Pronto para as retrancas

São jogos difíceis. Os adversários vêm com postura defensiva e esperam nossos erros. Temos que marcar, adiantar as linhas e estar precavidos para o contra-ataque”.

A declaração acima foi feita pelo Doriva, quando falava sobre o decepcionante empate do Vasco com o Barra Mansa. Tão decepcionante foi, que o treinador vascaíno desejou que esse jogo se tornasse um divisor de águas para o time no campeonato. Até agora, o desejo tem se tornado realidade: depois dele, vencemos os tricoletes e o Bangu, mostrando alguma evolução com relação ao 1 a 1 com o time do interior.

E Doriva sabe de cadeira sobre o que está falando. Seu maior feito como treinador foi justamente levar uma time de menor expressão ao título de campeão paulista ano passado. Nosso treinador fez com o Ituano exatamente o que ele falou na entrevista, um time forte na defesa e eficiente ao explorar os erros dos adversários. Só que agora Doriva está do outro lado: comandando o Vasco, ele precisa fazer com que seu time se imponha dentro de campo e que não dê brechas ao adversário.

Não pareceu ser imediata a adaptação do Doriva a esse novo cenário. Mesmo levando em consideração o elenco com o qual ele começou a competição (que, olhando com maior rigor, não é incrivelmente superior ao dos pequenos do Carioca), tivemos atuações muito fracas em confrontos que deveriam ser fáceis. Tanto é que perdemos pontos justamente para os dois times que vieram da segundona carioca ano passado.

Mas o jogo contra o Fluzim, um adversário que naturalmente não jogaria na retranca, mostrou um Vasco com maior capacidade de criação, e muito disso aconteceu não apenas pela apática atuação tricolete, mas também por termos em campo um grupo mais equilibrado. Com dois atacantes, dois meias e dois volantes, o time teve mais opções ofensivas e, mesmo diante de um oponente mais qualificado, nosso poder defensivo não diminuiu. Foi uma partida em que Doriva mostrou um trabalho eficiente contra adversários do mesmo porte.

A questão é que nosso adversário de hoje, o Bonsucesso, é justamente um daqueles adversários que todos consideram uma verdadeira carne assada. E são esses que mais se retrancam e lutam mais aguerridamente pelo pontinho que já têm assim que a partida se inicia. Ou seja, é um dos tais “jogos difíceis” que Doriva citou. E ainda sem vitórias na competição e com apenas um gol marcado em sete partidas, o Bonsuça certamente considerará um empate hoje um feito extraordinário. E isso significa que teremos mais uma retranca pela frente (o que pode ser ainda pior já que Marcelo Salles, técnico do rubro-anil, conhece parte do nosso elenco, já que foi auxiliar do Natalino ano passado).

Felizmente Doriva poderá repetir a formação que venceu o clássico e, ainda melhor, por opção do treinador, e não por desfalques. Isso significa que o técnico finalmente percebeu que a titularidade do Bernardo, jogando como vinha jogando, era sem sentido. Com Serginho e Guiña cuidando da marcação, Julio dos Santos só terá que se preocupar com a armação de jogadas, o que pode melhorar seu rendimento. O Marcinho…bem, com o Marcinho e difícil contar, mas se as bolas chegarem com mais frequência ao Gilberto, certamente o centroavante desencanta hoje.

Dependendo do que acontecer na Arena Maracanã, poderemos terminar a rodada na liderança da competição (isso, claro, se o time do laranjal fizer a parte dele), desde que façamos a nossa parte. Uma vitória hoje pode ser o início da arrancada para levarmos a Taça Guanabara e, talvez, mais uma prova de que Doriva já sabe como armar o Vasco para vencer as retrancas dos pequenos nesse Estadual.

Campeonato Estadual 2015

Bonsucesso x Vasco

Preto; Ryan, Jadson, Elton e Cristiano; Julinho, Renan, Fernando e Geovani; Robertinho e Miguel.

Martin Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Christiano; Serginho e Guiñazu; Julio dos Santos, Marcinho e Rafael Silva; Gilberto.

Técnico: Marcelo Salles.

Técnico: Doriva.

Estádio: Engenhão. Data: 08/03/2015. Horário: 16h. Arbitragem: Daniel de Sousa Macedo. Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Diogo Carvalho Silva.

As Redes Bandeirantes (RJ e parte da rede) e Globo (RJ, ES, SE, PB, RN, PI, MA, DF e Região Norte) transmitem a partida. O PFC transmite para seus assinantes em todo país no sistema Pay-per-view.

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG.

Anúncios

18 Comentários

Arquivado em Adversários, Pré-jogo

18 Respostas para “Pronto para as retrancas

  1. ODILON C SILVA - RJ

    Jogar pra frente, jogar pra frente, jogar pra frente, mil vezes jogar pra frente, será que não escutaram as palavras do SADDAM MIRANDA, JJJJOOOOGGGGAAAARRRR PRAAAA FRENTEEEEE. Não irrita o SADDAM, ele ta pedindo, VAMOS JOGAR PRA FRENTE.

