Obrigado ao laranjal

Eis então que, passada a metade da Taça Guanabara, o Vasco chega à liderança da competição como o único time ainda invicto. Tá certo que isso indica muito mais o nível desse Estadual que a qualidade da equipe vascaína e que contamos com uma ajuda providencial do Laranjal – tanto na magra vitória por 1 a 0 sobre o Bonsucesso quanto na derrota botafoguense na Arena – mas isso não muda um fato: no momento, não vemos ninguém à nossa frente.

Mas se o critério para se chegar à liderança não fossem os pontos e sim o futebol apresentado, dificilmente estaríamos onde estamos. A partida do Engenhão teve tudo para ser considerado um novo divisor de águas no campeonato para o Doriva. Foi uma daquelas partidas nas quais o Vasco se mostra um grande destroçador de expectativas: repetindo a escalação que teve a melhor apresentação no Carioca e jogando contra uma equipe que não conseguiu vencer ninguém e que só marcou um gol em sete partidas, os vascaínos mais otimistas chegaram a pensar que poderíamos vencer a partida facilmente, que talvez nos levasse ao topo da tabela mesmo com um empate entre flores e canil.

A esperança de goleada, porém, foi por água abaixo assim que o juiz autorizou o início da partida. O que vimos foram os mesmos problemas de articulação de jogadas, o que nos fez ter uma enorme posse de bola e uma desprezível efetividade ofensiva. E isso porque o Bonsuça nem entrou com um ferrolho dos mais brabos como se poderia imaginar. Víamos algo inexplicável: mesmo mantendo a bola por mais de 75% do tempo sob o seu comando, o Vasco só conseguia chegar ao ataque apelando para as ligações diretas.

Já no intervalo Doriva mexeu no time, tirando Rafael Silva e colocando Montoya em seu lugar. Dificilmente isso resolveria nossos problemas, principalmente porque o Bonsucesso resolveu assumir de vez a retranca e passou a simplesmente rezar para aparecer um contra-ataque salvador. O jogo parecia estar acontecendo em apenas um lado do campo, mas as jogadas vascaínas raramente geravam algum lance de real perigo para o goleiro adversário.

Enquanto o Rubro-anil assumidamente lutava pelo pontinho que estava conseguindo, Doriva partiu pra dentro de vez com as entradas de Thalles e Bernardo. Com dois centro-avantes, dois meias-atacantes e apenas um volante de contenção, o Vasco passou a marretar o adversário e ver Preto, seu goleiro, ter uma atuação de gala. Thalles e  Gilberto perderam grandes oportunidades com suas defesas. Montoya também esteve perto de abrir o placar, mas nessa oportunidade foi o travessão quem o atrapalhou.

Já estávamos nos acréscimos de mais um jogo que tinha tudo para terminar de forma melancólica quando milagrosamente surge a primeira ajuda tricolete da noite: Fernando, irmão do Cazalbé e cria de Xerém, disputa com Thalles uma jogada e a bola acaba batendo em seu braço. O juizão interpretou como lance faltoso e marcou a penalidade. Gilberto, louco para marcar seu primeiro gol com a armadura vascaína, pega a bola e cobra com categoria, garantindo uma vitória que poucos torcedores ainda acreditavam que viria. Depois disso foi só esperar nossa freguesia terminar de nos ajudar vencendo o Foguim na Arena Maracanã para confirmar nossa liderança.

Apesar do amplo domínio da partida, voltamos a apresentar erros que não poderiam acontecer com tanta frequência a essa altura do campeonato (literalmente). A saída de Bernardo do time acabou não trazendo mais criatividade para o time e sua entrada no segundo tempo também não ajudou muito. Vencemos no “vamo-lá-que-dá” e isso nem sempre será o caminho para as vitórias. Doriva ainda precisa encontrar a melhor formação para o time, o que pode acontecer naturalmente com a entrada do Dagoberto. Mas até isso acontecer, nosso treinador precisar encontrar uma solução para o deserto de ideias do nosso meio de campo. Chegamos à liderança hoje por conta da devoção que nossos fregueses floridos nutrem pelo Gigante, mas não podemos contar sempre com a ajuda do nosso cliente vip.

***

As atuações…

Martín Silva – cortou um cruzamento relativamente perigoso no segundo tempo e só.

Madson – nem precisaria apoiar tanto se acertasse pelo menos um cruzamento.

Rodrigo – a indigência ofensiva do adversário foi tanta que Rodrigo foi visto mais vezes na área do Bonsucesso tentando o cabeceio que na nossa.

Luan – outro que não teve trabalho. E também se arriscou no ataque diversas vezes.

Christiano – não consigo mais falar desse sujeito. Pode nem ser o pior em campo (já que a concorrência é grande), mas é sempre o que mais me irrita. Pra não dizer que foi de uma inutilidade completa, o pênalti aconteceu depois de uma daquelas cobranças de lateral que Christiano joga dentro da área.

Serginho – se enrolou algumas vezes no primeiro tempo, mas quando o adversário desistiu de atacar, acabou se tornando decorativo no time. Saiu para a entrada do Bernardo quando Doriva partiu para o tudo ou nada. E esse só conseguiu aparecer fazendo cruzamentos para a área nas cobranças de falta.

Guiñazu – nem precisou bater muito, mas não poderia sair de campo sem seu amarelo habitual.

Julio dos Santos – uma partida discreta demais justo quando precisávamos de alguém com um passe diferenciado para furar a retranca adversária. Pouco fez de útil.

Marcinho – tenta participar do jogo, procura se posicionar bem, mas a única certeza que temos atualmente é que, se a bola foi para o pé do Marcinho, teremos uma jogada desperdiçada. Thalles entrou em seu lugar e, além de se embolar com Gilberto na área e perder um gol feito na cara do goleiro, só teve participação em um lance importante: foi com ele que Fernando disputou a bola que acabou gerando o penal.

