Chega de mico

mico

A coleção de marcas negativas atingidas pelo clube na gestão Dinamite é um bom motivo para o quase ex-presidente bater um papinho com o treinador da equipe hoje. Caso o time do Adilson perca para o Bragantino, logo mais, no estádio Nabi Abi Chedid, Dinamite poderá colocar na sua grande lista de micos ser o primeiro mandatário em mais de duas décadas a ver o Vasco perder uma partida para o alvinegro de Bragança Paulista.

Claro que só uma conversa – ou mesmo uma súplica – do Dinamite não fará com que Adilson faça um trabalho melhor ou pior. O treinador tem suas manias e a escalação de hoje mostra que ele seguirá firme com uma delas, a saber, a insistência em improvisar meias como atacantes de lado de campo com funções defensivas. Montoya e Marquinhos (que também é meia de origem) já sofreram com isso e agora é a vez do Biteco penar se adaptando à função.

Se o 3-5-2 tivesse dado certo, nada disso aconteceria. Mas como não deu, voltamos ao já costumeiro 4-3-3, que se não tem sido muito eficiente (pelo menos não com os desfalques que temos no time), tem a vantagem de ter sido treinado centenas de vezes. O esquema melhor assimilado pode facilitar as coisas contra o Bragantino, que nem em casa tem tido uma campanha das melhores, tendo em cinco jogos perdido para o América-MG, empatado com a Lusa e Timbu e vencendo apenas o Oeste.

Além do esquema, Adilson também trocou jogadores com relação à partida contra o Joinville. O rodízio na lateral continua: depois de um jogo ruim do Marlon, é o André Rocha que terá a chance de igualmente não ir bem. Na zaga, Douglas Silva devolve a vaga para Rodrigo. E no meio de campo, parece que o reinado do Fellipe Bastos realmente se encerrou com a volta do Pedro Ken.

Nem é preciso falar de como a vitória é importante. Basta uma rápida olhada na tabela para vermos como a situação ficará tão ruim, que o próprio Bragantino nos ultrapassará caso nos vença. Diante disso, é melhor que o próximo mico da atual gestão não seja uma quebra de um tabu com 23 anos de idade.

Campeonato Brasileiro 2014

Bragantino x Vasco 

Renan; Robertinho, Luiz Eduardo, Yago e Bruno Recife; Francesco, Danilo Bueno, Gustavo e Cesinha; Léo Jaime e Tassio.

Diogo Silva; André Rocha, Luan, Rodrigo e Diego Renan; Fabrício, Pedro Ken e Douglas; Biteco, Yago e Edmilson.

Técnico: André Gaspar.

Técnico: Adilson Batista.

Estádio: Nabi Abi Chedid. Data: 27/05/2014. Horário: 21h50.  Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA). Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Jose Carlos Oliveira dos Santos (BA).

O SporTV transmite para seus assinantes de todo Brasil (exceto SP). O Premiere transmite para seus assinantes e no sistema Pay-per-view.

***

Está definido o dia das eleições no Vasco. No próximo dia 6 de agosto, os sócios poderão decidir como será o futuro do clube: se haverá pelo menos a esperança de que algo mude ou se teremos as mesmas velhas experiências em “gestão” que em 15 anos nos lançaram no buraco em que nos encontramos.

***

Lembrem-se de curtir a fanpage do Blog da Fuzarca no Facebook e seguir o Blog da Fuzarca pelo twitter @jc_CRVG.

Anúncios

19 Comentários

Arquivado em Adversários, Política, Pré-jogo

19 Respostas para “Chega de mico

  1. tem é que trocar de treinador, o time está boicotando o Adilson, só não vê quem não quer!!!

  2. Flávio - São José de Ribamar-MA

    O Sampaio Correa venceu mais uma e estamos perto do G4, temos um jogo a menos, igual ao Vasco. E o Pimentinha, ontem, deixou o dele. Eu espero que o Vasco suba e mire o G4 também. 4 a 1 na Portuguesa que tá uma vaca morta, era para o Sampaio meter uns 7. O Vasco tem que meter 6.

  3. Marcos Nunes

    JC Camarada,
    Pelo tempo que vc ainda não postou nada do jogo de ontem, eu imagino a dificuldade de extrair alguma coisa pra se comentar…pq ontem foi a nata da podridão…arrêgo!!