  2. Fala JC!

    Gostei do volume de jogo. Foi um vendeiro ataque contra defesa, como deve ser quando o Vasco enfrenta um clube pequeno!

    Mas, vou deixar para comentar sobre o jogo, depois de ler seu post sobre ele. Passei só para fazer uma observação: quando o juizão deixou de marcar DOIS PÊNALTIS CLAROS a favor do Vasco, o FDP do Renato Marsiglia comentava que estava gostando muito da “serenidade” do árbitro e que a arbitragem estava ótima! Bastou ser marcado um pênalti duvidoso para o Vasco e aí a arbitragem mudou de ótima para medonha, na visão daquele FDP, que por sinal é acompanhada pela mídia em geral! O lance dá margem para interpretações tanto a favor da marcação, quanto contra a marcação, mas lógico que na visão dele foi um “absurdo” ter sido assinalado o pênalti. A mão nas costas do Thalles, fazendo carga, é normal, ninguém comenta nada… A bola ter praticamente parado no braço do cabeludo está longe de ser interpretado como pênalti! Queria muito ouvir a leitura desses “analistas” se o lance fosse contra o Vasco ou a favor dos roubronegros…

    A propósito , não foi absurdo, para ele, não ter sido marcado pênalti no Madson quando ele foi atingido pelo lateral num carrinho dentro da área! Também não foi absurdo, para ele, quando o cabeludo do Bonsucesso mete a mão no peito do Thalles e o empurra, acintosamente, para que ele não conclua a cabeçada! Pelo contrário, achou tudo normal e inclusive elogiou a “serenidade” do juiz em ambos os lances! E CLARO, COMO SEMPRE OS LANCES DE PÊNALTI A FAVOR DO VASCO NÃO SÃO MOSTRADOS NOS MELHORES MOMENTOS! COINCIDÊNCIA, MAIS UMA VEZ! E assim a mídia segue pressionando a arbitragem nos “erros” a favor do Vasco, ao mesmo tempo que encobre os árbitros nos ERROS contra o Vasco!

    Saudações

  3. Beto

    E já havia sido provado que são torcida de Maracanã quando o mesmo estava fechado e os públicos no Engenhão eram sempre medianos e fracos.

  4. Beto

    Nas redes sociais alguns torcedores do time protegido pela mídia do Rio adoram falar de públicos no estádio como se fossem uma torcida diferenciada. Comparam coisas diferentes, jogar no Maracanã com o acesso dos mais fáceis de estádio no Brasil é mole. Não tem como comparar público de Engenhão e SJ com Maracanã. Pois ontem, sem TV, o público foi de 6100 pagantes no Engenhão. Hoje, o Vasco, com tv, foi de 4600 pagantes no mesmo estádio. Onde está a torcida diferenciada? Eles são torcida de Maracanã, nada mais. Não são melhores em nada que a torcida do Vasco, não são melhores que torcida nenhuma, se são alguma coisa, são piores, pois, segundo as pesquisas, tem quase 50 % da torcida do Estado do Rio. Portanto, vascaínos, não caiam nessa esparrela de nação… Só enganam bobos.

  5. Carlos Couto

    Vasco x Bonsucesso me deu até calo no olho. Valha-me Deus como esse Christiano é ruim, como o nosso meio-campo é ineficaz, como erram passes em profusão. Serginho, o paraguaio e mais o Marcinho somados não dá um jogador mediano, que tosco esse meio. Trás o Montillo ou o Riquelme de muletas, cadeira de rodas, cão guia, urgente. O time do Vasco não joga, empurra a bola para frente, cruza no modo bumba-meu-boi, espana o taco, rifa a bola, cruza por cruzar, coitada da pelota, como tenho pena dessa sofredora. SDV

  6. josé

    Acho que tem um cara mais improdutivo que o Bernardo – que pelo menos de vez em quando acerta uma cobrança de bola parada – a “referência” Marcinho, que não consegue realizar ao menos uma jogada contra adversários fracos, já perdeu gols incríveis, não participa do jogo e principalmente da armação. Mas é isso aí, quem acha que o Dagoberto é nível seleção, deve está adorando as belas jogadas do Marcinho, pois o “dotô” disse que ele é a referência, portanto tem que jogar.
    JC, posso está sendo muito rigoroso, mas acho que o Doriva tem algumas sérias limitações, principalmente quando precisa mudar o time e não apenas substituir jogadores (isso todos sabem fazer) durante o decorrer da partida. Parece que adotou uma zona de conforto e não consegue sair, isso ficou claro nas partidas contra Tigres e Barra Mansa. Ele não costuma fazer alterações que modifiquem a estrutura do time, geralmente é 6 por emia dúzia. Isso pode dificultar o nosso caminho, além das próprias e várias limitações do elenco.

    • JC Barbosa

      Mesmo com a morosidade que tem, ainda acho que o Bernardo merece menos a titularidade que o Marcinho, deixando claro que, pra mim, os dois seriam banco. O Bernardo fez um gol a mais que o Marcinho, mas esse participa mais do jogo (perder a quantidade de gols que perde é prova disso). O Bernardo passa a maioria dos jogos zumbizando, isolando faltas e criando quizumbas.