Rafael Silva – cumpre a risca a função tática de acompanha as descidas do lateral adversário. Mas quem é que precisa de um atacante que só aparece defensivamente? Montoya entrou em seu lugar no intervalo e ajudou a manter o Vasco mais tempo no ataque, ainda que sem fazer nada de muito efetivo. Numa desatenção, cedeu o contra-ataque mais perigoso feito pelo Bonsucesso; para compensar, quase marcou, numa linda virada, o que seria o maior golaço do Carioca. Mas a bola foi no travessão.

Gilberto – continua sendo menos acionado do que deveria, mas teve a chance mais clara de gol da partida, numa cabeçada tirada no susto pelo goleiro do Bonsuça. No final da partida acabou garantindo a vitória tomando a bola e cobrando a penalidade.

***

Antes que os pela-sacos de plantão venham falar em “pênalti inventado“, aconselho a leitura desse artigo aqui. Caso a preguiça de ler ou de clicar no link seja maior que a vontade de saber o que é o certo, reproduzo a parte principal do artigo:

(Sérgio) Corrêa (Presidente da Comissão de Arbitragem da CBF) afirmou que manterá a orientação ao quadro nacional de árbitros de seguir as recomendações dos instrutores da Fifa nos casos em que a bola for interceptada pela mão ou pelo braço de um jogador. “Se não estiverem colados no corpo (mão ou braço) e isso significar um benefício para o atleta que impediu a passagem da bola, aí a determinação é marcar falta.”

Ou para os que precisam de desenhos para compreender:

info

Portanto, antes que eu me esqueça: lance polêmico é o escambau.

***

Também publiquei uma coluna nova no Vasco Expresso. Dá uma clicada aí e confira!

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG.

Anúncios

70 Comentários

Arquivado em Atuações, Resenhas, Vídeos

70 Respostas para “Obrigado ao laranjal

  1. alex-es

    É, o Doriva viu que esse Cristiano (não me preocupei em ver o nome correto, pois não vale tanto esforço e tanta perda de tempo) não deve ser titular.
    O Doriva aparenta ser um bom técnico.
    Acho que o time deve ser:
    Silva
    Madson – Luan – Rodrigo – Lorran
    Guinazu – Serginho
    Julio dos Santos – Bernardo
    Thalles (Dagoberto) – Gilberto!

  2. Tomás Costa

    Realmente não sei o que o Doriva ta pensando em colocar o Clay no time titular, afinal é mais um jogador lento pra essa meio campo composto de várias tartarugas, sei não, mas é prenúncio de jogo sofrido de novo. Quanto a entrada do Morra, me preocupa que o garoto não é muito bom na parte defensiva, e ali atrás tava arrumado com o limitado Cristiano.
    Só pra constar nos quesitos das conspirações, os mulambos acabaram de vencer com um gol impedidissimo do Alecone, e a rede bobo, nada falou, ao contrário, entortaram até a linha do tira teima pra beneficiar os mulambentos. Ou só eu vi que foi ilegal o gol do cone ???

    • Leon da Cruz

      Tava arrumadíssimo com o Christiano… para tomar bola nas costas, dribles desclassificantes, errar saídas de bola e perder no combate direto. Pergunta para o Guiñazu e para o Serginho.

      • JC Barbosa

        Concordo….

      • Tomás Costa

        Acho que você ta enganado meu caro, aliás vocês dois, afinal o blogueiro palpitou. Querer questionar que estava arrumado é complicado, que o Cristiano é fraco, limitado, isso é fato, mas pelo menos guarda posição, coisa que o Lorran não sabe nem o que é isso.

  3. Carlos Couto

    Só eu acho o Bernardo um gordo? Será que estou vendo mal? Como um cara com essa forma física pode render em campo?

  4. Leon da Cruz

    Pelo visto, Christiano foi barrado e agora sequer faz parte do time reserva. É a melhor notícia sobre o time desde que o Carioca começou! Doriva demostra visão de jogo e personalidade ao barrar um dos jogadores de empresários amigos do Eurico.

  5. David

    Beleza JC!
    Bom post, direto e honesto, sem criar expectativas pela liderança do campeonato. O Vasco pode até ser campeão, mas, não vai mudar o fato que o time ainda tem muito que melhorar.

    Incrível… num momento em que o clube precisa muito de grana, a diretoria dispensa o garoto Ítalo. Bom zagueiro da base, promissor, técnico. Porque alguém disse que ele não serve para o Vasco, mas serve para o Inter de Milão.

    Dispensar um ativo do clube, com dois anos de contrato ainda por cumprir, só porque o empresário do atleta é amigo do Dinamite. No mínimo é burrada! Provocou um prejuízo, melhor outro prejuízo ao clube. Tinha que ser eu-vírus! Não bastou ele contratar 10 perebas imprestáveis de times da segunda divisão carioca!

  6. Marcos Azevedo

    JC , parabéns pelo blog. Não é nada fácil escrever sobre futebol , politicas e coisas parecidas. Sou socio a mais de 10 anos e como anulei meu voto justamente por não achar nenhum candidato merecedor do mesmo, s´po reclamo como torcedor mesmo.
    Acompanho vc desde o globoesporte.com, admito que tentei tentei procurar sobre a sua opinião sobre a contratação do Dagoberto e não encontrei , vc poderia descrever sua opinar?!?! e se realmente ainda não precisamos de um camisa 10???
    Caso vc ja tenha feito isso , peço desculpas.

    Abcs e sucesso!!!
    SDV
    Marcos Martins

  7. Rodrigo

    E a queda de braço continua.De um lado aqueles que defendem o maior presidente da historia do Vasco.Aquele que tem seu nome estampado na maior conquista vascaina,a taça Libertadores.
    De outro lado uma meia duzia de vascainos,malhando o doutor.Pra essa turma tudo que o Eurico faz nao tem valor.Até o time,na ponta da tabela,é motivo pra criticas por um motivo muito simples,o presidente é o Eurico.
    Essa turma bate na mesma tecla faz tempo.Os 8 anos do Eurico sem titulos importantes.Ninguem menciona o torniquete economico vivido pelo Eurico.Ninguem elogia o doutor,que mesmo sem dinheiro,manteve o time na serie A e conseguiu manter,tambem,o patrimonio vascaino conservado.
    Os euriquistas sao acusados de comparar o Eurico com o Dinamite como se isso fosse algum crime.Ora eu nao vou comparar o Eurico com Ciro Aranha ou o Agathyrno da Silva Gomes.Tenho que comparar com a administraçao passada,sob a batuta do Dinamite,porque ainda está vivo, na minha memoria,a vergonha de ser rebaixado 2 vezes e do caminhao pipa circulando por Sao Januario,porque a conta d’agua nao foi paga.

