etapa inicial contra a Mulambada. A Chapecoense sempre se impõe em seu estádio e, ainda assim, conseguimos equilibrar as ações em campo em alguns momentos. Os donos da casa tiveram mais posse de bola (normal) mas não chegaram a criar chances claras de gols contra nós (o que também é normal). A intenção clara do Roth era, antes de tudo, não perder. E o time vinha fazendo isso normalmente.

Nosso treinador naturalmente se preocupa muito com a defesa. Jogando fora, sua cautela aumenta. Agora imaginem o que ele pedirá aos seus comandados depois de perder um jogador no primeiro minuto do segundo tempo? Diante da expulsão do Christianno, todos já imaginavam que o Vasco se agarraria desesperadamente ao ponto que estava conquistando. E, tirando o pavor com as saídas do Charles, a pressão do Chape estava dentro dos conformes. O que não estava nos planos era que uma falta mal cobrada e um vacilo na marcação acabasse redundando no gol adversário. Aí, com menos um – e logo depois, menos dois – não há esquema defensivo que fosse resolver nosso problema. Não com os jogadores que tínhamos no elenco.

Nossa situação na tabela é desesperadora, mas olhando friamente, a atuação de ontem não trouxe qualquer elemento para aumentar nossa preocupação. Ela já é grande o bastante e o que vimos ontem em Chapecó é o que veremos muitas outras vezes ainda. O que nos resta é torcer para que o Rothbol  nos ajude a vencer mais do que nos submeta a derrotas. O que sinceramente acredito que vá acontecer com a chegada de jogadores como Andrezinho, Herrera e Eder Luis e a volta do Martín Silva e Dagoberto.

As atuações

Charles – até fez uma boa defesa no segundo tempo, mas a insegurança nas saídas de bola e os vários rebotes que cedeu não nos passam a menor tranquilidade.

 Madson – o Madson que subia o tempo todo não existirá mais sob o comando do Roth. De certa forma, o Madson mais preocupado com a marcação é menos irritante que o anterior.  Teve uma chance para marcar no segundo tempo, mas chutou para fora.

Aislan – a expectativa não era das melhores, mas o jovem zagueiro não comprometeu em sua estreia.

Anderson Salles – parece que se sai melhor tendo a experiência do Rodrigo ao seu lado, mas ainda assim foi quem mais roubou bolas no primeiro tempo e também não chegou a comprometer. No finzinho do jogo fez um belo lançamento em cobrança de falta, que levou perigo.

Christiano – acrescentou à sua lista de defeitos ser expulso. Mas se pensarmos bem, ter a certeza de que não jogará na próxima rodada é o melhor presente que o sujeito já deu à torcida.

Guiñazu – com a Chapecoense atacando a maioria do tempo, acabou apelando para as faltas com mais frequência que ultimamente.

Serginho – se enrolou em alguns momentos, quase entregando a mariola em um recuo esquisito no primeiro tempo.

Emanuel Biancucchi – foi o único do meio campo que tentou alguma coisa no primeiro tempo, mas não conseguiu ser efetivo. Acabou sendo substituído pelo Jhon Cley, que conseguiu tomar dois amarelos em 30 segundos e enterrou de vez qualquer chance de reação.

 Julio Cesar – jogando no meio, só conseguiu aparecer quando jogava aberto, ocupando a lateral. Quando foi deslocado para a lateral, quase não teve chances para apoiar por conta do recuo do time.

Riascos – com Roth enchendo o cara de funções defensivas, acabou sendo visto mais vezes perto da nossa área que da área adversária. Ainda no primeiro tempo sentiu um incômodo na perna, mas só saiu na metade final do segundo tempo, dando lugar  Thalles, que só apareceu ao não conseguir aproveitar um bom lançamento do Anderson Salles.

Gilberto – não teve praticamente nada para fazer em todo tempo em que esteve em campo. Com a expulsão do Gilberto, foi sacrificado para que o meio fosse recomposto e cedeu lugar para o Lucas, que vacilou no lance do gol ao dar muito espaço para o jogador da Chapecoense.

***

Cabem algumas palavras sobre o papel do Roth na derrota.

Mesmo que seja aceitável para qualquer treinador armar uma equipe mais defensiva com o elenco que temos hoje, Roth ontem exagerou na dose. Não precisávamos ter abdicado tão completamente do ataque como fizemos, mesmo quando ficamos em desvantagem numérica.

Mas isso até se entende. O que não se entende é tirar o Primo do Messi, que no primeiro tempo foi o jogador a dar mais toques pelo time, para colocar o Jhon Cley. E mais incompreensível ainda é a insistência com o Christianno. Preferir ter o Julio César no meio para mantê-lo é inexplicável, até porque temos opções para a posição que o JC ocupa hoje. Biancucchi ou Julio dos Santos, por exemplo, podem fazer essa função, ajudando na criação e também na marcação. Mesmo que Cley tenha que formar o meio com um dos dois citados seria uma opção melhor, desde que Julio vá para a lateral e o Christianno, perdoem-me pela exaltação, vá para o quinto dos infernos.

Torçamos que a expulsão de ontem seja o passaporte definitivo do “Khrysthyannow” para a reserva. Com a chegada do Andrezinho, não haverá mais qualquer justificativa para manter Julio Cesar no meio. E nem o Roth será capaz de deixá-lo fora da lateral esquerda tendo esse entojo como opção.

***

Update: tem uma coluna nova no site Vasco Expresso. Para dar aquela conferida, basta clicar aqui.

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG. E os usuários do Gmail também podem incluir a página do blog no Google Plus.

Anúncios

77 Comentários

Arquivado em Atuações, Resenhas, Vídeos

77 Respostas para “Sem desesperar

  1. DIMAS COSTA

    OLA JC, JÁ TEM UM TEMPO QUE NÃO COMENTO, MAS SURGIU UMA DÚVIDA. O VASCO SERA RESSARCIDO PELA COMENBOL,FEDERAÇÃO URUGUAIA…PELO FATO DE MARTIN SILVA VOLTAR LESIONADO DA COPA AMERICA??? NAO EXISTE UM TAL SEGURO PARA ESSES CASOS??

    Abr,

    CONTINUO NA ESPERANÇA DAS COISAS MELHORAREM COM A ENTRADA DOS NOVOS CONTRATADOS E DOS QUE ESTÃO MACHUCADOS.

  2. Leon da Cruz

    JC, o departamento médico do Vasco disse oficialmente que não há previsão de retorno do Martin Silva. Corre o boato de que a volta pode ser no dia 26, contra o Palmeiras. Ou seja, desesperador, pois pode nos custar pontos decisivos nos próximos jogos. Não valeria fazer um post sobre isso? Afinal, é mais uma demonstração de incompetência e falta de planejamento da diretoria. Só o fato de ter ocorrido a Copa América (e sabendo-se que o M. Silva provavelmente iria) já justificaria um cuidado especial com a posição de goleiro. E para mim está claro que o Jordi não é titular por uma recomendação técnica da preparação de goleiros. Mas se o Charles está supostamente mais preparado, isto significa que quem não se preparou mesmo, mais uma vez, foi a diretoria.

  3. Thebar Augusto Guedes

    Roth vai barrar o Gilberto para botar o Talles porque ele marca melhor, é mais parrudo e volta pro meio campo. O Gilberto fica lá sacaneando o Roth, não sai de perto da área, fica pedindo bola na área, pedindo aproximação dos meias!!!?? Isso irrita o treinador, o Talles é mais parrudo, briga pela bola no meio de campo, pelo alto, é o jogador dos sonhos do Roth e deve ser mais bem dotado que o Gilberto, aí parceiro não tem jeito, o Roth vai manter o esquema e escalar o Talles. Quem se esqueceu o tesão irrefutável que ele tinha pelo volante parrudo Amaral em 2007, aquilo parecia amor sem fim.

