Lobotomia

Segundo Joel Santana, a partida contra a Portuguesa ontem “Foi uma vitória que não deixou dúvida. Fomos superiores o tempo todo do jogo“. Para quem viu o que aconteceu ontem no Canindé, uma declaração dessas só pode significar que, além da vesícula, os médicos que o operaram retiraram também alguns pedaços do cérebro do Natalino.

A operação não foi responsável pela perda de visão do nosso treinador. Pelo contrário, para enxergar uma superioridade completa do Vasco no jogo é preciso ter uma visão além do alcance, no estilo olho de Thudera. Talvez o caso do Joel seja de alucinações intermitentes, que aparecem principalmente nos 45 minutos finais.

Esse diagnóstico ganha força se lembrarmos que, se o Vasco teve algum domínio em todo o jogo, ele só aconteceu no primeiro tempo. Ainda que não tivéssemos criado muitas chances de gol, o time controlou a partida, não sofreu riscos e teve a posse de bola na maior parte do tempo. Ainda que meio capenga, avançando apenas pela esquerda, chegamos ao gol quase no fim da etapa inicial, após algo totalmente inesperado acontecer: Marlon acertar um belo cruzamento e Douglas aparecer para cabecear e balançar a rede em um lance de bola rolando.

Mas no segundo, longe de termos sido superiores, simplesmente deixamos de jogar e chegamos ao ponto de tomar calor da fraquíssima equipe verde-rubra. A Lusa tomou a iniciativa desde o princípio e o que era maior posse de bola se tornou pressão na prática quando nosso meio de campo velhusco cansou de vez. Joel, no meio dos seus delírios de superioridade, demorou a ver que Fabrício e Douglas se arrastavam em campo. Com isso, não conseguíamos marcar, nem criar. E tome a Portuguesa, aos trancos e barrancos, chegando à nossa área. Nem a primeira alteração do Joel, Maxi no lugar de Crispim, mudou o panorama deprimente do jogo.

As alucinações do técnico vascaíno só pareceram terminar nos cinco minutos finais, quando Joel finalmente substituiu os rastejantes Fabrício e Douglas para as entradas de Dakson e Jhon Clay. Mas aí, não haveria muito mais coisa a se fazer. A Lusa, já combalida e prostrada, não tinha forças para reagir e o Vasco, satisfeitíssimo com os três pontos, não tinha vontade para nada além de dar bicões para afastar a bola do nosso campo.

Não vou bancar o chato e ficar apenas reclamando, já que a vitória e os resultados da rodada – tirando a vitória ganha de presente da Macaca – foram bons para o Vasco e na maciota vamos chegando ao topo da tabela. E, na realidade, a torcida já sofreu muito nessa série B pra se preocupar com exibições de gala. Vencer já está mais que de bom tamanho. Sendo fora de casa, melhor ainda.

Mas, na boa…jogar mal, até vai. Já dizer que o time foi bem, mesmo quando foi muito mal, não rola. A torcida ainda não foi lobotomizada para aceitar qualquer insanidade que nos falem.

As atuações…

Jordi – tirando algumas saídas estabanadas – e uma defesa meio no susto à la Diogo Silva – mostrou segurança e alguma sorte.

Diego Renan – pavoroso: nem apoiou, nem deu a segurança necessária na defesa. Ontem parecia mirar nos adversários antes de dar um passe.

Rodrigo – procurou orientar a defesa, passando segurança ao time no primeiro tempo; no segundo, quando tomamos calor da Lusa, fez o que devia ser feito e virou zagueiro-zagueiro. Cobrou uma falta com relativo perigo.

Douglas Silva – no nível do companheiro de zaga, mas perdeu alguns lances de velocidade que poderiam nos dar problemas. Marcou um golaço, infelizmente em posição irregular, no primeiro tempo e quase fez outro de cabeça no segundo.

Marlon – apoiou bastante, sendo boa opção ofensiva no primeiro tempo. Seria mais útil se conseguisse acertar mais passes, tanto que seu único cruzamento certo resultou no gol da vitória. Podia depender menos da cobertura dos volantes para proteger sua lateral.

Guiñazu – ontem foi um Guiña “de raiz“: ateve-se ao combate e distribuiu mais carrinhos que candidato a deputado em dia das crianças.