    • JC Barbosa

      Dúvidas:

      1) o fato do time estar na ponta da tabela é a certeza de que o time é bom? Vc está satisfeito com o desempenho da equipe?

      2) O único problema da primeira gestão Eurico foi a falta de títulos importantes?

      3) Explica pra gente como funcionou esse “torniquete econômico”. E depois de vc dar a explicação padrão dos devotos de São Eurico, fala pra gente que ato desencadeou esse processo e quem foi seu responsável.

      4) Manter o time na Série A é um mérito enorme, mesmo que TODOS os outros presidentes tenham conseguido isso, exceto o Dinamite?

      5) Quais gestões estão vivas na sua memória? E, na comparação entre todas, em qual colocação ficaria a primeira gestão do Eurico?

      6) Vc concorda com o tratamento que a imprensa presta ao Vasco? Vc sabe realmente a história da conta d’água não paga? Seus detalhes? Se sabe os detalhes, o que é pior? Essa história ou ficar devendo aluguéis de um CT por mais de dois anos?

  8. JC,

    um aparte para falar de arbitragem: percebo, jogo após jogo, que os erros contra o Vasco são omitidos ou minimizados pela mídia. Entretanto, os erros a favor do Vasco são explorados e maximizados por essa mesma mídia. E os lances duvidosos são sempre interpretados contra o Vasco!

    Parece bobagem, mas não é! Temos que martelar esse posicionamento tendencioso da mídia, porque isso gera uma pressão “natural” na arbitragem, que, na menor dúvida, passa a marcar contra a gente, para não ser crucificada pela mídia, formadora de opinião, ainda mais tendo a tranquilidade de que se errar contra nós dificilmente será criticada, sendo até acobertada!

    Isso me preocupa muito! Exemplo disso foi nesse último jogo, onde o juiz está sendo execrado por interpretar um lance de pênalti a nosso favor, ao mesmo tempo em que duas outras jogadas, em que eu acredito ter sido pênalti a nosso favor, não são expostas na mídia!

    O pior é que esta visão deturpada dos fatos, principalmente de que em São Januário e com o Eurico o Vasco é beneficiado, é vendida pela mídia como uma verdade, e ainda têm até uns vascaínos incautos que passam a acreditar nessa bobagem!

    Quem tiver imagens do Vasco sendo prejudicado, PUBLIQUEM, porque estamos nas mãos de uma mídia tendenciosa que quer fazer com que acreditem na piada de que nós somos o time beneficiado pelos erros de arbitragem !

    Saudações

  9. Cara, ao contrário da maioria, achei que no conjunto a atuação do time foi boa, em se relevando a fragilidade do adversário, claro! O Vasco fez o papel de time grande: pressionou do início ao fim e só sofreu uma situação de perigo de gol! No segundo tempo o goleiro deles era o destaque do jogo (claro que a imprecisão nas conclusões também ajudou)!

    O Madson jogou bem, e dentro do nível dos laterais brasileiros ele tem me agradado. Com mais tranquilidade esses cruzamentos vão sair. A zaga não comprometeu. Christiano muito mal no apoio, tendo me irritado, mas na parte defensiva tem seu valor. Serginho não tinha função em campo, tendo sido bem substituído.

    Marcinho é exatamente o que você falou. Achei o Júlio dos Santos razoável, mas também acho que ele podia ter rendido mais. Guiñazu foi bem no combate e até no apoio, e o amarelo que ele tomou foi para parar um contra-ataque perigoso! Rafael Silva não foi bem, mas também não foi mal, embora eu esperasse mais dele.

    Gilberto é o típico centroavante que eu vinha pedindo, muito participativo nos lances de ataque, com boa presença de área e bom potencial! Thalles entrou e fez a função dele, participando do lance do pênalti e sofrendo outro, não marcado. Bernardo, embora eu cisme com ele, mostrou que pode ser aproveitado no segundo tempo, assim como o Montoya. E o Doriva, aos poucos, vai ajustando o time com o material humano que dispõe.

    Me irritei com as conclusões, mas gostei do time.

    Saudações

  10. Ricardo Mota Rodrigues

    confesso q pensei q nao tinha sido penalty por isso acompanho vc , grande JC , parabens pelos post e ate a proxima, pq nao me empolgo com o vasco …. parece uma coisa a bola nao entra o vasco parece cachorro correndo atras d roda d carro , o carro para nao sabe o q fazer , menino novo q quer meter mais … putz como q é merrrrmo??? tcs tcs tcs tcs nao acredito q nossos atacantes nao sabem fazer gol mais vamos ver ate onde isso vai… SVG!!!!! a todos

  11. lucas

    Aí JC, mudando um pouco de assunto, o comentarista Gustavo Hofman da ESPN, elaborou um Power Ranking dos melhores times do Brasil em 2015, e ele colocou o Vasco em 4° lugar. Motivos: futebol eficiente, invencibilidade, e sistema defensivo muito forte.
    É pra ficar um pouco mais otimista?

  12. JC – Muito oportuno seu comentário sobre as razões que levaram o juiz a assinalar o pênalti, no jogo com o Bonsucesso. Isso veio mostrar que as relações respeitosas, entre o Presidente da Federação e o do Vasco não influíram, em nada, para a decisão do juiz, que se ateve às instruções da FIFA. E veio esclarecer, à um pretenso articulista de “Coisa e Tal”,do Extra, e pretensioso advínho, que essas relações apenas tentam proteger os direitos, repito, os direitos cruzmaltinos contra errôneas, prejudiciais, vergonhosas e indecentes decisões de certos juízes, em jogos do Vasco principalmente contra os urubulínos, como aconteceram o ano passado e são do conhecimento de todos.
    Talvez agora o “olhar” seja mais “apurado’… e honesto.
    E não sou euriquista; apenas vascaíno.