  4. Zilio, eterno vascaino

    Nobres, eu estava vendo no netvasco as noticias sobre o Martin. Esta rolando negociaçao? Essa lesao esta estranha e ninguem explicou direito sobre o ocorrido, nem mesmo o Martin. Hoje de manha ele voltaria dia 26 a campo, no fim da tarde ja nao tem data. So me falta o “doutor” estar negociando o unico jogador que presta neste elenco e deixar tudo por conta do acaso e da sorte. Sera que vai ser igual 2013 DE NOVO, onde tinhamos goleiros mediocres? Essa pendenga, esse despacho enquizilado parece nao ter fim! Deus, cuida do meu Vascao!!!

    • chico

      Medíocres???

      Vc tá sendo muuuuito generoso…

      O Diogo Silva é horrível!!! E esse Charles é muito igual…

      Agora, quem é o preparador de goleiros?? Sério, o Vasco sempre teve bons goleiros..

      Sério, entre Jordi e Charles, prefiro o Jordi. Toda bola alçada na área do Vasco é meio gol pros caras… Pode ver, o Charles erra TDs!

      ABS e SV!!!

      • Zilio, eterno vascaíno

        Pois é, Vascaíno Chico. Sacaram o Jordi por causa daquela expulsão? Se for, erro da comissão técnica, pois condenar o guri à solitária por um lance não é razoável, e Jordi é mais goleiro que esse doido do Charles. Embaixo da trave o Charles é bom, muito ágil, mas suas saídas nos fazem trazer do inconsciente muitos medos.

  5. adamor ribeiro

    Caro J.C Boa Noite.Achei que o Roth mexeu errado,quando tirou um atacante e colocou o Lucas que pra mim não joga nada.O certo seria,ter colocado o Thalles,no lugar do Gilberto,que vem mostrando uma má vontade,alem da fase negativa porquer passa.Mesmo com 10,o Vasco teria que tentar ir pro ataque,e não ficar só se defendendo.Agora com nove, não tinha outro jeito,senão se defender,pra não tomar uma goleada.A expulção do J.Cley,acabou definitivamente com qualquer possibilidade de se tentar ao menos o empate.Acredito,que o Vasco vence o S.Paulo.Acho a zaga deles fraca,o time deles é bom do meio pra frente. Vamos marcar forte la atras,e jogar novamente por uma bola como fizemos contra o Flamengo, o que não podemos,é ir pra cima de qualquer jeito.abraço

  6. ODILON SILVA = RJ

    Não esqueçam que Eurico miranda herdou um VASCO da bela administração do grande presidente ANTONIO CALÇADA, onde ele herdou um grande time, um grande patrocinador, um forte quadro social, um clube com imagem e marca valorizada, um clube cativador, um clube carismático……………………..Quando largou o VASCO herdado do presidnte ANTONIO CALÇADA, Eurico Miranda largou um clube com marca e imagem destruidas, desvalorizadas, um clube problemático,um clube rejeitado, um clube sete anos sem patrocinador, um clube com 800 associados, um clube que batia recordes e mais recordes nagativos de públicos…………………………..A última gestão deixou desejar muito, alias tiveram tudo nas mãos para mudar e salvar o VASCO, mais á última gestão deixou um clube em algumas coisas bem mais forte, que aquele clubeque Eurico Miranda deixou…………………………………….Nessa sua segunda vez como presidente, Eurico Miranda pegou um clube com marca e imagem forte, pegou um clube com um grande patrocinador, pegou um clube com um quadro social maior que aquele que ele deixou, pegou um clube cativador, carismatico, popular, pegou um clube que vinha compulsivamente batendo recordes e mais recordes de públicos, um clube que superava os outros em torcida nos estádios, e médias de públicos, pegou um clube com alma, onde a maior grandeza vascaina que é sua imensa torcida, não mostrava fragilidade……………………Agora mara muitos isso não é tão importante, nem merece respeito, imagina se RÁDIO TUPI e outras RÁDIO vão se doer, ou exigir essa coisas.

  7. ODILON SILVA = RJ

    Cadê a turminha de esporte da RÁDIO TUPI, que antes radicalemnte cobravam tanto, exigiam tanto, agora fazem vista grossa, agora não cobram mais, onde anda VAGNER MENES, EUGÊNIO LEAL. Antes já no começo do campeonato, eles ficavam falando que o VASCO seria rebaixado, que o VASCO tinha um time merda, ficavam o tempo todo xingando, agora ficam dando conselhos, ficam matutando um esquema tático, agora Eugênio Leal e Vagener Meneses não cobram mais, não criticam mais…………………………..Antes criticavam cegamente, tiravam o animo, agora ficam caladinhos, seria medo do SADDAM MIRANDA?…………………………. Depois esses caras ainda falam na cara dura, que almoçam, jantam com Eurico miranda, olha esse clube tá lascado, se depender dessa gente para concerta, para apontar esses erros gravissimos do VASCO, nos estamos perdidos, para pioras eles não são vascainos, ainda são amiguinhos do Eurico miranda, olha o carma desse clube……………………….

  8. ODILON SILVA = RJ

    Pelas previsões, pelas probalidades, o time não consegue ganhar um jogo fora, se não ganha do fraco Chapecoense, vai ganhar de quem?……………………………O tempo vai passando, o campeonato vai começar funilar, não saimos ainda da zona da degola, tá brabo, tá foda bacana…………………….Antes os vascainos freguentavam os estádios para lutar por conquistas, agora freguentam os estádios para lutar contra rebaixamentos, seria esse o respeito qui voltou?……………………Para muitos respeito é, lutar por grana alta, lutar por questão de moral, lutar para prevalecer suas palavras e anseios, isso para eles é o maior respeito, o resto nem tanto………………………….Basta vê o fraco time, basta vê a triste média de público do VASCO da competição, basta vê que o clube ostenta as últimas colocações em público na competição, para os fracos vascainos, isso não é tão importante, isso não exige respeito, então tá………………………………………………..Minha cultura vascaina é, nada , nada, deve ser mais importante quea torcida vascaina, para muitos isso é segundário, euriquismo é uma merda, euriquismo é uma praga…………………………..

  9. JOÃO BOBÃO = TIJUCA = RJ

    Nos vamos lutar pelo G4 sim , meu titio Eurico Miranda falou o seguinte: Com a entrada do Andrézinho, o VASCO vai decolar, vai lutar pelo g-4, vai lutat pela libertadores, vamos mesmo, quando titio Eurico Miranda fala é batata, voces concordam meus amiguinhos.

  10. Evandro

    O bobalhão e puxa saco do eurico, Alexandrete Vieira, outro dia não disse q só via as coisas boas do Vasco?? Q o importante era ver as coisas boas da diretoria?? Não foi esse mesmo baba ovo do eurico q falou isso?? Mas qdo não é da “jestão” eurico, pode criticar??? Qta hipocrisia euriquete.

    Agora, é sério mesmo q a defesa para mais uma bela contratação do eurico é comparar com outras porcarias?? Quem é o menos horroroso?? Na minha humilde opinião, o pior jogador q o Vasco já teve, de todos os tempos, de todos os esportes, foi o filho do eurico, Alvaro Miranda. Fez parte (esquentava o banco) num time de basquete.

    Apenas um adendo a sua resposta Jc, qdo a euriquita menciona q o John Clay deveria jogar no resende, volta redonda e outras porcarias. Não foi só o Bruno Gallo e sim quase todas as contratações dos brilhantes euriquinho e zé do taxi (Lucas, Bolt, Jean Patrick, Aislan, Caucaia, Romarinho e Cristiano – q jogou no Bangu).

    Fico imaginando qdo o “doto” morrer o q sera desses baba ovos. Acho q o Vasco ira perder uma boa parte da “torcida”.

    Em relação ao jogo, é o segundo q o Lucas entrega. Primeiro um penalti tão infantil qto as defesas das euriquitas e ontem ficou olhando o jogador da Chapecoense.