Fabrício – talvez uma das piores atuações individuais de um jogador vascaíno no ano. Não acertou nada que tentou. Até ao ser substituído deu uma vacilada ironizando as mais que justas vaias da torcida. Dakson entrou em seu lugar e apenas ocupou os espaços no meio de campo.

Pedro Ken – boa movimentação e alguma habilidade em alguns lances, apesar de não ter conseguido efetividade na criação. Faltou atenção à cobertura ao Marlon em alguns lances.

Douglas – vinha tendo uma atuação discreta e com mais passes errados do que se espera de um camisa 10, até garantir a vitória com um gol que mostrou precisão no arremate e bom posicionamento. No segundo tempo cadenciou demais o jogo quando precisávamos de velocidade. Saiu no final para a entrada de Jhon Cley, que só teve tempo de isolar a bola numa finalização equivocadíssima.

Lucas Crispim – procurou levar maior movimentação ao ataque e acabou sendo o jogador mais agudo do time. Se errasse menos passes teria sido mais efetivo. Maxi Rodriguez, entrou em seu lugar e dessa vez não conseguiu fazer nada de útil.

Kleber – seu estilo brigador errou o alvo e o atacante se digladiou principalmente com a bola. Quando não errava os passes, as jogadas morriam com a bola batendo nele e indo para os marcadores. Finalizou apenas uma vez, em chute fraco de fora da área no segundo tempo.

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG.

Anúncios

20 Comentários

Arquivado em Atuações, Resenhas, Vídeos

20 Respostas para “Lobotomia

  1. ODILON SILVA - RJ

    Conseguimos arrancar os três pontos dentro de sampa, independente do adversário, o mais importante que essa Vitória melhorou nossa situação na tabela. Esse elenco vascaíno tem qualidade, se pegasse um adversário forte, tem todas condições de vencer, é porque essa segundona é pesada, braba, verdadeira pedreira, vencendo o Boa esporte vai da uma tranquilidade. Admiro esse grupo de jogadores vascaínos, podem ter vários problemas, mais correm atrás, se esforçam, não jogam de sacanagem, são eles que vão conseguir essa vaga. Gosto do RODRIGO, que meteu uma cabeçada contra o flamerda, mostrou personalidade, gosto do zagueiros artilheiro DOUGLAS SILVA, ta sempre marcando os gols, DIEGO RENAM é um incansável, GUINAZU nem precisa falar, PEDRO KEN joga com seriedade, DAKSON também joga com seriedade, com vontade, DOUGLAS é um formidável jogador, individualmente , tecnicamente, é o melhor jogador do meio campo do futebol carioca. Um jogador que tem talento, cobra magistralmente faltas e penaltis, distribui bem o jogo, geralmente quando ele pega na bola, sai uma boa, bonita jogada.DOUGLAS que marcou dois gols contra o flamerda, fez um gol de pênalti, marcou um.golaço de falta, que essa canalha arbitragem dessa federação carioca anulou. Esse grupo de jogadores, que moralmente, justamente, legalmente , seriam os verdadeiros campeões de 2014, esse grupo de jogadores, que foram covardemente garfado por essa arbitragem dessa horrorosa federação carioca de futebol. A imensa torcida vascaína reconhece isso, por isso esses jogadores ganham carinho e apoio, por isso esse time vem batendo alguns recordes de públicos, a imensa torcida percebe a realidade. TAMOJUNTOVASCAOOOOOO.

  2. ODILON SILVA - RJ

    POR ELEIÇÕES LIMPAS EM SÃO JANUÁRIO, POR UM VASCAO DIREITO, PELOS BONS E PRODUTIVOS EXEMPLOS EM SÃO JANUÁRIO.

  3. Mario Guglielmi

    Acho que a hipnose da Portuguesa atingiu o Joel. E não se surpreendam se o Gladiador for denunciado novamente pelo STJD pelo chute que deu no jogador adversário, e a cada vez que ele sentar no banco dos réus, pior será.