  13. Beto S

    Já que não temos um meia de criação, a melhor alternativa eh escalar o Bernardo no lugar do Marcinho. Pelo menos sairiamos da inutilidade completa para cobranças perigosas de falta.

  14. Tomás Costa

    Caramba é de dar nojo esses pseudos comentaristas da ESPN, afinal eles filas de %&$##%&#@% não analisam porra nenhuma sem um pingo de isenção, imparcialidade, é puro ódio a uma time, estado ou pessoa, no caso o do Charuto, afinal todos conhecembbem que até hoje eles não engolem o Eurico por ter barrado o canalzinho na colina.
    Estou falando isso pq estou (estava, pois mudei o canal), e o infeliz do Bozó do Trajano mete no inicio do programa que foi uma das maiores injustiças dos últimos tempos o penal a favor do Vasco, ora bolas esses fdp nunca falam do Vasco e quando inventam de falar é pra meter o cacete, até pq é totalmente descabido esse assunto, inclusive trazendo a tona que antigamente os árbitros sempre davam pênalti para o Vasco aos finais dos jogos em S. Januário, porra é muita canalhice desses vermes querer denegrir a honrosa história vitoriosa do Vasco.
    Outra coisa, apesar de eu achar que não foi penal, é um lance interpretativo, e por varia vezes foram marcados penais iguais. Mas não, como é o Vasco e pra piorar tem o Eurico lá, então aproveitam e metem o sarrafo. Agora aposto eu que nenhum desses caras assistiram só jogo todo e não viram que existiram dois lances duvidosos a favor do Vasco, que o arbítro poderia dar o penal se quisesse.
    Realmente é muita sacanagem deses caras, será que eles acham que o que eles acham é sempre o certo ? Deviam pelo menos dar a opção da dúvida em lances assim, como fazem com os outros.

  15. Esse time do Vasco esta difícil de ver , o lateral Cristiano e muito fraco , o Serginho esforçado , nosso meio de campo não consegue pensar e so jogada errada , vamos ver com o Dagoberto, espero que de certo, que pelo menos eles acertem o gol, ta difícil fazer gol com a bola rolando. Saudações Vascaínas.

  16. adamor ribeiro

    Caro J.C. Mais 3 pontos.Sobre o pênalti,pra mim foi, não tenho dúvida. Foi quase igual ao do Corinthians a favor do S.Paulo.Se a rede esgoto,e ESPN estão dizendo que não, é problema deles.A opinião desses sujeitos,pra mim não valem nada,esses caras são anti-Vasco,todos nós sabemos.Agora o Doriva precisa urgente,pedir um meia,um homem de criação.Porquer Marcinho,Bernado e Montoya,é um caso perdido,ou então,que se dê,uma oportunidade, para o Mátheus Índio,ou para o G.Costa.abrço

    • Geraldo Albuquerque

      Vale ressaltar que a ESPN, que era a última esperança de um jornalismo imparcial (apesar do Juca gambá) caiu no lugar comum: vale tudo para defender os mulambos e gambás

  17. Jogo horrível. Mas três pontos são três pontos. Penalty, com FIFA ou sem FIFA.

  18. Caro JC

    Você já insinuou que Eurico teve participação na contratação do Joel em outras vezes. Gostaria que você mostrasse alguma prova disso. Ou é achismo ? Ou alguém falou … ?
    Sobre jogadores que vieram por empréstimo, o que tem de mais ?
    Não vão vestir a Camisa do Vasco do mesmo jeito ? Parece implicância …
    Sobre patrocínios, durante 8 ANOS a desadministração dinamite ficou sem CND’s, apenas em momentos pontuais e por meio de liminares. Agora estamos em dia desde dezembro e você reclama que é pouco ?
    O patrocínio “herdado” não foi mérito da administração passada. Caso você não saiba, a intenção da Caixa era patrocinar as 5 equipes de maior torcida desde o começo. O CRVG foi convidado a participar.
    Se a atual gestão continuar, vai ser porque está nos planos da Caixa e não o contrário.
    Sobre o lado da torcida, alguém já viu o contrato do fluminenCe ? Porque não mostram ? Então é certo questionar.

    SV

    • JC Barbosa

      Em partes:

      1) Não é achismo. E quem falou foi o próprio Eurico, que ligou para Joel e o incentivou a aceitar o convite. Na ligação, disse que Joel “era a melhor solução e o único capaz de tirar o Vasco dessa situação”.

      2) Sei que os defensores do Eurico vasculham os comentários uns dos outros para se defenderem. Acho bonita a união de vcs, mas vcs sempre incorrem no erro de apenas olhar as minhas resposta, sem ver o que as originou. Não falei mal de jogadores que vieram de empréstimo; quem falou foi seu correligionário euriquista, que disse, citando: ” saiu aquele amontoado de jogadores emprestados que jogavam sem a menor gana e fizeram vergonha na Série B”. O que falei sobre os jogadores emprestados de agora era pra entender o que pensa o autor do comentário. Se para ele é ruim contratar jogadores por empréstimo, gostaria de saber se ele ao menos sabe quantos vieram dessa forma nessa gestão.

      3) Vc sempre tentou fugir a média descerebrada das euriquetes, mas acabou de incorrer no erro mais comum deles: a comparação com a gestão Dinamite. Quer dizer que o fato da outra gestão ter feito um monte de porcarias durante muito tempo me obriga a aceitar ou achar normal a morosidade da atual? A atual diretoria teve como grande – e talvez único – mérito até agora ter conseguido as CNDs. E de que adiantou isso até agora? Eu poderei reclamar disso quando? Quando a lentidão em resolver questões importantes para o clube se iguale à época do Dinamite?

      4) Legal seu ponto de vista. Mas, me desculpe: mesmo que a Caixa tivesse colocado uma arma na cabeça do Dinamite para fechar o patrocínio com o Vasco, ele ainda seria uma herança da gestão anterior para a atual. Isso é uma questão cronológica, não de mérito.