    • Zilio, eterno vascaíno

      Fico imaginando qdo o “doto” morrer o q sera desses baba ovos. Acho q o Vasco ira perder uma boa parte da “torcida”. Rapaz, eu até concordaria se a maioria dos vascaínos fossem simpatizantes do “dr”.
      Quanto ao Lucas, ele é desatento. Se não entrega a mariola, abre a porta da horta para os cabritos. Difícil botar fé num cidadão desse.

  11. José Luis Soares

    Só uma coisa me mantém esperançoso : com essa baba de time, se tivéssemos vencido o Goiás, NA NOSSA CASA !!!!, estaríamos fora do Z 4. Vamos escolher 4 times da lista ( Joinville, Coritiba, Goiás, Santos, Flamengo, Avaí e Figueirense ) e procurar fazer uma campanha melhor que 4 destes times. É difícil ? Concordo, Mas não é impossível.

  12. Wesley

    A verdade é que foi mais um jogo horroroso , futebol é uma coisa que eu não vi nessa partida , bom por enquanto não é isso que queremos e sim pontos . Mas está impossível de assistir a partida inteira , tamanha raiva que eu passo e falto de futebol apresentado em campo . Se esse estilo de jogo vai nos ajudar ao final eu não sei , mas porra isso é um time de futebol e o mínimo que temos que ter é FUTEBOL , e isso não é o que eu vejo .
    Com essa tática adotada pelo Roth o melhor ele colocar o Vasco Patriotas em campo , pelo menos ele defendem de verdade , e algum deles sabe dar um chute na direção do gol , pronto tudo resolvido.

    Acho curioso os que defendem o presidente “dr?” usando como argumento sempre serem melhor que administração passada , grandes merda ,eles são o pior da história . E na minha opinião a atual gestão está 90% igual a deles .

  13. Claudinei

    Pelo que vi nos melhores momentos, só deu Chapecoense. O Charles muito indeciso. O Time só se defendendo. É sofrimento até o final…

  14. David

    Honestamente não sei o que é pior
    – Christiano, uma diarréia ou dor de dente!

  15. Claudinei

    Não pude assistir!
    Faltam 37 pontos… Meus Deus, que cheguem logo…

  16. carlos

    Bom dia!

    Covardia tem limite, para mim não era necessário colocar mais um cabeça de bagre para defender depois da saída do crystiano. Estava certo tomar o gol após recuar tanto, o Vasco se tornou time pequeno.
    Fica aquele pensamento, se tivéssemos ganhado teríamos saído do Z4. Defender é importante, mas só defender.
    Não gosto do Roty e para mim escolhemos o pior técnico para substituir o anterior.

  17. josé

    “O que nos resta é torcer para que o Rothbol nos ajude a vencer mais do que nos submeta a derrotas. O que sinceramente acredito que vá acontecer com a chegada de jogadores como Andrezinho, Herrera e Eder Luis e a volta do Martín Silva e Dagoberto”
    Esperar que jogadores que estão há meses parados ou vêm de um lugar onde o futebol engatinha sejam a salvação do clube é acreditar em milagres. Terão que mostrar logo qualidade, pois a pressão será enorme, mesmo com a distância entre time e torcida (parte disso graças a ideia genial do dotô de colocar os ingressos a R$ 60,00).
    A situação é crítica e desastrosa. Precisaríamos de reforços de qualidade e o Bruno Gallo não é bem o sinônimo disso.
    Por fim, o Júlio Cesar também não passa confiança, mas com o Christiano na lateral qualquer um serve.

    • JC Barbosa

      Os ingressos são R$ 40 há algumas rodadas já. E não sei contar com os novos jogadores chega a ser acreditar em milagres. Só vendo para julgar.

  18. Paulo Sergio de Araujo

    Quando o treinador (?) tirou um atacante para colocar um volante, depois da expulsão do MELHOR JOGADOR DO ADVERSÁRIO (o Christiano), já sabíamos o que aconteceria. É a COVARDIA padrão Celso Roth, de sempre, que já conhecemos de LONGA DATA.
    E o que já estava MUITO RUIM, ficou ainda PIOR.
    Vale lembrar que o FlorminenC, semana passada, também estava com 9 jogadores em campo e, mesmo assim, jogando fora de casa contra o Goiás, virou o jogo. Certamente porque seu time, também MUITO LIMITADO, teve VONTADE DE GANHAR…!!! E TENTOU…!!!
    O que mais IRRITA é assistir MAIS UM jogo de “ATAQUE CONTRA DEFESA”, em que o nosso time, “para variar”, é a “DEFESA”. Lamentar (e “usar como desculpa”) a expulsão dos dois jogadores (a do Jhon Cley foi só aos 32′ do segundo tempo) é “escolher ignorar” o FATO, de que nos RARÍSSIMOS chutes (DE LONGE) ao gol do adversário, NÃO ACERTAMOS O GOL NEM UMA ÚNICA VEZ.
    O narrador da partida só mencionou o nome do goleiro adversário nas RARÍSSIMAS oportunidades em que ele “apareceu na TV”; praticamente, só em bolas atrasadas. Após o apito final, ele saiu de campo e NEM PRECISOU TOMAR BANHO.
    Nos “melhores momentos” da partida, só a Chapecoense atacava. Só “aparecemos no ataque” no último lance da partida, numa falta quase NO MEIO DE CAMPO, em que um zagueiro deles quase fez uma “lambança”.
    Como qualquer time pode “pretender” vencer uma partida, se NÃO ATACA O ADVERSÁRIO…??? SE NÃO CRIA UMA ÚNICA CHANCE DE GOL EM TODA A PARTIDA…??? O único “susto” da Chapecoense foi no último lance; quando uma bola jogada na área foi mal rebatida pela defesa e quase vai parar dentro do gol.
    Para SAIR DA MERDA, precisamos JOGAR PARA GANHAR…!!! Se jogamos PARA EMPATAR contra a CHAPECOENSE, CONTRA QUEM JOGAREMOS PARA GANHAR…???????????????
    Quanto às SANDICES DE SEMPRE dos “pela-saco” que torcem por dirigente FANFARRÃO e INCOMPETENTE, JC, talvez haja uma “motivação” maior agora. Eles já devem ter comprado a “mesa” para o seu “competentíssimo ídolo” subir em cima e “comemorar” mais uma FUGA DE REBAIXAMENTO; porque “este” é o “conceito de respeito” deles. E certamente estão “preocupados”, porque o 17° lugar “conquistado” em 2003, naquele ano não rebaixava; mas, agora, REBAIXA…! E a NOVA BARANGADA contratada pela dupla “zé do taxi e euriquinho”, está tendo MUITA DIFICULDADE de desempenhar um papel melhor do que aquela contratada em 2008.
    O novo/VELHO presidente, o REI DAS BRAVATAS INÓCUAS, só fala que “com ele o Vasco não cai”, porque ainda existem “mentes simplórias” e DESMEMORIADOS transitando por aí.

  19. BJ

    Herrera, Andrezinho e Eder Luiz estréiam quando?

    Socorro esse time é muito ruim! Rescidam o contrato do cristiano e desse jhon cleyton! O cara entra no segundo tempo e consegue ser expulso! Só pode ser brincadeira isso!

  20. Juvenal

    Boa tarde JC – precisa sua abordagem sobre o jogo de ontem.
    Devido a compromissos, só pude assistir a 2ª etapa, mas o que assisti na telinha se resume em “ALUGA-SE MEIO cAMPO”. Com 10 ja foi dificil segurar o ataque catarinense, com 9 então piorou e não lsei nem como não levamos goleada. As pouquissimas jogadas vascainas de ataque não deram resultado devido a passes errados.
    O Celso não deve estar com a cabeça normal ao afirmar que o Lucas e o Tales entraram bem – ao contrario não fizeram nada. A grande falha do Celso foi substituir o Manu pelo Jon Clei – ess foi uma roubada tremenda.-

  21. CLAUDIO / ILHA

    Querem sofrer um pouquinho mais?
    Entrem no simulador da tabela do campeonato e tentem fazer 48 pontos lá !