  4. Paulo Eduardo

    Concordo plenamente com vc Juleba!!! Além de não jogar nada o jogo inteiro, de entregar a rapadura por duas vezes por absoluta falta de talento, ainda sai jogando beijinhos e menosprezando a torcida Vascaína!!!! Pena que Joel (burro com sorte), não veja isso e ainda fica esperando dez longos minutos com o Dakson ao seu lado e nada de entrar!!! Acho que operaram mais do que supomos o papai Joel… Ô coisa difirci… esse tal de Vasco!!!

  5. Juvenal

    O Joel deve estar sonhando acordado pelo absurdo que falou depois do jogo de onte.
    O 2º tempo foi simplesmente bizarro, pois vimos
    – um milhão de passes errados do Vasco
    – um milhão de faltas da Lusa
    – o Vasco não queriamais nada com o jogo e deixou a lusa gostar do jogo, a ponto do nosso time ficar pedindo desesperadamente pelo empate. Um verdadeiro absurdo
    – as tradicionais e incriveis substituições ao término da partida feitas sempre pelo Joel (até nos descontos ele faz isso).
    Mas valeram os 3 pontos no Sufoco – como sempre! Importante é que estamos subindo a escada da tabela.
    Engraçado que as Duas Faixas estão na ponta da tabela.

  6. Carlos Queiroz

    Realmente como o pessoal está falando, não adianta mais esperar futebol bonito, agora é ir se rastejando de vitória magra em diante até conseguirmos mais 14 15 pontos e acabar esse ano horroroso, esses caras podem até ganhar o título da série B, mas vai depender muito de cair no colo deles, pois já demonstraram que não estão nem um pouco a fim.

  7. Paulo Sergio de Araujo

    Preocupante. Temos um elenco melhor do que a maioria que disputa a Série A, mas continuamos SEM TÉCNICO. É melhor NEM LER (escutar ou assistir) as entrevistas de “Papai Joel”. Cada vez que o faço, fico mais atento à distância para o 5° colocado do que para o líder da competição.

  8. CLAUDIO / ILHA

    Não estou nem aí para exibição de gala. Já desisti disso com esse time. Aliás exibição de gala na série B pra que?? Quero apenas que o Vasco se garanta logo na série A. E que esse pesadelo termine !!!

  9. primeiro tempo ,morno ,segundo o vasco gritava ,pedia e ata merecia ter tomado o gol,mais a lusa (graças a deus ñ teve competencia e sorte )para fazer e assim vamos aos trancos e barrancos para 1 divisão
    pra mim o vasco nessa serie B só jogou como vasco duas vezes
    ceara e joenville e só o resto foi no trancos e barrancos

  10. Paulo Oliveira

    O pior JC, é que quando o Joel fala as suas sandices, como por exemplo a bronca no Pedro Ken por tentar fazer um gol, a mídia acha a maior graça, acha que o futebol não seria o mesmo sem o Joel, etc…. etc… etc…. Tinha que ser cornetado de imediato, assim como faz a fla-press que ao menor sinal de um escorregão do time, põe a boca no trombone, e todo mundo tenta se endireitar,

    Saudações Vascaínas.

    • Concordo plenamente, pois quando o Brasil foi surrado pela Alemanha, ninguém da mídia achou graça daquela tal carta da dona Lúcia para o Filipão e Parreira. Futebol é coisa séria. Lugar para fazer gracinha e palhaçada pra todo mundo achar graça é no circo. Como dizem alguns comentaristas, futebol é uma benção.

  11. Beatriz

    Time do Vasco muito fraquinho, assim mesmo vai se arrastando com muito sofrimento à Série A. Ano que vem na elite tem que mudar tudo.

  12. Washington-DF

    “quando nosso meio de campo velhusco cansou de vez” nosso meio campo é horroroso. Quando subir para série A tem que mandar embora todos a excessão o Pedro Ken, Guiñazu.

  13. ZE VASCAINO -CENTRO -RJ

    Agora meu VASCO querido ganhar do Boa esporte em São janu sexta feira, não pode da mole, o importante que vencemos, não podia deixar a Portuguesa se reabilitar em cima de nos. Agora não pode bobear contra o Boa esporte, o mais importante é nos vascaínos tirarmos o clube dessa situação. AVANTE VASCO.