      5) Questionar ele pode o quantos contratos ele quiser e eu não falei disso. A questão é que, esperneie o quanto quiser, vamos acabar jogando pelo menos um jogo contra o Flu na Arena e com nossa torcida do lado errado. O Rubinho não é presidente da CBF, e quando o mando de campo for tricolor, ou jogamos na Arena do jeito que eles querem, ou tomaremos WO. Mesmo que seu presidente favorito, com sua conhecida empáfia, diga que não voltará a jogar na Arena contra o Flu, vc acha que vai acontecer o que?

      • gláucio

        respondendo às suas 5 colocações:

        1 – você acha mesmo que o dinamite, mesmo sendo um frouxo, iria aceitar qualquer imposição ou sugestão do eurico? o dinamite iria preferir destruir o vasco (como destruiu) a ter que dar o braço a torcer pro eurico. mas se isso realmente aconteceu, então o dinamite é ainda mais frouxo e incompetente do q eu imaginava. deveria ter entregue o comando do clube pro dr eurico muito antes então. mas só por curiosidade, você teria uma fonte indicando que foi o eurico quem trouxe o joel de volta ao vasco?

        2 – não vejo o menor problema em ter jogadores emprestados ao vasco. a questão aí é o critério. e a gestão eurico tem critério. o que foi questionado é que o time de 2014 era efetivamente um TIME DE ALUGUEL, q raramente honrou nossa camisa. bem diferente do que acontece hoje. ter jogadores emprestado é uma coisa; montar um time quase inteiro só com jogadores emprestados é outra bem diferente. acho q foi isso o q o diego santana e o paulo lenz quiseram dizer.

        3 – amigo, as CNDs q o dinamite NUUUUUNCA conseguia, o dr eurico obteve em 2 meses. falar mais o q? imagine o quanto de dinheiro deixou de entrar no clube por causa da incompetência e morosidade do ex-presidente do clube. imaginou? pois é… e muito me estranha você acusar a gestão eurico de morosidade. isso é sério?

        4 – e qual é o mérito que tem um sujeito q fecha um patrocínio mas não consegue as condições mínimas necessárias para receber o dinheiro do mesmo? q mérito é esse? eu te digo: o q o dinamite fez todo esse tempo foi quase q anunciar empresas de graça na camisa do vasco. não é fantástico? aí o dr eurico traz as CNDs e vc vem falar em mérito cronológico do outro. tbm não entendi…

        5 – Eu aposto até em WO. se o dr eurico falou q o vasco não joga contra o florminense no maracanã se a nossa torcida não estiver no seu espaço tradicional, então pode ter ctza q o VASCO NÃO IRÁ JOGAR MESMO. o tempo de frouxidão e subserviência no vasco acabou. o recado já foi dado. tanto q o primeiro jogo do ano entre os dois rolou no engenhão. e com o bom trânsito q o dr eurico já tem na CBF, será molezinha levar mais um jogo pro engenhão. é só aguardar.

      • JC Barbosa

        Incrível como as euriquetes – que estão pedindo para serem banidas do blog novamente – não esquecem o Dinamite. O que é lógico, já que sem a comparação com a pior gestão da história, percebe-se que….o Eurico só consegue ser melhor que o Dinamite.

        Mas vamos aos pontos:

        1) Não falei que o Eurico impôs nada. Ele e Dinamite concordavam que o Joel era a melhor opção no momento. E quem afirmou isso foi ele. Como eu não estou aqui pra ficar fazendo papel de Google, procura direitinho a matéria em que o próprio Dotô afirmou que ligou para o Joel dizendo que ele era o nome indicado para resolver os problemas do Vasco.

        2) Engraçado…vc fala que o time de hoje é bem diferente do ano passado, mas não fala – ou a lobotomia não permite lembrar – que a base do time, hoje, é do ano passado. M. Silva, Luan, Rodrigo, Guiñazu, Bernardo, Montoya e Rafael Silva vieram de onde?

        E é legal ver o critério das contratações desse ano: vamos pegar um monte de jogadores de divisões inferiores do futebol brasileiro. Esse foi o critério. Até que eles perceberam a besteira que fizeram que começaram a fazer contratações aceitáveis (mas que ainda precisam provar que valerão a pena).

        3) Amigo, talvez seja ignorância sua ou apenas aquele comichão irresistível em defender o dotô a qualquer custo. Mas me diga: adianta o que arrumar as CNDs e não conseguir renovar o contrato com a Caixa? Na primeira vez que falaram que “conseguimos as CNDs” foi em janeiro (o que, aliás, ficamos sabendo depois que não era verdade). Estamos praticamente no meio de março e NADA de renovação. Mas se pra vc isso é uma prova da agilidade da diretoria, ótimo. Como já falei por aqui, vcs euriquetes têm mesmo um padrão de exigência MUUUUUITO baixo.

        4) Se não entendeu é pq é obtuso: o patrocínio da Caixa foi fechado na gestão anterior. Portanto, a atual gestão herdou a parceria. Mas tem uma coisa que quem não entendeu fui eu: vc está reclamando que a diretoria anterior anunciou empresas de graça na camisa do Vasco? E o que a diretoria do seu ídolo maior está fazendo agora com a Caixa?

        5) Vc acha que São Eurico tem mais moral na CBF que o consórcio que gerencia a Arena? Acha que será molezinha a CBF, apenas pq o superdirigente quer, vai mudar o mando de jogo do Fluzim para que a partida seja onde o Vasco quer? Se eu fosse vc, apostaria no máximo uma cerveja. É melhor evitar o prejuízo.

        E eu ainda respondo quem tem esses delírios….

      • Caro JC

        Pode parecer comparação mas não foi a minha intenção. Até porque , na minha opinião, nunca houve e nem haverá, na História do Vasco, “gestão” tão ruim que se possa comparar a do MUV/Dinamite.
        O certo é que com as CND’s abrem-se várias portas. A Caixa é apenas uma delas. As trocas nos diversos escalões governamentais são as responsáveis pela demora de, um possível, novo acordo.
        Sobre esta conversa do Eurico com o Joel, não sabia, não li em lugar algum. Pra mim é novidade.