    Jogos contra Goiás, Figueirense, Chapecoense, tinham de ser vencidos !!

    • CLAUDIO / ILHA

      Poupando o JC, vou me corrigir…
      Tentar achar onde conseguiremos 38 pontos naquela tabela é algo difícil…
      Mas vamos lá…
      Nossa função é torcer !!
      E cobrar !!!

  22. Lucas Ottoni

    Jhon Cley é meia e joga com a camisa 10. Me digam: quantos gols esse cara fez? Quantas assistências? Quantas jogadas dignas de lembrança? E vem com essa de promessa da base. Há quantos anos esse sujeito é promessa e vive só na promessa? Me desculpem, mas não joga nada. E a expulsão ridícula de ontem foi só a ponta do iceberg. Que o Andrezinho estreie logo (meu Deus, como é triste ansiar pelo pra lá de mediano Andrezinho!… O que fizeram com o Vasco???). Enfim, Jhon Cley não dá.

  23. Willard H. Wright

    Boa tarde, JC, torcedores do Vasco.

    Em primeiro lugar, peço licença ao dono do espaço para comentar neste, Sou torcedor do Grêmio e gosto de acompanhar blogs de todas as torcidas. Não me considero anônimo por informar um e-mail legítimo, que também serve para impedir que detratores usem o mesmo pseudônimo para comentar em meu nome.

    Quase nunca me manifesto. Quando o faço é, justamente, sobre o tema que hoje parece ser a pauta de sua torcida: Presidentes e sua competência (ou a falta dela).

    Não creio que outros nomes tirando o Fábio Koff (Grêmio) e o Márcio Braga no rival de vocês mereçam algum destaque. Note que o Palmeiras ganhou seus títulos nos anos 90 presidido por um indivíduo que todo palmeirense deseja extirpar do clube: Mustapha Contursi. Outros exemplo, lá ou cá, não faltam e não vêm ao caso. Não vim falar bem ou mal de Eurico Miranda, mas de uma parcela – por hipótese vascaína – que extrapola os limites do apoio clubístico ou político e, por vezes, quer me parecer patológica inclusive.

    Peço desde já, também, as devidas desculpas aos torcedores do Vasco que gostam do Eurico e o apoiam de maneira normal e saudável. Não é a vocês que me refiro, espero estar deixando isto claro. Outrossim, não irei de novo aventar os detalhes do que é certo ou errado nesse contexto, posto que tanto o JC quanto outros torcedores o fazem dia após dia, a despeito de uma insistência quase debochada das partes contrárias.

    Juro que, no início, pensava que pelo menos alguns dos extremistas eram torcedores rivais de vocês, “zoando” como se fala na gíria, interpretando personagens caricatos algo menos óbvios do que o “João Bobão”, este uma sátira flagrante e quase confessa. Para tomar um exemplo ilustrativo, observe-se o emprego da palavra “doutor” que precede o nome do dirigente. Via de regra seria uma forma carinhosa de dirigir-se a alguém que a torcida – ou parte dela – considera como um ídolo. Isto eu bem entendo, porquanto referimo-nos ao Dr. Koff dessa forma também. Exceto por um detalhe: Fábio Koff é magistrado, juíz de direito. O esmero empregado pelos extremistas me chama a atenção porque não divide de forma equânime seus predicados de idolatria. Basta contar quantos “Dr. Eurico” existem nos comentários do site. Nem a torcida do Santos é tão preocupada em digitar “Rei” antes de “Pelé”. Isso já não é mais um simples afago caprichoso porque não parece mais espontâneo. É quase dogmático. Espero estar exagerando mas alguns soam como membros da Aum Shinrikyo referindo-se a Asahara Shoko.

    Não foi atestar a legitimidade dos extremistas (no tocante à sua relação com o Vasco) que me causou o espanto maior. O que me levou a digitar este texto foi a maneira como fi-lo, qual fora visitar o espaço virtual conhecido como “Casaca”. Os que já conhecem o site não precisam de explicação. Aos que ainda não conhecem, talvez seja melhor fazer a si mesmo um bem e nunca conhecer. Que seja “censurado”, nada contra. Eu mesmo não sei se terei esse comentário publicado aqui; é uma prerrogativa de quem oferece o espaço decidir quem e o que pode estar nele. Nem mesmo o discurso parcial me incomoda. O “Casaca” é – me corrijam se estiver errado – um grupo político dentro do clube. Política e imparcialidade não costumam ser bons amigos.

    Mas daí a agredir mulheres (ainda que verbalmente) por terem criticado ou, pior ainda, esquecido de louvar a César na redação de seus comentários, a distância ultrapassa os limites do aceitável. Causou-me um profundo mal-estar constatar in loco uma vascaína protestando sobre o “Caso Léo Moura” receber do moderador uma resposta grosseira e insinuante, acusando a menina de forma provocativa e desnecessária. Pior que o moderador foram os extremistas que dispensaram completamente a tudo que lembrasse vagamente algo como “educação”, respondendo à moça com ofensas desde o simples machismo até o baixo-calão despudorado e explícito.

    Quanto aos “argumentos” do Casaca, sugiro a seus integrantes versarem o mínimo em dialética no exercício de suas idéias. Será útil a eles e ao intocável Eurico Miranda, uma vez que os moldes atuais são insuficientes para convencer qualquer um em seu juízo perfeito e cujo I.Q. tenha ao menos dois dígitos. A quantidade de hipóteses ad hoc empregada em justificar (ou tentar) quase tudo que os contraria é, por si só, atestado de confissão e culpa. Cabe inclusive observar o próprio “Caso Léo Moura”, no qual o constrangimento cabível ao atleta e ao Flamengo ad natura foi quase obscurecido pelas insistentes ressalvas e protestos extremistas. De tanta questão fazer no destaque a quem foi ou deixou de ser constrangido fica mais parecendo o culpado berrando inocência do que o contrário. E também isto é fruto da idolatria não-saudável a Eurico Miranda, posto que constranger o CRF é um “feito a ser enaltecido” na visão extremista. A interpretação da mídia que, dizem, viria defender a Gávea, não encontra resistência em tais atos. Pelo contrário, encontra eco.

    Peço desculpas pelo texto longo, JC, e agradeço desde já por sua atenção a despeito do que decida sobre publicar ou não. E me faria enorme gosto ouvir de você que estou exagerando sobre o Casaca porque, sinceramente, espero estar.

    Abraço e saudações de um torcedor do Imortal Tricolor do RS.

    • Paulo Sergio de Araujo

      Caro Willard,
      Respondo por mim mesmo e, tenho certeza, pela esmagadora MAIORIA de VERDADEIROS vascaínos; os que torcem PELO CLUBE, e não por dirigente FANFARRÃO.
      O site que você citou, REALMENTE ´é “visitado” uma ÚNICA vez por quem ” honra” os próprios neurônios. Quem AMA o Clube de Regatas Vasco da Gama e tem VERDADEIRO RESPEITO por este puro sentimento, NUNCA MAIS torna a visitar o site daqueles politiqueiros, que só estão REALMENTE INTERESSADOS em manter o poder a qualquer custo. Apenas os “servidores da causa” frequentam tal site; mais conhecido como “a terra do nunca”, o da “realidade virtual” fabricada, para confundir aqueles que não fazem uso da própria capacidade de discernimento.
      Sua visita a este espaço é muito bem vinda e oportuna, assim como suas palavras são verdadeiras e, portanto, de suma importância. A postura de pessoas como você, são por demais importantes, para tentarmos construir uma sociedade, como um todo, INFINITAMENTE MELHOR do que aquela que nos permitimos construir, até então.
      Abraço.