      A minha preocupação com o Doriva sobre esse aspecto das substituições é que as vezes ele faz um monte de alterações muito cedo quando não são extremamente necessárias. Em vários jogos passamos os 25 ou 30 minutos finais sem ter mais possibilidade de trocar um jogador, o que é um risco muito grande. Já sobre mudar a estrutura do time, vale lembrar que nem toda alteração tem essa função. E é preciso levar em consideração os jogadores que o treinador tem no banco.

      • josé

        Concordo! Por isso acho que apesar de não ser nenhum craque como era a expectativa da torcida, O Montoya, merece ser titular por enquanto, pois é o que mostrou mais disposição e capacidade de organizar (em partes) o time, mas certamente precisamos de reforços para a posição e aí sim, teremos um time equilibrado.
        Em relação ao Doriva é o que falei: algumas alterações são equivocadas e por vezes não surtiu nenhum efeito, acho que falta um pouco de ousadia para o nosso comandante.

      • David

        Criando quizumbas kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
        Não consigo parar de rir!
        Pior que é verdade. Bernardo é um zumbi sem cérebro no meio de campo do Vasco. Medíocre!
        Até o Montoya mostra mais disposição. Pelo menos, corre, marca e tenta alguma jogada.
        Acredito que seria melhor Montoya (por falta de opção mesmo) no lugar do Marcinho e Jonh Clay no lugar do Serginho, colocando o veloz Julio dos Santos como segundo volante. Tinha gente que ainda reclamava do Pedro Ken e do Maxí Rodriguez. Fala sério… seriam titulares fácil fácil nesse time.

  7. Carlos Couto

    Não é possível que o Vasco não tenha na base nada melhor do que John Clay. Nunca vi esse sujeito jogar alguma coisa com a camisa do Vasco e só me lembro de um único gol dele.

    No futebol moderno é inadmissível termos jogadores que não façam gols em maior ou menor proporção mas no Vasco parece que isso é mero detalhe. Mesmo jogadores marcadores precisam uma vez ou outra marcar o seu golzinho. Senão vejamos:

    1. Serginho já fez algum golzinho?
    2. Guina já fez o seu?
    3. Esse pereba americano John Clay já fez mais o que um?
    4. Montoya quantos já fez em todo esse tempo no Vasco?
    5. E por aí vai…lembram do Marlone? Era mais um desses… e continua sendo, não joga nada.

    Afinal de que servem jogadores que não fazem gols? Termos um Guina tudo bem, o cara é pura raça e é necessário no time um cara desses, mas quantos desse tipo precisamos?

    Temos uma defesa que marca mais do que alguns jogadores de linha e meio-campo. Meio-campo esse que é lento e não cria jogadas para os jogadores de frente, vivemos de bolas paradas. Juro que não queria ter que dizer isso, mas sinto saudades do Douglas, lento, velho mas bota todos esses que aí estão no bolso, esse é imperativo que tivesse permanecido no Vasco. Marcinho nunca foi armador de nada e acho que nem tem qualidades para isso. Acho que o Doriva vai ter que inventar um meia de criação deslocando alguém de outro setor, resta saber se existe algum desse tipo no Vasco, porque no mercado só vejo o esquecido Montillo ou se eu fosse dirigente do Vasco traria o Riquelme sem pensar 2 vezes, essa sim seria uma tacada de mestre.

    SDV

    • JC Barbosa

      Meia de criação o Douglas também era. Trazer o Riquelme, velho e desmotivado, para não render, não ia adiantar muito.

      • Carlos Couto

        Bom, essa questão do velho eu não concordo, ele velho e com uma perna só é melhor dos que estão Vasco. Já a motivação seria algo a se conversar com o jogador para sentir se ele ainda seria movido por um novo desafio. Um novo país, outra cultura, uma nova experiência na vida ou algo assim, são muitas as variáveis, mas de uma coisa eu sei, ele parado distribuindo o jogo já faria mais do que esse nosso meio-campo, além da jogada de marketing, o Riquelme ainda é um nome de peso mesmo velho. Mas é aquilo, o Douglas deveria ter ficado mesmo com as suas limitações. Abs.

  8. Adriano

    Ta na hora do Jonh Cley mostrar o que vai ser, pois ficar de reserva de Marcinho que se arrasta em campo não dá… JC sabe o que ta acontecendo com o G.Costa e o Indio ? Não ficam nem no banco…

    • Phelipe

      Adriano, pelo que eu soube, os dois estavam com desequilíbrio muscular e estavam trabalhando junjunto ao CAPPRES para corrigi-lo.

      • Adriano

        Menos mal rsrs … Pois podem ser MUITO util ao time..

      • Wanderson DS

        eles não ficam nem no banco porque nem foram inscritos pro campeonato… só podem ser inscritos 28 se não me engano… enquanto isso tem vaga pra Victor Bolt, Romarinho e afins…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s