        SV

      • JC Barbosa

        Bom…já são dois meses e meio sem resultado prático nenhum e fazendo algo que os euriquistas viviam reclamando da gestão anterior: estampar a marca de uma empresa gratuitamente na nossa camisa. Se bem que, em comparação ao patrocínio da lojinha de esfihas, a diferença é mínima.

      • Diogo

        Importante lembrar que nesse caso da renovação da Caixa, apesar dessa lenga lenga toda, o corinthians já renovaram.. e o vasco nada..

  19. Tomás Costa

    Realmente o joguinho de ontem foi duro de assistir, o primeiro tempo então….. O pior é que o coração vascaíno não deixa mudar de canal, afinal paixão é paixão.
    Do jogo de ontem só livro a cara do Martin, até pq não teve o que fazer.
    Que o nosso time é fraco isso é fato, mas além disso temos de entender também que o time foi todo modificado, tanto quevo setor que está se saindo melhor é a defesa pela manutenção dos zagueiros e do Guina, portanto acho que pode melhorar, vide partida contra os flores. De qualquer forma é nítido que precisamos de um meia de qualidade pra ontem, pois o Marcinho realmente ta muito mal e o Bernardo, bom esse aí já sabemos como é.
    Para mim não foi pênalti, a bola bateu sem querer, o cara tomou até susto, agora a mídia mulambenta não pensa nem duas vezes né ? Afirmam peremptóriamente que não foi, nem dúvidas eles tem, já a favor do curinthias…….

  20. Paulo Sergio de Araujo

    Não vou entrar em polêmica com o colunista, mas, para mim, não houve a penalidade. Questão de opinião.
    Mas isso acaba sendo irrelevante. O maior problema é a explícita incapacidade de criação deste time. E não se pode nem “bater” no treinador, em função da evidente inexistência de “MO” qualificada.
    O Dagoberto, se não me falha a memória, era meia-armador no começo de sua carreira. Talvez fosse melhor colocá-lo no lugar do Marcinho; e não como companheiro de ataque do Gilberto.
    A nossa “liderança”, com o futebol apresentado até aqui, só demonstra o BAIXÍSSIMO nível desta competiçãozinha regional DE MERDA. Se não investirmos na contratação para o setor de criação do time, pelo menos, vamos sofrer nas competições QUE REALMENTE INTERESSAM (para quem NÃO É “casaquildo”); as nacionais.

  21. Beto

    Com dois laterais fracos e sem ninguém se aproximando para uma tabela fica difícil. Ver um time que “treina” a semana toda levantando bola na área da intermediária é complicado. Os laterais, que já são limitados, ficam sozinhos sem ninguém se aproximando. Duas posições fundamentais para um time ter mais força ofensiva, laterais que chegam bem e meias de criação, nessas o Vasco está muito mal servido. O Madson até que tem velocidade, mas na hora da definição de jogada é fraco, seja passando, seja cruzando, seja finalizando a gol. E , repito, eles estão isolados também.
    Sigo confiando no Gilberto, mais uma vez fez boas jogadas, quem sabe agora , com o gol, não conclua com mais calma.
    Com relação ao penal eu não marcaria, mas a regra está aí. E , ademais, o Vasco foi prejudicado contra o barra mansa. Uma parcela engraçada da imprensa, insulflada pela torcida do time queridinho, fica querendo colocar tudo num mesmo balaio. Que não comparem esse lance com nada que prejudicou o Vasco nos últimos anos. E mais, o Vasco precisa ser ajudado com lances objetivos contra o Flamengo por uns 10 anos seguidos para eles começarem a achar ruim, o lance de ontem (nem erro foi, a regra está aí, tem alguma dose de subjetividade) não foi num Vasco x fla. Quem olha eles chorando parece que foi num Vasco x fla. É que alguns espartalhoes da mídia e na torcida adversária gostam de confundir falam como se o lance tivesse envolvido o rival.
    E pra concluir de vez: se o eurico mandasse na arbitragem (lenda ruim para o Vasco que até vascaínos estão achando legal) como alguns setores da mídia querem insinuar, o Vasco não teria perdido 5 finais para o rival com ele no Vasco. E eu tenho lances para reclamar e critérios absurdos de arbitragem identificados em lances quase dessas finais todas.

  22. diego santana

    Que eu saiba, defesa não é só goleiro e miolo de zaga. Mas se você quer respostas, vamos a elas: os dois laterais + Serginho + Julio dos Santos. Todos contratados pela nova gestão, a gestão do doutor Eurico. E todos compõem o setor defensivo do time (que, segundo você, é nosso ponto forte). E eu nem preciso falar da contratação da dupla de ataque Dagoberto / Gilberto, que ainda dará muitas alegrias à torcida vascaína.

    Sei que é difícil de admitir, mas em apenas dois meses, o Vasco refez seu time para melhor, muito melhor: saiu aquele amontoado de jogadores emprestados que jogavam sem a menor gana e fizeram vergonha na Série B (só lamento pelas saídas de Pedro Ken e Maxi Rodríguez, que deveriam ter ficado), e entrou um time jovem, comprometido e com vontade de crescer. Os resultados estão aí. E há tbm de se destacar a troca de treinador: saiu um técnico senil, que ganhava a vida fazendo comercial de xampu, e entrou um técnico jovem, promissor, atual campeão do Estadual mais difícil do país. Mudanças sensíveis, concorda?

    Então… Se isso não é mérito da atual diretoria, honestamente eu não sei o que é. Seria mais fácil de sua parte admitir que a gestão Eurico está te surpreendendo positivamente. Ou você não está feliz com a nossa liderança e a reconstrução do nosso amado ginásio, entre outros benefícios e mudanças rápidas e a olhos vistos? Fica a questão…

    • JC Barbosa

      Aí vai da sua paixonite pelo Eurico. Se vc está satisfeito com os dois laterais (um deles, disparado o pior jogador dos titulares), Serginho e Julio dos Santos (único que ainda pode render alguma coisa desses todos), ok. Não vou pedir que vc entenda de futebol.