    • Zilio, eterno vascaino

      Velho, voce nao esta exagerando. Mas tenha certeza de uma coisa: PARA TODO VASCAINO DE VERDADE, O SENTIMENTO NAO VAI PARAR. Sou, fui e sempre serei amante do Vascao, assim como todos aqui. Casaca, jaleca ou o que seja , representa uma parte do Gigante, mas nao (acredito) sua maioria. Nosso Vasco passa por uma crise que ja se estende por algum tempo, mas os verdadeiros VASCAINOS, que trazem a cruz de malta no peito, que AMAM esse time, jamais se renderao a bravatas ou promessas inocuas. Estamos numa fase ruim, mas nunca, em hipotese alguma , deixaremos de amar esse time com uma historia incrivel e que traz consigo um heroismo que hoje, infelizmente, nao eh a evidencia desse GIGANTE.Que fique bem claro: AQUI EH VASCO!

  24. CLAUDIO / ILHA

    Meu desespero é olhar a tabela e tentar imaginar ONDE VAMOS CONSEGUIR 42 PONTOS !!!!

    Cara, a situação é pra lá de desesperadora !!!!

    O que fizeram com o VASCO ?!?!?!!?

    • JC Barbosa

      Na verdade precisamos de 38 pontos (ou pouco menos). E, citando mais uma vez o post: “Nossa situação na tabela é desesperadora, mas olhando friamente, a atuação de ontem não trouxe qualquer elemento para aumentar nossa preocupação. Ela já é grande o bastante e o que vimos ontem em Chapecó é o que veremos muitas outras vezes ainda. O que nos resta é torcer para que o Rothbol nos ajude a vencer mais do que nos submeta a derrotas”.

      • CLAUDIO / ILHA

        Tem razão JC…
        É que o desespero tomou conta e realmente, na hora do comentário tinha esquecido dos pontos.
        E olha que vejo aquela tabela umas duas vezes ao dia, procurando um alento…rs

  25. CLAUDIO / ILHA

    Quando jogarem Andrezinho, Dagoberto, Martin e Herrera…A Vaca já pode ter ido para o brejo…
    Não matematicamente, mas na pratica e moralmente…

  26. CLAUDIO / ILHA

    E eu que não estava comentando no blog por achar que estava “dando sorte” ( tenho dessas superstições)…
    Com esse time não há superstição que resista.

  27. JACIEL - RJ

    Eu não aguento mais o Cristiano!!!!!!!! Vou enfartar vendo essa ameba jogando com a nossa armadura, PQP! O pior jogador que eu já ví jogar no Vasco! E olha que já ví muitos…
    JC, Quinto dos infernos é pouco pra essa anta…

  28. Thebar Augusto Guedes

    JC, VC ESTÁ SENDO MUITO MALVADO COM O CALISTO E VALMIR, LATERAIS DE 2008, ACHO QUE ESSE TROFÉU DE PIOR LATERAL DO VASCO ELES TAMBÉM SÃO FORTES CONCORRENTES..

  29. Marcelo Silva

    Que me desculpe o blogueiro, mas achar que estar em antepenúltimo lugar num campeonato de baixíssimo nível como esse (desde a quarta rodada na zona de rebaixamento), com o pior ataque e pior defesa, jogando como time pequeno todos os jogos fora de casa, sem perspectivas de mudança de cenário no curto prazo, não é desesperador, então não sei mais o que é. Nessa sequência, o raio caminha pra cair pela terceira vez em nossas cabeças. Estão destruindo o Vasco, infelizmente.

    • JC Barbosa

      “Nossa situação na tabela é desesperadora, mas olhando friamente, a atuação de ontem não trouxe qualquer elemento para aumentar nossa preocupação. Ela já é grande o bastante e o que vimos ontem em Chapecó é o que veremos muitas outras vezes ainda. O que nos resta é torcer para que o Rothbol nos ajude a vencer mais do que nos submeta a derrotas.”

  30. Esse time do VASCO nao da conta de dar um chute perigoso no gol os goleiros do times adversarios adoram esse ataque horroroso , que time ruim , esse Cristiano todo torcedor quer esse traste longe do time titular, todo tecnico adora esse idiota, nos nao temos criatividade , esse Gilberto desaprendeu a jogar nao acerta nada so passe errado , e esse goleiro que inventaram nao passa confiança nenhuma muito fraco, a defesa cansou de fazer falta perto da area ate levar o gol, ta muito dificil, estou muito desanimado com esse time nao passa confinça nenhuma. Saudaçoes Vascainas.

  31. Zilio, eterno vascaíno

    Ah, JC, está perdoado pela exaltação quanto ao Christiano!! huahuahuahua

  32. Zilio, eterno vascaíno

    Pelo jogo de ontem, ainda que com derrota, vejo o Vasco em evolução. Claro que comparado ao treinador anterior. Os jogadores estão mais aplicados taticamente e o Vasco parece um time. Acho que as expulsões (a meu ver, as atitudes que geraram as expulsões foram desnecessárias) nos prejudicaram.
    Jhon Cley assassinou o Vasco com sua expulsão. A letra é simples: “NÃO RECLAME SENÃO TOMA UM CARTÃO”. Fez isso duas vezes em um curto espaço de tempo (inaceitável) e foi expulso, comprometendo qualquer esquema tático. Acho que a diretoria deveria puni-lo com uma multa para largar de ser retardado e aprender que prejudica o time, ainda que seja um bosta e não tenha apresentado nada de futebol. Christiano não jogar é o melhor reforço para o próximo jogo.
    Outro cara que dá ânsia ao se ver jogar é o Madson. Erra praticamente tudo o que tenta, é completamente inoperante e não se empenha, parecendo ter medo de jogar bola.
    Concordo com o blogueiro no lance do gol. O cara da Chape estava livre, leve e solto para fazer o gol; e o detalhe é que a área estava congestionada, e ainda assim o cara estava sozinho!! Não percebi quem comeu barriga, mas é algo que não pode ocorrer de forma alguma.
    Em suma, acho que o Vasco fez um jogo que era de se esperar. Jogou fechado, no primeiro tempo pressionou o adversário, mas no segundo tempo, com dois a menos, acabou tendo de recuar, trazendo a Chape para sua defesa e apostando na sorte de um contra-ataque a partir do erro do adversário.
    Celso Roth vai ter de trabalhar a ligação, pois Riascos estava mais para marcação do que para ataque, e Gilberto não conseguiu sequer DOMINAR as bolas que lhe chegavam por não ter uma meia que segure e distribua as bolas que vêm da defesa. Biancucci até que tentou, foi raçudo, mas não teve muito êxito, e concordo no sentido de ser no mínimo injusta a sua substituição pelo mentecapto do Jhon Cley.
    Vejo o Gilberto muito chorão, reclamão. Fala que a bola não chega, mas é evidente que com o esquema do Roth, ter um meia que cria é mais que fundamental, e o Vasco não o tem. Então, não adianta chorar, reclamar com os companheiros; é preciso empenho e paciência. E se duvidar, voltando Dagoberto e entrando Herrera, é só esses dois mostrarem a que vieram e Gilberto vai tomar um banco.
    O grupo parece empenhado, mas há jogadores com deficiências técnicas suficientes para enquadrá-los como amadores. Chrisitano é insuperável na sua capacidade de fazer ABSOLUTAMENTE TUDO ERRADO e é de longe o maior destaque negativo da história do Gigante da Colina nos últimos anos.
    Simbora Vasco. É ter cabeça fria, treinar e tentar os resultados.

  33. chico

    Grande JC,

    Belo post.

    Sobre o resultado do jogo, até pq não assisti ao jogo…

    1. Não teremos Christianno e John Cley não vão poder jogar = isso são as boas notícias…

    2. Não enredo o pq o Biancuchi saiu no primeiro tempo.. Sinceramente, a corrupção no futebol mundial, inclusive no Brasil (inclusive não, especialmente) deve ser o principal motivo pelo qual o futebol tá do jeito que está…

    Como se explica as contratações e escalações do Vasco????????????? Sério mesmo…

    3. Incompreensível tb é, com dois a menos o nosso técnico saca um atacante pra colocar o THALLES… Cara, sinceramente, o THALLES é a maior enganação do futebol atual. Pronto, falei.

    No mais…

    É continuar torcendo…. Na próxima rodada, teremos Andrezinho… Vamos ver
    ..