  14. Diego

    Ontem estive no canindé….. E vou te falar que a torcida está de parabéns….mas em relação ao jogo, foi o pior jogo do Fabrício com certeza…e não seria nada difícil melhorar o time p segundo tempo….era tirar o Fabrício,botar o dakson , recuar o Pedro ken….guinha jogou sozinho de volante,e acabou tendo mais trabalho e fazendo mais faltas….e p piorarno final da partida estava distribuindo jogo…pq o seu boneco tava morto, assim como o cérebro do Joel…abração JC

  15. TOMAS COSTA

    Bom dia galera !

    Pois é….que joguinho horroroso foi esse ? Não sei quem foi pior, se a pobre coitada da Lusa ou o medíocre time do vasco.

    Não vou nem falar sobre o jogo, pois não teve nada de bom, só falar que já cansei de me irritar e me angustiar com esse time do vasco nesse campeonato vagabundo que é a série B com péssimos times.

    O pior de tudo isso é que se não bastasse nós torcedores de um dos maiores clubes do Brasil, um dos maiores ganhadores de títulos que é o vasco ter que aturar um ano todo essa via crúcis que é a famigerada série B, ainda temos que ter o desprazer de assistir a atuações ridículas como a de ontem.

    Já que estávamos na série B e teríamos que disputá-la mesmo esse ano, o mínimo que o vasco deveria fazer nesse momento do campeonato era está na liderança com uns dez pontos no mínimo de diferença para o segundo colocado, mas não, temos que passar por todo esse constrangimento e faltando dez rodadas ainda corremos riscos de nem ascender a primeira divisão.

    Ontem eu não aguentei assistir o jogo todo, quando deu uns vinte minutos do segundo tempo que o vasco não queria mais nada com o jogo, apenas segurar o resultado, e do outro lado a inoperante Lusa que nada fazia, cansei de me irritar e fui arruma mais o que fazer. Ao final verifiquei que nada mudou e que pelo menos conseguimos os três pontos.

    E o Fabrício hein ??? Meu Deus é muito ruim, não é possível que esse cara ainda seja escalado de titular, qualquer um é menos ruim que esse cara. Ele não marca, não corre , não acerta um passe e ainda faz gracinha com a torcida., é dose pra mamute meu irmão.

    Quanto ao Joel. é desse jeito mesmo que ele vai levar o campeonato, tá a seu feitio , do jeitinho que ele gosta, e ainda soltou uma pérola na entrevista. “Pedro Ken vai fazer gol pra quê ? ” Esse é o papai Joel, a que ponto chegou o vasco….

    Uma coisa é certa , apesar de todo o fanátismo , hoje em dia assistir um jogo do vasco é um verdadeiro calvário, é gostar de sofrer e muito, sem falar que faz um mal desgraçado para as coronárias.

    Espero que acabe logo esse ano e que com as eleições o ano que vem tenhamos um novo horizonte na colina, pois ta difícil de aturar.

    Saudações Vascaínas !

  16. JC, o que mais me preocupa nem é subir, que seja em 4º, 3º, 2º ou 1º, que, tudo bem, seria a obrigação, mas para mim pouco importa, não faço nenhuma questão de troféu de campeão da série B (que, aliás, já temos :\ ).

    O que me preocupa mesmo é que não vislumbro nem ao longe a possibilidade, nesse momento, de que consigamos montar um time para o Vasco FICAR na primeira divisão em 2015.

    Tomara que, quem quer que vença essas eleições (torço pelo Brant, pois já vi e conheci as outras opções e, não, obrigado), me mostre que eu estou enganado.

    Viva o Vasco da Gama.

  17. Wanderson DS

    Mais um show de horrores, unica diferença é q não tomou gol de empate no final, mas estavam fazendo uma força desgraçada pra isso… até quando esse martírio meu Deus?!

    E o Fabrício heim?! Invenção do sem vesícula e sem parte do cérebro também pelo jeito, pavoroso, displicente, e o pior DEBOCHADO! Cara como fiquei com ódio desse vagabundo mandando beijinho irônico pra vaia da torcida! O fdp me fez ter saudades do Felipe Bastos! Que quando esteve aqui, foi vaiado sempre, até quando nem merecia, mas sempre mostrou CARÁTER em nunca ironizar a torcida como esse babaca do fabrício ontem!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s