      E como vc não entende de futebol e ainda é cego pela lobotomia do dotô, também não vou pedir que vc enxergue que das 10 partidas que o Vasco fez esse ano, apenas uma ou duas foram minimamente aceitáveis. O time tem ganhado de times fracos fazendo apenas gols de bola parada pq não tem que articule jogadas. Está com méritos na liderança APENAS pq os outros adversários têm errado mais que nós. O Fluzim, por exemplo, se jogasse o que jogou ontem contra o Botafogo contra nós, dificilmente teria perdido.

      Mas pra vc, que naturalmente se contenta com muito pouco, está tudo ótimo. Afinal, ganhamos do Bonsucesso pela diferença mínima e empatamos com os dois times que acabaram de subir da segundona estadual. Os resultados, como vc diz, estão aí.

      Mas pedir que vc enxergue isso, que ainda não está sequer no nível do time do ano passado e que falta muito para esse time passar confiança é pedir demais. Como pedir isso para alguém que acabou de elogiar a contratação do Christiano?

      No mais, vc esquece de citar que o técnico senil só foi contratado por imposição do seu querido Eurico. E também não cita (provavelmente pq não sabe) quantas das contratações feitas também são empréstimos.

      E depois vc fala pra gente o que, além da montagem do excelente time que temos e da reconstrução do estádio financiada pela torcida, quais foram os outros benefícios e mudanças rápidas que tivemos? Conseguimos as CNDS? Adiantou o que se sequer o patrocínio herdado da gestão anterior se consegue renovar? Recuperamos o lado da Arena? Não, e não vamos conseguir nunca. Apesar de toda a empáfia, o Vasco se sujeitará aos contratos e, tirando campeonatos organizados pela FFERJ, jogaremos sim na Arena e com nossa torcida no lado errado.

      No seu próximo inteligente e embasado comentário, lista pra gente os benefícios que vc viu, ok? E que não sejam coisas que qualquer gestão minimamente aceitável deveria fazer.

  23. diego santana

    Independente de qualquer coisa, o fato é que o Vasco é líder isolado e invicto da competição. Algo inimaginável para os anti-Eurico de plantão. Taí, com “os jogadores de Bangu e Olarias da vida” que muitos tanto chiaram, o Vasco é líder isolado e invicto. E aí? Quem será o primeiro a reconhecer as apostas ACERTADAS do “Dotô”?

    OBS: aliás, ver o Vasco líder e invicto é algo que há tempo não acontecia. Vai ver que é coincidência, pura coincidência…

    • JC Barbosa

      Hmmmm….tá. Agora, gênio, fala qual das apostas de Bangu e Olaria têm se destacado no time.

      E conta pra gente também, da defesa (o ponto forte do time), quantos foram contratados pelo Dotô?

    • Diogo

      Quero ver liderar o campeonato brasileiro ou fazer uma graça na copa do brasil..

      • JC Barbosa

        Copa do Brasil é diferente. O Vasco pode até ganhar, mas isso não tornará esse um time bom. Outros times ruins já venceram a competição.

      • gláucio

        parece até que o amigo diogo está torcendo contra. gostas mais do vasco ou odeias mais o eurico? a pergunta tostines, eis a questão…

      • Diogo

        Gosto mais do Vasco e apoio sempre, glaúcio. Mas não sou cego p ver a realidade do nosso time!

  24. CLAUDIO / ILHA

    Líder !!!!
    Pênalti claríssimo !!!!
    Só isso !!!

  25. gláucio

    eu discordo. acho que não houve penalti algum. o bonsucesso foi prejudicado, como o nosso vasco várias vezes tbm já foi. ontem, pelo menos, a burrada da arbitragem foi a nosso favor (enfim!).

    mais agora cabe falar na VOLTA DO RESPEITO. o tal respeito q o blogueiro e outros vascaínos cobram tanto pode ser visto em jogos como o de ontem. de prejudicado pela arbitragem, o nosso vasco passou a ser beneficiado. a mudança de comando no clube diz tudo. um presidente influente no lugar de um presidente ausente diz tudo. se eurico fosse o presidente desde 2013, pelo menos 3 situações fundamentais na historia vascaína teriam acontecido pró-Vasco:

    1 – o vasco não voltaria pro jogo em joinville e não teria sido rebaixado.
    2 – o castanheira teria visto aquele gol claríssimo do douglas
    3 – o gol em claro impedimento dos mulambos no fim teria sido marcado, e o vasco seria campeão estadual em 2014.

    com a volta do eurico, eu duvido q as arbitragens aprontem contra o vasco, principalmente no nosso campeonato estadual. quando se fala em VOLTA DO RESPEITO, isso é apenas um exemplo. graças a termos um presidente influente, saímos de campo ontem com 3 pontos (quando merecíamos sair apenas com 1). é bom q se reconheça isso.

    • JC Barbosa

      Os euriquistas trabalham sempre muito com suposições. “Se o dotô estivesse lá….”. É. Pena que o “se” não entra em campo.

      Se é pra trabalhar com hipóteses, podemos dizer que se o Eurico estivesse no poder desde 2001 até hoje, o Vasco já teria falido, por falta de patrocínios decentes, pelo aumento das dívidas, etc. Com o “se”, é assim. Tudo pode.

      No mais, é exatamente como eu disse hoje no Vasco Expresso: o pior no pênalti de ontem é ter a certeza que teria gente que, não apenas acreditaria que o pênalti só existiu por causa do São Eurico dos poderes mágicos, como ainda ficaria satisfeito com isso. Uma lástima total.

    • Diogo

      É um absurdo ler um comentário desses…

    • David

      Gláucio para de escrever bobagem! Volta do respeito meu OVO da páscoa direito!