    Abs

  34. Fabio

    Mal vi o Bianchucchi jogar ontem, acho que ele se esconde do jogo como o Julio dos Santos. Jhon Cley não é reserva nem no meu time de botão.
    No gol sou muito mais o Jordi. Lembro que quando fomos rebaixados tinhamos 3 péssimos goleiros, Charles lembra todos eles. Nao sabe sair em bola cruzada na área, demora na reposição de bola, adora fazer cera quando o time ta empatando.
    Celso Roth voltou a ser Celso Roth…
    Agora é torcer para que o Andrezinho nao seja chinelinho e o Herrera nao tenha esquecido de ser raçudo.

  35. Gustavo P.

    Aí, parabéns para o Christianno, ídolo e craque da Euricolândia, pela grande contribuição de ontem!

  36. Sniper

    Jogo muito ruim. Mesmo que o São Paulo não passe por uma boa fase, difícil acreditar que esse time consiga arrancar três pontos dos Bambis.
    A única coisa boa dessa partida foi a suspensão do imbecil do Cristiano e do inoperante John Clay.
    Outra coisa, chega de férias para o Dagoberto, Diguinho e cia. E quanto aos contratados, nada melhor que jogar para pegar ritmo.
    Não estamos em situação confortável para o tal departamento de preparação física ficar mantendo jogadores longe dos gramados até encontrarem a melhor condição física. Chega de palhaçada!

  37. Tomás Costa

    Sobre o jogo, nada a acrescentar, o JC já disse tudo. Quanto a não se desesperar aí já discordo um pouco, pois acho que a situação é muito difícil, com esse elenco que temos, e não vejo nas entradas de Andrezinho vindo do futebol chinês, que ta mais pra showbol, o Herrera que tava sem jogar desde começo do ano, o Éder Luís que já deve até ter esquecido como se joga futebol de tanto tempo que não entra em campo, do Dagoberto que nunca joga, e pra completar o desespero, do tal do galo que ta chegando que tem como referência, os times pequenos de Portugal e o brioso Resende do Rio.

    Confesso que fica difícil acreditar que esses caras possam mudar a cara do time do Vasco da noite pro dia, pois é o que precisa, pois o campeonato já já acaba e esses caras não entram em forma para ajudar o time. Além de não termos a certeza que esses caras irão efetivamente ajudar o time, ainda acho que precisa de mais jogadores para qualificar esse pífio elenco cruzmaltino.

    Afinal não iam gastar uma grana preta pra contratar o dentuço e o moicano mulambo ??? Então nesses moldes dá pra contratar pelo menos mais dois bons jogadores que realmente cheguem e nos ajude de forma efetiva e confiável.

  38. Wanderson DS

    “Wanderson DS
    julho 4, 2015 às 10:43 am
    Não é possível que ele vá manter o Krhysttyannow na lateral depois de MAIS UMA uma terrível atuação desse projeto de jogador mal acabado?! E o pior que ainda já li “defensores” dele (sim tem gente que fala que ele é “bom” na marcação) não sei que jogo esses caras estão vendo…

    Esse é o meu comentário de ontem antes do jogo… é parece que nem precisa ser mãe de Diná pra SEMPRE prever que essa ameba na lateral esquerda é de longe o PIOR JOGADOR DESSE TIME… o preço de pelo menos perder UM PONTO (Já que o Roth entrou claramente pra EMPATAR) tem o bônus de não ver essa desgraça no próximo jogo e seria melhor não ver nunca mais com a camisa do Vasco!

    P.s.: é que situação heim, quase 11 horas de um sábado e ter que ouvir da torcida do CHAPECOENSE gritar “ão ão segunda divisão”… O QUE TRANSFORMARAM O GIGANTE VASCO NESSES ULTIMOS 15 ANOS HEIM?!

  39. Paulo Oliveira

    Vamos aguardar pela estréia do Bruno Gallo, como é desejo de todos os Vascaínos, principalmente os do Reino das Ervas Daninhas.

    Saudações Vascaínas.

  40. Thebar Augusto Guedes

    Não sei se é desespero ou tristeza o sentimento, mas nunca vi o Vasco jogar tão feio em minha vida, não me lembro, acho que talvez uma época que tínhamos Tadic no gol, me lembro de partidas em que o Vasco não deu um chute sequer a gol, como uma vez no Morumbi contra o São Paulo. Mas ontem? deixa eu entender uma coisa, o time da Chapecoense tem um elenco superior ao nosso? porque parecia um Vasco x Olaria da década de 80 em São Janu, sendo que o Vasco se comportou como o Olaria, é inacreditável o tamanho complexo de inferioridade desta equipe, o Roth faz com que esse elenco se sinta menor do que é. Qual o problema do Vasco manter o padrão de marcação ROTHBOL no campo do adversário, adiantando a marcação?? Eu não consigo acreditar que Riascos, Júlio Cesar, Gilberto, Emmanuel, Guina, Serginho, sejam piores, ou melhor, que não sejam titulares na Chapecoense. Porra não dá pra acreditar tamanha covardia contra uma equipe como essa. Mas Thebar, eles estão melhores na tabela…..ESTÃO MELHORES PORQUE SE IMPÕE PORRA, coisa que ROTH não vem fazendo contra ninguém, ganhou do fra da mesma forma como um time grande sofre tropeços das “equipes fora de série” que inundam nosso estadual, ganhou do Avaí com um chute feliz e isolado e depois uma retranca de dar nojo e perdeu ontem porque não se impôs na partida, aceitou ser pressionado, não adiantou a marcação, esse tipo de comportamento envergonha nossa instituição, estamos falando de Chapecoense, não de campeões brasileiros etc, aliás até contra eles esse comportamento covarde é inaceitável. Porra ROTH, VAI TOMAR NO SEU CÚ SEU MERDA, VC ESTÁ PASSANDO É UMA PUTA FALTA DE CONFIANÇA NO ELENCO QUE VC TEM SEU MERDA. Daqui a umas 7 rodadas vc vai perder o vestiário como sempre e aí a vaca vai pro brejo de uma vez, vc repete o mesmos erros em sua trajetória e está caminhando para isso de novo. Fico imaginando a cabeça do Riascos jogador com nítido potencial ofensivo e vc mandando ele voltar para marcar em nosso campo, Gilberto então dá pena, o Vasco joga com menos um e antes dos engraçadinhos ficarem malhando o cara eu digo que com um esquema desse ninguém conseguiria se dar bem, ele fica completamente isolado, não aparece ninguém para uma tabela, assim fica impossível. Cruzamentos / lançamentos da intermediária para ele em meio a 4 ou 5 jogadores adversários. Trocar o Emmanuel pelo John eu não entendi. Porque não adiantou o Riascos para frente ao lado do Gil, puxava o Bian para direita e colocava o Guina para marcar mais à frente no lugar dele. Obrigaria ao time deles a recuar, mas nada disso foi feito, Roth ficou o primeiro tempo inteiro vendo que a vaca iria pro brejo em uma questão de tempo, por sorte mesmo não tomou o gol, mas não mudou o esquema continuou aceitando (como sempre) não ter a posse de bola e marcar a partir do meio de campo como se fazia nos anos 70. Roth ainda teve a cara-de-pau de dizer em entrevista que “COM TODO RESPEITO AO ADVERSÁRIO NÓS NÃO CONTÁVAMOS COM ESSA DERROTA”, QUEM NÃO CONTAVA COM A DERROTA ERA O TREINADOR DELES, POR ISSO FOI PRA CIMA E A ÚNICA COISA NÍTIDA É QUE O TREINADOR DA CHAPECOENSE É MELHOR DO QUE VOCÊ ROTH, PORQUE COM UM TIME PIOR, ELE CONSEGUIU ONTEM MASSACRA-LO E NÃO ME VENHA COLOCAR CULPA NAS EXPULSÕES NÃO, POIS ELAS SÃO RESULTADOS DO ESQUEMA DE MERDA. A EQUIPE ASSISTE O ADVERSÁRIO JOGAR, FICA EM CAMPO SÓ PARA DESTRUIR O FUTEBOL, PARAR A JOGADA, ROUBAR BOLAS, OU SEJA, O ANTI-FUTEBOL, O ROTHBOL, SERIA MUITO INJUSTO COM A CHAPECOENSE SE OUTRO RESULTADO SENÃO A VITÓRIA TIVESSE ACONTECIDO ONTEM E A DIRETORIA DO VASCO TEM QUE SE REUNIR COM ELE HOJE, OU AMANHÃ SEM FALTA PARA OUVIR SUAS EXPLICAÇÕES PARA UM ESQUEMA TÃO COVARDE COMO ESSE ADOTADO NESSAS TRÊS PARTIDAS. SINCERAMENTE, EU NÃO ACREDITO QUE ESSE ELENCO SEJA PIOR DO QUE CHAPECOENSE, AVAÍ, FRAMERDA, JOINVILLE E MAIS UNS 4 OU 5 QUE ESTÃO BRIGANDO PARA NÃO CAIR. O PSICOLÓGICO DO TREINADOR TEM QUE SER AVALIADO, POIS ELE PODE LEVAR A NAU VASCAÍNA AO TRIUNFO OU AO NAUFRÁGIO, ROTH TEM QUE IR PAR O DIVÃ URGENTEMENTE E NÃO A EQUIPE. A NATUREZA DO RIASCOS É O ATAQUE, ELE TEM QUE ESTAR PERTO DA ÁREA, DENTRO DA ÁREA, BUSCANDO ENTROSAMENTO COM GILBERTO, EM VEZ DISSO ELE FICA SENDO TREINADO A BUSCAR ENTROSAMENTO COM OS VOLANTES NA MARCAÇÃO E NA COBERTURA. JC, ME PERDOE O LONGO TEXTO MAS NÃO DÁ PRA AGUENTAR O QUE ESSE CARA VEM FAZENDO COM NOSSA EQUIPE.