  4. Salomão

    Bom lembrar que o Poderoso Sampaio venceu com goleada (4 a 1) a Purtuguesa com Show do Pimentinha. É bom que o Vasco ganhe da Lusa e com uma diferença de no minimo 4 gols de diferença, se não for isso, então será um mico.

  5. David

    Que jogo feio o de ontem! Ruim mesmo!
    O time não encaixa uma jogada. Parece que não treinam!
    Não há uma jogada ensaiada. O meio de campo não encosta no ataque. Os atacantes estão isolados um dos outros. Não há um único motivo (além da teimosia e burrice do treinador) para manter esse esquema com três atacantes.
    Avaliar o time que não jogou é fácil?!
    Poderia cobrar o ingresso do Edmílson que nada fez além de assistir ao jogo.
    Rafael não encaixa uma jogada, não dá continuidade em nada, parece jogar sozinho e não levanta a cabeça para olhar os companheiros quando está com a bola no pé.
    Biteco… Putz!! A base tem jogador que atua melhor que ele. Marquinhos, Jhon Cley, Henrique. O cara pensa que é craque mas não consegue fazer um passe na frente sem errar. Empresário forte é outra coisa.
    Yago isolado também não fez nada e nosso lateral não descia para ajudar. Esse André Rocha é muito ruim, tão ruim que lembra o Nei.
    Achamos um gol, após cobrança de falta do Rodrigo, no que deve ter sido o primeiro ou segundo chute dentro da meta no segundo tempo. Sorte o Montoya ter acertado um belo chute. Aí vem a zaga e Diego Renan deixa o adversário livre para concluir ao gol.
    O time marca mal, não cria, não conclui e assim perdemos 6 pontos nos últimos três jogos. Está a cinco da zona de classificação.
    Parece até o florminense em 99!!! PQP
    Adilson já deu o que tinha que dar! E não foi muita coisa! Sua insistência em Diogo Silva, Bastos, André Rocha, três volantes, três atacantes já encheu a paciência!

    O problema é saber que bom técnico está disponível e disposto a treinar o Vasco?
    Alguma sugestão?

  6. Carlos Queiroz

    E ai JC, mesmo com o empate, com o futebol apresentado, não deixou de ser um mico. Foi o primeiro jogo dessa Série B que assisti na integra, e não tenho nenhum motivo para acreditar que vai ser tão fácil como pensam. Nossa zaga sempre dá um mole (lembra que nosso goleiro chama gol né), nosso meio de campo até que, na parte defensiva, tenta se encaixar, mas na criação é terrível, e nosso ataque estava uma lástima, Edmilson jogando feito Reginaldo ( atacante que não ganha uma jogada), Biteco (ou butico) pensando que é algum grande craque e Yago sempre tentando driblar pro lado errado. Adilson com suas teimosias, não abre mão dos 3 atacantes, que sempre se isolam, poderia ter colocado o Dacksom pra ajudar o vaga lume Douglas, que não pode ser quem vai nos conduzir de volta pra série A. A Coisa tá braba, que venha logo a parada da copa, as eleições, enfim algo que anime esse time, pq do jeito que está não sobe. Não se vê VONTADE, GANA, tá brabo.

  7. Ainda falta alguma coisa para se mandar esse jumento do Adilson embora?

  8. Luiz Afonso

    “O rodízio na lateral continua: depois de um jogo ruim do Marlon, é o André Rocha que terá a chance de igualmente não ir bem.”…rs

    O 1o. tempo já não foi bom. Vamos ver se a gente acha um gol.

  9. Bom post, espero que nos não pagamos mais, um Mico , o volta do Rodrigo ajuda muito la atrás, o Luan melhora com ele, vamos ver o ataque se funciona, agora o André Rocha e brincadeira. saudações vascaínas.

  10. David

    Beleza JC!
    Mais um bom post. E como você disse, que não venha mais um mico.
    De bom só a volta de Rodrigo para a zaga e a saída de Bastos.
    De ruim… bem isso tem aos monte. Técnico incompetente escalando meia como ponta e fazendo marcar os laterais; Goleiro muito ruim; Atacante mediano…
    Quando o Vasco irá sair desse maremoto? Quando teremos um comando decente? Quando teremos um técnico inteligente e que saiba ler o jogo?