    • Amigão, e os dois pênaltis não marcados a favor do Vasco? É pela volta do respeito também?
      Estão criando outra falácia de que com o Eurico o Vasco não é prejudicado pela arbitragem? Cansei de ver, inúmeras vezes, o Vasco ser roubado, mesmo com Eurico na presidência!
      Não fala bobagem! Ainda fica alimentando a mídia para sustentar essa mentira, que só nos prejudica!

  26. alex-es

    Seguindo essa regra, então o pênalti do Vasco foi e o do corintians não foi, porque o jogador deles estava com o braço colado ao corpo.
    E o pior é que os comentaristas de arbitragem sem compromisso algum com o correto afirmaram com o bocão aberto justamente o contrário.
    Os caras então são irresponsáveis e sem compromisso nenhum com a verdade e muito menos entendem da nova regra e se dizem Phd em arbitragem!
    São uns incompetentes!

  27. Guilherme

    JC… Quanto ao Penalty… Pode ser que a determinação da FIFA mande marcar… Mas eu não marcaria… Foi totalmente não intencional e a jogada não daria em nada se seguisse sem o toque… Mas ok. Na verdade, ganhamos a lá-Urubu, ou seja, com o habitual “na dúvida, a favor” que tanto nos enraivece nos jogos deles.

    Embora um erro não justifique o outro, eu acho que houve sim um penalty não marcado… Não o do Madson, que foi sim fora da área… Mas um pouco antes do gol, teve um lance onde o Thales ia cabecear no segundo pau e o zagueiro claramente o empurra com o braço, no ar… Fazendo com que ele cabeceie pra fora… Foi um empurrão de leve, mas quando o cara está no ar qualquer toque é suficiente pra tirar o equilíbrio… Pode reparar que o empurrão faz ele passar da bola… Pra mim foi claro… Este eu marcava… É ninguém falou desde lance.

    Abraço

    • JC Barbosa

      Eu também não marcaria. Mas isso não quer dizer que o lance tenha sido um erro do árbitro. Dona FIFA manda o juiz apontar pra marca da cal nesses lances. E isso não se discute. É diferente que ganhar um campeonato com gol irregular ou validar gol quando a bola não cruza a linha.

    • Guilherme, o empurrão não foi de leve, foi acintoso mesmo e nas barbas do juizão! Agora, vai encontrar o lance! Impossível, a mídia não comenta nem repassa! Como não gravei o jogo, não tenho como rever. Se alguém tiver essas imagens, postem!!!

  28. Diego

    JC… Concordo com a falta de articulação do Vasco… E aquele acordo de cavalheiros com o palmeiras…. Poderia tentar o Valdívia… Que tá encostado… O que acha dele no Vasco…eu acho que ele (se vier para jogar e não se machucar tanto) seria um excelente reforço… Abração

  29. BJ

    ” Arbitro marca pênalti inexistente e Vasco vence Bonsucesso no fim” . – Título da reportagem da espn.

    A mídia como sempre tentando desmerecer a vitoria vascaina.

  30. Leon da Cruz

    Pois é, JC. É bom evitar o “oba-oba”, pois a liderança e a invencibilidade podem ser muito enganosas. Ao contrário de Botafogo e Fluminense, jogamos apenas um clássico. Vamos, então, aguardar o desempenho do time no próximo clássico… Agora, sobre o pênalti, eu tenho dúvidas. Naquele lance, cara não tinha chances de ter tirado o braço… Seja como for, não seria um absurdo completo se o árbitro não tivesse interpretado como falta, o que torna as coisas mais preocupantes, já que vencemos um time fraco, no último minuto, com um gol de pênalti.

  31. carlos

    Bom dia, JC.
    Belo comentário, tanto aqui quanto no expresso. Isso de “roubado é mais gostoso” não serve para nós, somos grandes.

    Ressalto dois pontos que talvez ficaram de fora:
    1º Para mim teve pênalti sobre nosso lateral direito, um carrinho dentro da área que o derrubou.
    2º Se não fosse a arbitragem, já seriamos líder a um bom tempo, já que anularam um gol legitimo que nos daria a vitória em um jogo anterior.

    • JC Barbosa

      Acho que a falta no Madson houve, mas foi fora da área.

      • JC, você reviu esse lance em algum lugar? Ou o comentário foi do que você lembra ter visto? Do que eu lembro, durante a transmissão, me pareceu dentro da área sim! Mas, seria ótimo se pudéssemos rever este lance para poder discutir melhor! Alguém teria as imagens? A emissora, até onde eu sei, esconde, pois não passa nem no teipe do jogo, muito menos nos melhores momentos!

      • JC Barbosa

        Revi o lance na hora. O angulo da câmera não favorecia a visão da linha, mas me pareceu fora.

  32. Amado

    Ontem foi mais um daqueles jogos em que a vontade é desligar a tv ou mudar de canal, mas como sempre eu não consigo. Me irrito, brigo, xingo, mas não dá pra ficar sem assistir! Jogo feio, Vasco criou muito pouco e o pouco que criou o goleiro pegou (sem contar o travessão salvando o golaço do Montoya!). Chegamos a liderança, mas ainda é pouco. Não tivemos futebol pra merecer a liderança, exceto pelo ótimo jogo contra os flores, e como o que decide msm o campeonato são os clássicos, principalmente da semi e final, não temos tanto o que comemorar.
    Sobre o penalti, eu não marcaria, mas se o juiz marcou, paciencia! Mas eu tbm não sou da ala dos que comemoram, pq se fosse contra a gente estaria todo mundo reclamando.
    Mas é engraçado ver a imprensa (e hj eu quero ver o que vão falar na TV) sobre o lance. Logo após o jogo, a ESPN já falava em lance inexistente. Fosse outro time, e seria um lance “duvidoso”, como tantos outros que contra a gente vira duvidoso apenas.
    Enfim, a chegada do Dagoberto dá mais força ao ataque, mas o meio ainda precisa aparecer ou não adianta NADA! E os laterais, melhor nem comentar muito. O Brasil vive uma crise de camisas 10, mas acho que vive uma pior de laterais. Não é exclusividade nossa ter laterais que não sabem cruzar, mas os nossos fizeram disso uma arte!
    SV

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s