  41. Wanderson

    Eu ontem tive a péssima ideia de assistir o jogo, todo jogo eu prefiro escutar na CBN, mas acabei cedendo ontem, porque você sempre acha que a mídia tá com má vontade com onVasco e prefere ver com os próprios olhos. O que vi? Você define bem como Rothbol, aquilo não é futebol, os caras não dão dois passes, é só chutão, as jogadas trabalhadas, todas… Eram pelo Chapecoense. O Cristiano eu já tava twitando pra CBN falando dele desde o primeiro tempo, erra até lançamento de lateral, erra passes bizinhos… E o técnico deixa no time, bota a expulsão desse lixo na conta do Roth. O último rebaixamento aconteceu por teimosia, esse está se repetindo. Todos gritavam que o Diogo (alguma coisa) era um péssimo goleiro e deram 1001 chances pra ele, deu no que deu, agora esse Cristiano…. Não que os outros sejam bons, mas de um péssimo time, ele consegue se sobressair sendo horrível. Está se tornando cansativo ser vascaíno, extremamente cansativo. :/

    SV

  42. Leon da Cruz

    Mais uma coisa, JC. Acabei de ler a entrevista coletiva do Roth e ele disse que o problema do time foi o primeiro tempo!? Sobre o segundo tempo, ele disse: “Por incrível que pareça, passamos a nos defender melhor com um a menos. Depois, com a segunda expulsão, acuamos o adversário e quase marcamos.” Realmente, esse cara deve praticar alguma outra coisa que não futebol, deve ser isso que você chama de “Rothbol”.

    E ainda tenho muito medo do seguinte: Roth sempre cisma com um jogador, que não importa o nível do seu futebol e das merdas que faz, ele não tira do time nem que caiam os céus. Muito medo de que o escolhido desta vez seja o Christianno.

    • JC Barbosa

      Não é completamente sem sentido a declaração do Roth. Corremos riscos iguais nos dois tempos, mas no primeiro tempo estávamos com 11 em campo.

      • Leon da Cruz

        Verdade. Mas é a triste constatação de que, para o roth, o critério paral para o time jogar bem é ele se defender bem.

  43. Paulínio

    achei o gol da chape falha de marcação do lucas. não pode deixar o atacante (q na verdade era zagueiro) tomar a frente dentro da área. ainda mais de costas. tem q chegar junto e não dar espaços. mas o lucas ficou ali, olhando, e quando foi pra jogada já era tarde. é nos pequenos detalhes que esse elenco montado pelo “doutor” mostra suas limitações e perde pontos que irão fazer muita falta lá na frente. o juiz foi rigoroso? sim, e quem é vascaíno já está acostumado com isso. mas a fraqueza técnica desse elenco é a principal responsável por estarmos nessa situação. ou reforça esse time (q pras euriquetes é maravilhoso), ou continuaremos a perder nos detalhes. e isso deverá nos levar à série b pela terceira vez em 6 anos. Meu Deus… o que fizeram com o meu vasco???

  44. Alexandre Vieira

    Lamentável é você não citar o juizinho de trejeitos afeminados em nenhum momento na sua coluna. A expulsão do Christianno até é motivo para discussões, mas a do fraco Jhon Cley foi ABSURDA. Parecia algo premeditado. O juiz cor de rosa parecia estar esperando a oportunidade ideal para expulsar atletas do Vasco e nos derrubar em Chapecó.

    Mas, claro, nisso você não fala. É preferível sentar a lenha no nosso lateral-esquerdo (que, repito, nem de longe é pior que Yotún, Marlon e outras barangonas que tivemos de aturar na gestão anterior) a destacar realmente o responsável por termos saído da Arena Condá sem nenhum ponto sequer na bagagem. É compreensível, absolutamente compreensível.

    No mais, não sei o que alguns veem nesse Jhon Cley. Ele é fraquíssimo. É o tipo de jogador que deve sair do Vasco dentro de algum tempo e aparecer em algum Madureira, Resende ou Volta Redonda para a disputa do Cariocão. O grande Roth ontem errou, devo admitir. Não deveria ter tirado o primo do Messi, que estava jogando bem. Deu no que deu. Mas o Roth tbm não poderia prever que a árbitra da partida estava mal intencionada. Paciência.

    OBS: conhecendo o Dr. Eurico e sua veemência em defender o Vasco, tenho certeza de que esse juizinho não apitará mais jogos do clube até o fim do campeonato. E não será essa derrota ocasionada por essa senhorita galhada que irá frear a nossa reação. Vamos em frente mostrar que o respeito está de volta!

    • JC Barbosa

      Não basta ser euriquete, tem que ser chato.

      Se é pra fazer sempre o mesmo discurso (a culpa não é do meu mentor, é sempre dos outros!), escreva menos. Ou não escreva. Faça uma frase padrão isentando o Eurico, a diretoria e todas as suas decisões, copie e cole aqui toda vez que o Vasco perder.

      O segundo cartão ao Jhon Cley foi justo. Ele deu uma pernada desclassificante no adversário. Se vc está de chororô por causa do primeiro que ele levou, um cartão idêntico a um jogador do Chapecó no primeiro tempo. Foi falar com o juiz e foi amarelado num lance de escanteio. Os comentaristas da partida até falaram sobre isso. Se vc quiser culpar alguma coisa não justifique a derrota por uma “má intenção” que não houve. Culpe a determinação da CBF em amarelar qualquer reclamação (ou fale para o Dotô detonar a determinação, já que o respeito voltou e ele manda na confederação).

      No mais, por mais que mandem vc defender o Christianno, pode citar quantos laterais vc quiser. Pode ser esquerdo, direito, reserva, junior ou até fraldinha. Christianno é pior que todos. Ele é um dos piores JOGADORES que já pisaram em SJ como “profissional” do Vasco. E não era pra se esperar nada diferente de um cara que era titular de time rebaixado pra Série C, mas que na atual gestão, serve pra ser titular. Talvez a “referência técnica” pra posição.