  11. ANTONIO DIAS - CAMPINAS - SP

    Alô JC. Cara, hoje eu tenho mais de sessenta anos e estou aposentado há quatro. Sempre tive orgulho de fazer o meu trabalho o melhor possível. Fiquei na mesma empresa por ótimos 35 anos e eu gostava muito da minha empresa. Não fiquei rico, apenas vivo confortavelmente, com todas as dificuldades que têm os que optaram por trabalhar. Eu jogava minhas peladas, mas não tinha muito jeito prá coisa, daí decidi ser engenheiro. Fui um bom engenheiro, reconhecido entre meus pares. O que me causa certa indignação é ver o que tem de gente com tão pouco jeito como eu e que optou por ser “jogador de futebol” e ficou rico. No Vasco tem um monte assim.
    Dizem que jogador de futebol precisa ganhar muito porque a carreira é curta. Um jogador ruim, ruim mesmo, que não traz resultado algum, no Vasco, no Flamengo, No São Paulo, não ganha menos do que R$70.000,00 a R$80.000,00. Enrico ganha nesse nível. O que fez ou faz esse cara pra ganhar tudo isso? Felipe Bastos ganha R$120.000,00. Será que o futebol dele vale isso? O enrico não ficou sem contrato nos últimos 5 ou 10 anos. Ou seja, ajuntou mais de 5 ou 8 milhões de reais. Quem de nós, trabalhando 35 anos consegue ajuntar toda essa grana? E trabalhando bem. Dando resultados para a companhia, senão tchau mesmo. Essa é certamente uma das causa da queda do nosso futebol. Jogadores ruins ou medíocres e ricos enquanto os Clubes afundam em dívidas.
    Acho que até nós, torcedores, temos que repensar nossa posição em relação a essa ordem de coisas. Enquanto vemos esse descalabro salarial acontecendo com nossos clubes e pagamos por isso, direta ou indiretamente, deveríamos fazer um balanço para verificar se temos uma relação positiva com o clube entre as alegrias e tristezas que ele nos proporciona. É claro que o que vale são as emoções trazidas durante uma partida de futebol. Tristezas também são emoções, mas estas eu dispenso.
    Cara, no frigir dos ovos, ao final das contas, ao fazer o balanço, nós estamos perdendo feio. O Clube perde feio. Os jogadores ganham. Eles ganham e muito.
    Nós estamos acabrunhados, cabisbaixos, sorumbáticos, entristecidos, depressivos por termos sido rebaixados pra segundona e aqueles incompetentes que nos colocaram lá? Ah bom. Esses continuam recebendo seus salários normalmente, sem o menor remorso.
    Abraços a todos.

  12. Salomão

    Amigo, voce acertou em cheio… Não é que esse macaquinho da foto é a cara do Dinamite e a do Vasco!!! rs rs rs Espero que hoje não tenhamos mais micos… Saudações!!

  13. marcelo paes

    Estou com um bom pressentimento hj!! 1×0 Vasco!! Chorado, mas vai. E Horta. Com muita confusão, mas vai.

    Assim, não é ainda o melhor cenário. 1×0 no bragantino e a incógnita do horta, entretanto, pelas circunstâncias desfavoráveis, é o que eu consigo pensar de melhor.

  14. JC já resumiu: “improvisar meias como atacantes de lado de campo com funções defensivas”. Na boa, não sei se é para rir ou dar aquela chorada de soluçar. Com o zagueiro Rodrigo de volta, de fato a opção pelo 4-3-3 é a melhor.

    Agora, eu ainda prefiro não reclamar muito do Adilson. Pois para mim no Vasco não tem treinador que dará jeito. Mas, tem gente no mercado mais interessante que o Adilson. Dá até para fazer “apostas”. Que tal o Doriva???

    Ontem estive pensando que faz tempo que torcer mesmo, é algo que não faço faz tempo. Hoje o vascaíno deixou de ser mero torcedor e virou acompanhante. E o pior: nos tornamos especialistas em debater a politicagem do clube, as fofocas, em reclamar da mídia… Enfim, torcer mesmo, daquele jeitinho simplório, faz tempo. Coisas de jogo de botão, comprar uma camisa nova, zoar uns e outros – ser zoado também – não tem mais. Nossa relação com o Vasco e contra os rivais se tornou rancorosa. E hoje, terça-feira, 10 da noite, no fim da noite, alimentaremos essa não torcida. Acompanharemos o Vasco. E como todo acompanhante, temos que obedecer o roteiro. Tá chato.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s