Pior a emenda que o soneto

tiro_no_peAmanhã já tem jogo, mas há um assunto que merece alguns comentários antes da partida contra o Náutico: é a prorrogação do mandato do Dinamite até as eleições, em novembro.

Obviamente, essa é uma decisão que ninguém gostaria de ver. Não deve existir um vascaíno sequer que não esteja esperando ansiosamente ver o atual presidente longe do cargo. Mas a opção que se apresenta, articulada pela dupla de candidatos que parece concordar em tudo, pode ser ainda pior que a manutenção da atual diretoria por mais três meses. Um verdadeiro tiro no pé.

Isso por um motivo muito simples. O Conselho Deliberativo fará uma reunião na próxima quarta para decidir se Dinamite continua ou não no poder até o pleito. Caso isso não aconteça, duas são as possibilidades: a primeira, que Abílio Borges, presidente do Deliberativo, assuma a presidência interina; a outra, que seja criado um conselho para presidir o clube até os eleitores escolherem um novo mandatário.

Mas parece óbvio que, não havendo a prorrogação do mandato do Dinamite, qualquer uma das duas soluções acabará favorecendo um ou outro candidato. Se Borges se tornar presidente interino, Roberto Monteiro, vice-presidente do Conselho Deliberativo, assume a presidência; se for montado um conselho, dificilmente não haverá influência desse mesmo conselho ou do Conselho de Beneméritos – presidido pelo Eurico – na escolha dos seus integrantes.

Com isso, as chances de uma solução aceitável para o caso do mensalão se reduz a zero. Dificilmente o tal recadastramento, defendido pelo Dinamite, sairá. E com isso, todos os sócios de abril, sejam os legais ou os bancados por chapas em troca de votos, poderão participar do pleito. Indo mais adiante, outras decisões importantes, como a cobrança dos R$ 3 milhões que o clube faz ao Eurico, podem ser subitamente esquecidas. É o típico caso de “emenda pior que o soneto”: sair o incompetente para a entrada de quem pode privilegiar candidatos que nem sempre pensam no que é melhor para o Vasco.

É impressionante que isso tudo passe batido pelos eleitores que podem escolher quem quiser para votar (porque, não podemos esquecer, há os que têm “compromisso” com uma ou outra chapa). Se os encontros entre Monteiro e Eurico não deixam claras as intenções de ambos os candidatos, e ainda assim há que considere os dois boas opções para presidir o Vasco, não há muito mais o que fazer.  Que depois cada um arque com as consequências de suas escolhas.

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG.

Anúncios

18 Comentários

Arquivado em Notícias, Política

18 Respostas para “Pior a emenda que o soneto

  1. Vascaíno do Recife

    Infelizmente o pior cenário se confirmou! Clube sem poderes e comandado por uma comissão de representantes ligados aos dois picaretas do mensalão! Como isso pôde acontecer? Onde estavam os conselheiros que não impediram que essa maracutaia acontecesse??? Temo muito pelo futuro do Vasco. Só mesmo a torcida, a segunda maior do brasil, pra impedir de virarmos um mequinha da vida!

    • JC Barbosa

      Os conselheiros estavam votando A FAVOR da formação de uma comissão.

      • Vascaíno do Recife

        É JC, o Vasco está em maus lençóis com esse representantes! Além de votarem claramente contra o Vasco, ainda aceitaram uma comissão de “gestores” ligados as duas chapas mais interessadas em não se apurar nada até as eleições! Só rezo que os milhares de sócios de verdade do Vasco se mobilizem e façam essa manobrar do mensalão ser um tiro que saiu pela culatra bem caro pra esses dois senhores.

  2. David

    Beleza JC!
    Só tem um problema sério… Querer que um sócio comprado pela dupla monteiro-eurico tenha um mínimo de decência e ética, depois de fazer a merda de eleger um dos dois malandros se preocupe com as consequências de seus atos!
    “O HOMEM QUE SE VENDE SEMPRE RECEBE MAIS DO QUE VALE!”

  3. Wilson Quaresma

    Mudando um pouco de assunto,mas não deixando de permanecer no tema, espero que Rodrigo Caetano esteja atento e se blinde contra possíveis investidas para tirar Martin Silva do Vasco. Cavallieri está com o contrato a vencer e, caso Eurico não ganhe a eleição (torço para isso), não tenho dúvidas que Celso Barros, amigo do Charuto, coincidentemente insistirá em desfalcar o nosso elenco. Como já aconteceu anteriormente.

  4. LEKO

    Só um exemplo dessa péssima gestão do Roberto. O Vasco ganhou do ABC suando mas ganhou. Nesta terça-feira joga contra o Nautico um jogo adiado pela greve de PM de Recife. No sábado joga em SJ com o líder da série B e o Vasco pode chegar com os mesmos pontos e ficar em 2o.ligar caso ganhe. Então porque essa diretoria não solicitou a CBF para trans ferir o jogo para o Maracanã? Com certeza os vascainos iriam lotar o Maracanã. Mas não estão nem aí, não estão focados no dia a dia do clube, e deixa essa oportunidade de levantar a torcida e sua autoestima
    jogando no Maracanã. Esse pessoal não pensa no clube. A torcida iria lotar mesmo pagando caro. Fizemos isso em 2009? porque não agora??

  5. Rodrigo

    Concordo que manter o Dinamite até novembro seria o mais sensato. Até mesmo pq, as opções são terriveis!! Alias, JC, vc sabe pq o nosso “amado” presidente não tem dado as caras ultimamente?

  6. Hendrik

    O Certo na minha opinião é deixar o Dinamite mesmo pois as coisas no Vasco são muito tumultuadas. E depois dessa eleição esse tumulto tem que acabar. To ano que tem pleito é essa sarrabulhada doida.

  7. Beatriz

    E qual é a sua conlcusão JC? Qual seria o mais viável para o CRGV, ter que deixar o Dinamite até o pleito ou mudar? Na minha opinião bagunçaria/tumultuaria mais o Clube?

  8. Washington-DF

    “E com isso, todos os sócios de abril, sejam os legais ou os bancados por chapas em troca de votos, poderão participar do pleito.”
    Com isso pergunto: – O Estututo do Clube permite que chapas banquem sócios com direito a participar do pleito?
    Não sabia disso!

    • JC Barbosa

      O Estatuto fala em sócios adimplentes. Quem paga as mensalidades não é previsto. E nem deveria ser. O mensalão é eticamente condenável, mas não ilegal.

  9. Marcos Cabeção-Vascão

    Bem que o Dinamite poderia pegar esses 3 meses e fazer algo no Vasco, coisa que ele não fez ou deixou de fazer.

  10. Kauan-Vasco

    O certo mesmo é deixar o Dinamite até o pleito, acho melhor opção. Se for mudar vai virar um furdunça danada.

  11. Vascaíno com esperança

    Mesmo com os dois riscos apresentados no post, ainda assim saímos no lucro com o adiamento da eleição. Temos uma (remota) chance de esclarecer o mensalão do Eurico e o mensalão do Roberto Monteiro, e o Julio Brant ganha fôlego. Os sócios precisam se envolver mais e agarrar essa chance de mudança no clube.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s