      Lamentável é ver alguém que se diz vascaíno satisfeito com o jogo de ontem e afirmar que só perdemos por causa do juiz. As outras cinco derrotas do time também devem ter sido responsabilidade da arbitragem, já que o time montado pelo Dotô é uma máquina que certamente vai brigar pelo título.

      Só concordo que devemos mostrar que o respeito está de volta. Se estivesse, não ouviríamos a torcida da CHAPECOENSE gritando olé ou “segunda divisão” para o Vasco.

      PS: gostei de ver a frase “dentro de algum tempo e aparecer em algum Madureira, Resende ou Volta Redonda para a disputa do Cariocão” para descrever o futuro do “fraquíssimo” Jhon Cley. Foi exatamente isso que aconteceu com o craque Bruno Gallo, que teve uma veemente defesa da sua parte ainda essa semana. Como são as coisas, não é mesmo?

      • paulo moço

        Po JC esta mala do Alexandre Vieira só quer encher seu saco não notou ainda?

      • JC Barbosa

        Paulo, acredite: escrevo sobre o Vasco desde 2007 e conheço o tipo. Não se trata apenas de encher o saco alheio.

      • Diogo

        Oi JC, a respeito da expulsão do John Cley, achei o segundo cartão meio exagerado. Foi falta normal de jogo, mas não foi nada que justificasse o segundo amarelo.. enfim, minha opinião.

      • JC Barbosa

        Achei que a pernada dada foi exagerada. O cartão só está sendo discutido por foi o segundo. Acho errado o primeiro. Hoje não se pode mais falar com o juiz sem correr o risco de uma advertência. Mas nem desse dá pra reclamar, já que um jogador da Chape levou um amarelo pelo mesmo motivo.

      • Diogo

        Eu nem discuti o primeiro pq é uma recomendação da cbf e nem tem mt oq se falar ainda mais por causa q a chapecoense tomou um na mesma circunstância. Mas acho que os juízes estão exagerando na aplicação dela..
        Bem teria que ver o lance de novo, talvez com raiva na hora q estava assistindo o jogo rs, achei um exagero dar amarelo p uma falta na lateral do campo, msm tendo sido violenta..

  45. Leon da Cruz

    Concordo, JC. Mas é aquilo: manteve o nível, que é péssimo. Aliás, nem nos anos dos rebaixamentos a equipe jogava tão mal como vem jogando hoje. De todo modo, dava para ter voltado com ao menos um ponto (que poderá nos fazer falta depois). O problema é que temos um time de antas (além de outra no banco de reservas). Ontem, Christianno (uma das maiores piadas de toda a história do futebol) e Jhon Cley (que sofre de burrice crônica) fizeram as vezes da casa, com a ajuda também de Lucas e Charles. É desanimador… Agora, para compensar, teremos que ao menos empatar com um time grande fora de casa (Grêmio ou Corinthians).

    Só um detalhe: Aislan não é jovem. Tem 27 anos.

  46. Eu não vejo razão para o John Cley, que não acerta nada desde sua estréia como profissional, estar nesse time nem como banco de reservas. Não foi pela partida de ontem ao ser expulso, mas tirar o Biancuchi para pôr esse inútil só pode ter uma explicação: Tentar manter ele em campo pra fazer uma jogada de efeito e completar o vídeo dos “melhores momentos” pro empresário desse inútil vendê-lo o mais rápido possível.

    John Cley, Henrique e Thalles são uma geração de pseudo-jogadores que só enganam o treinador. Será possível que ninguém fale pro Roth isso?

    • JC Barbosa

      Não concordo muito com isso não, mas….

      • Carlos Couto

        JC, o Johnyclayton já teve 200 chances e nunca jogou nada, é um cara que não faz gols e marca mal portanto não é jogador de futebol para mim. O Henrique e o Thalles ainda merecem algum crédito, o problema do Thalles é que parece fora de forma, ali[as eu vejo o Vasco pior do que a maioria no quesito físico, só vejo propaganda.

        A expulsão do Christanow e a do Jhonnyclayton foram ótimas para o time na próxima partida, mas te digo que com esse técnico tb não vamos muito longe não.

        Como já foi citado para um junior estrear no Vasco é um parto, aquilo lá é um antro de empresários e espertos essas contratações do Olaria etc só visam colocar uma grana no bolsos desses larápios comandados pelo larápio mor, o sapocururudobrejofumacentocharuteirodamãogrande.

        Tudo é uma questão de mentalidade, mesmo o Chape tendo feto jogos duríssimos no seu campo, o Vasco é o Vasco e nãopode ir com o pensamento de empatar ou ganhar de 1X0 daquele arremedo de time.

        Eu entendo que está duro de se ver futebol por aqui, a safra não é boa e os técnicos são horrorosos, vide um Celso Roth que ainda treina um time de futebol mesmo nunca tendo ganhado nada, pegar time pronto numa final não conta. Para mim continua com cara de pedreiro mesmo tirando o bigode.

        Só nos resta esperar as próximas 5 rodadas para vermos se o time reage com os reforços, eu não tenho muita esperança e já vejo o time rebaixado, tomara que eu me engane.

        SDV

  47. wanderson

    Julio, mas porque insistem tanto em escalar o cristiano? Será que so eu to vendo que o cristiano não acerta um cruzamento, é pessimo na marcação. Parece o zagueiro cris, com tanta falha e titular absoluto.

    • Leon da Cruz

      Será que uma boa explicação seria que ele tem um ótimo pistolão, que é integrante da diretoria do clube?

      • Alexandre Vieira

        Amigo, a gestão anterior teve 6 anos pra revelar um bom lateral-esquerdo. Pq não o fez? Ah é, esqueci. Na gestão anterior, até morte de adolescente rolava na nossa base, que foi sucateada. Num ambiente desses, como poderíamos revelar talentos? É por isso que os nossos talentos revelados pela gestão Banana são Jhon Cley, Jomar, Charles, Gordothalles, entre outras “maravilhas”… Mas calma que com o Dr. Eurico, voltaremos a fabricar craques… Romário, Edmundo, Felipe, Pedrinho, Coutinho, Alex Teixeira, Souza, Alan Kardec… A tradição fala por si só.

      • JC Barbosa

        Entendi…

        Entre 2001 e 2008, o Vasco revela quatro bons jogadores, não ganhou nenhum título de juniores e era uma fábrica de craques.

        Para dar uma encorpada, inclui aí jogadores que foram juniores da gestão Calçada (até o Romário, que passou o maior tempo de jogador de base quando Eurico sequer cuidava do futebol).

        E, mais uma vez usando o único expediente de quem defende a mesma diretoria do maravilhoso período 2001/08, se compara com a pior gestão de todos os tempos. E, ainda assim, ignora Allan, Romulo, Luan e mais uma penca de jogadores que ainda estão na base e já são tratados como pérolas. Obviamente, algo premeditado. Se falar mal agora de Evander, Andrey, Alan, entre outros assíduos em seleções de base, como poderá incluí-los como feitos da maravilhosa fábricas de craques do Dotô?

        Fala aí pra gente…pq esqueceu de citar na tradicional fábrica de craques do Dotô os laterais Claudemir e Diego? Ou os volantes Ygor, Coutinho e Junior? E Léo Macaé, Anderson e Willian, atacantes? Wescley e Wesley, que não são uma dupla sertaneja, mas sim zagueiros? E a revelação que mais ajudou o Vasco, o meia Morais?

        Cuidado…as “maravilhas” que não estão ajudando hj podem se destacar no futuro. Alan Kardec não jogou nada pelo Vasco. Hoje é um dos seus elencados a craque.

        PS: é engraçado: se alguém fala que Cristianno é um lixo ou que o primo do Messi é ruim, não somos vascaínos e estamos torcendo contra. Agora, detonar jogadores da base, os poucos que ainda podem dar algum lucro para o clube, pode. Só pq foram formados na gestão anterior.

        E depois ainda vem falar que é torcedor do Vasco, e não torcedor de dirigente….tá bom então.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s